Movimentos políticos

De olho na vaga, deputados repercutem eleição para o Tribunal de Contas do Espírito Santo

Em sessão extraordinária híbrida nesta quarta-feira (28), deputados se manifestaram sobre a eleição para a vaga de conselheiro aberta no Tribunal de Contas do Estado (TCE-ES). Hudson Leal (Republicanos) pediu reflexão por parte dos colegas, uma vez que o cargo será preenchido por meio de indicação feita pelo Legislativo. “Temos bons nomes aqui”, afirmou.

Hudson disse que a Assembleia Legislativa (Ales) tinha três representantes (dos quatro que devem ser escolhidos pela Casa) e, com a aposentadoria do conselheiro Sergio Borges (ex-parlamentar), esse número cairá para dois (os ex-deputados Rodrigo Chamoun e Rodrigo Coelho). 

Na análise dele, o número de conselheiros escolhidos pelas assembleias legislativas nos estados mais desenvolvidos é maior quando comparado aos menos desenvolvidos, que acabam privilegiando familiares e pessoas próximas. Em Santa Catarina, frisou que são cinco parlamentares no TC.

“Se o constituinte fez isso, porque tem que entender, ele quis colocar ali quem foi testado na urna”, justificou ao lembrar que o dispositivo legal preserva o respeito entre os poderes nesse caso. Hudson pontuou que o presidente Marcelo Santos (Podemos) foi preterido duas vezes para a vaga, assim como o colega de plenário Dary Pagung (PSB), uma vez. 

“A gente tem que refletir. Vai ter uma eleição importante. Não é de confronto a nenhum poder, é de nós ocuparmos o espaço que é dessa Casa de Lei”, defendeu. Ao longo do discurso, Hudson reforçou que o voto secreto para a eleição foi instituído para evitar interferências.

Outros deputados se manifestaram sobre o tema. O colega de partido, Sergio Meneguelli, considerou estranha a demora para a eleição e fez um apelo para que o pleito seja realizado assim que possível. Janete de Sá (PSB) considerou ser importante escolher uma pessoa capacitada para o cargo a fim de manter o TCE no “caminho certo”.

inciso XIX do artigo 56 da Constituição do Estado descreve que é competência exclusiva da Ales escolher quatro dos membros da Corte de Contas.

Confira mais Notícias

Segurança

Lula sanciona, com veto, projeto que proíbe saidinha de presos

Caixa Preta

Senado instala CPI das Apostas Esportivas com Romário relator e Cajuru presidente

Decisão dos deputados

Câmara decide manter prisão de deputado Chiquinho Brazão

Economia

Lula assina MP que prevê redução de 3,5% a 5% na conta de luz

No ES

Motoristas de app criticam proposta de regulamentação

Brasil

Regulamentação de redes sociais no Brasil é inevitável, diz Pacheco

Eleições 2024

Partidos de Marataízes definem apoios; município terá três candidatos disputando a prefeitura

Projeto de Lei prioriza cliente cadastrado em empresas; deputado Allan é autor do PL