Editais

Novo programa vai investir meio milhão de reais na cultura de Cachoeiro

A Prefeitura de Cachoeiro e a Secretaria de Estado da Cultura (Secult) realizaram o lançamento oficial do programa de Coinvestimento Fundo a Fundo no município.

A solenidade, no Centro Operário e de Proteção Mútua, aconteceu na última quinta-feira, e contou com a presença de autoridades e fazedores de cultura da região.

O programa vai investir R$ 515.800,00 na produção cultural cachoeirense – R$ 256.913,96 do Estado e R$ 258.886,04 da Prefeitura.

Serão contemplados projetos que forem selecionados em seis editais que a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semcult) publicará no dia 11 de outubro.

Um dos editais é dedicado à valorização da diversidade artístico-cultural do município e receberá propostas em áreas como dança, música, artesanato, cultura popular, teatro e audiovisual, contemplando 61 projetos, no valor de R$ 3 mil cada.

Em outro edital, serão selecionados pareceristas para avaliação dos projetos inscritos nos editais do programa Fundo a Fundo.

Também haverá oportunidades para profissionais (pessoas física ou jurídica) que queiram ministrar oficinas e cursos em vários segmentos artísticos e, ainda, realizar pesquisa, fundamentando a importância de Patrimônios Materiais e Imateriais para fins de tombamento.

O Plano de Ação do programa inclui, ainda, um chamamento público para seleção de três Organizações da Sociedade Civil (OSC) interessadas em realizar eventos culturais no município, com a destinação de R$ 26.600,00 para cada proponente contemplada.

Na cerimônia, a secretária municipal de Cultura e Turismo, Fernanda Martins, destacou a importância do programa para Cachoeiro.

“Essa é uma nova era de incentivo à cultura de Cachoeiro. Estamos felizes com essa parceria entre gestões que são próximas e que valorizam, incentivam, investem e honram a cultura”, expressou.

“Cachoeiro é um dos municípios que nunca parou de fomentar a cultura em nosso estado, mesmo na pandemia. Nós temos certeza de que esses editais serão bem aproveitados por essa cidade que sabe, como ninguém, produzir artistas”, salientou o secretário de Estado da Cultura, Fabrício Noronha.

“Esses editais vêm para fortalecer, ainda mais, a nossa já consistente política de incentivo cultural, ampliando o apoio aos nossos fazedores de cultura e o acesso aos produtos culturais no município”, ressaltou o prefeito de Cachoeiro, Victor Coelho.

Visitas às obras do Palácio Bernardino Monteiro

Antes da solenidade, os secretários Fabrício Noronha e Fernanda Martins realizaram uma visita às obras de restauro do Palácio Bernardino Monteiro, que, por décadas, serviu como sede da Prefeitura.

Na ocasião, vistoriaram o andamento dos serviços, que irão transformar o edifício histórico em um novo centro cultural, onde ficarão abrigados a Biblioteca Pública Municipal “Major Walter dos Santos Paiva”, o Arquivo Público Municipal de Cultura “Evandro Moreira”, salas de oficina e outros atrativos.

A reforma completa do Palácio é fruto de convênio entre a Prefeitura e o governo estadual. O investimento é de cerca de R$ 2,2 milhões e a previsão é de que as obras sejam concluídas em 2023.

Confira mais Notícias

Serviços

Em Cachoeiro, operação da PPP da Iluminação Pública terá início autorizado na próxima semana

Oportunidades

Em Cachoeiro, Agersa prepara Concurso Público para provimento de cargos efetivos

Obras

Prefeitura de Cachoeiro busca investimento para implementar programa de desenvolvimento local

De 4 a 7

Edição 2024 da Exposul Rural será realizada em abril, em Cachoeiro de Itapemirim

Sistema de esgoto adequado é acessado por 3 em cada 4 brasileiros

Desconto

Refis: prazo para negociação de dívidas em Cachoeiro termina na próxima segunda (26)

Para obras

Cachoeiro começa essa segunda (19) com trecho da Linha Vermelha interditado

Gastroenterologista

Médico Gedião Seraphim será sepultado nesta Quarta-Feira de Cinzas, em Cachoeiro