Números

Vendas de rochas brasileiras para o exterior fatura US$ 1,11 bilhão em 2023; ES lidera exportações

Em um cenário desafiador, o setor de rochas naturais brasileiro registrou faturamento de US$ 1,11 bilhão em exportações em 2023. Os dados são do Centro Brasileiro dos Exportadores de Rochas Ornamentais (Centrorochas). O número reflete a resiliência do setor que, após atender a demanda reprimida no pós-pandemia segue enfrentando antigos problemas como obstáculos logísticos.

Segundo o presidente do Centrorochas, Tales Machado, o restabelecimento do segmento como consequência ao boom do pós-pandemia, era esperado. “Muitos segmentos econômicos sofreram os impactos da pandemia de forma imediata. No setor de rochas, me arrisco em afirmar que ele está chegando agora. O que nos conforta é que esse efeito veio em forma de restabelecimento do faturamento aos níveis do período pré-Covid.”, explicou.

Segundo o dirigente, mesmo com a redução do faturamento em comparação a 2022, de 13,4%, o desempenho positivo foi mantido, sinalizando a capacidade do setor em superar adversidades. “Por meio do It’s Natural, temos realizado várias estratégias de expansão de mercados e a busca inovadora de aproximação com os especificadores internacionais de rochas”, afirmou referindo-se ao projeto setorial de promoção das rochas brasileiras no mercado internacional, executado pelo Centrorochas com o apoio da ApexBrasil.

Entre as ações confirmadas para este ano, está a participação brasileira na KBIS 2024, principal evento da América do Norte para design de cozinhas e banheiros, que reunirá mais de 49 mil arquitetos e designers entre os dias 27 e 29 de fevereiro, em Las Vegas. E o Brasil contará com um estande conceitual para promoção de suas pedras no país que mais importou seus materiais em 2023. Os Estados Unidos foram o principal destino das rochas naturais brasileiras, absorvendo 54,7% de tudo o que o Brasil enviou. Na sequência aparecem China (15,4%), Itália (7,16%), México (5,11%) e Reino Unido (1,8%).

Entre estados exportadores, o Espírito Santo se manteve na liderança, com 82,24% dos embarques nacionais, seguido por Minas Gerais (10,4%) e Ceará (3,16%).

Confira mais Notícias

Números do ES

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre de 2024

Investimentos

Siderúrgicas anunciam R$ 100,2 bi em investimentos no Brasil até 2028

Agro

Espírito Santo é o maior produtor e exportador de mamão do Brasil

Tragedia Ambiental

ES e MG pedem à Samarco, Vale e BHP Billiton R$ 100 bi por rompimento da barragem de Fundão

Dinheiro

Com projeção de alta de 3,1% em 2024, economia capixaba é destaque internacional nesta segunda

Dinheiro

Políticos e entidades criticam corte de 0,25 ponto da Selic

Oportunidade

Feirão Zera Dívida Banestes renegocia débitos em mais 11 agências

Números capixaba

Espírito Santo registrou em 2023 menor taxa de desocupação da série histórica