Menos juros

Caixa reduzirá juros para 2,1 milhões de micro e pequenas empresas


Fonte: Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal pretende reduzir juros para cerca de 2,1 milhões de micro e pequenas empresas (MPEs). A presidente do banco, Rita Serrano, fez o anúncio durante evento da Frente Parlamentar do Empreendedorismo nesta terça-feira (11).

A redução será possível por causa de um acordo firmado com a Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB). Segundo a Caixa, os juros poderão cair até 33% em algumas linhas de crédito.

“A Caixa está voltando a atuar fortemente nos programas do governo, no Minha Casa Minha Vida, [no] Bolsa Família. Toda a função da Caixa no gerenciamento de programas sociais está retornando e, junto com isso, o olhar para o desenvolvimento do país, voltado para o setor produtivo. Precisamos de crédito para produzir”, disse Rita Serrano.

Empresas associadas ao convênio poderão contratar linha de capital de giro com taxas a partir de 1,21% ao mês. A compra de máquinas e equipamentos poderá ser financiada com taxas a partir de 1,34% ao mês.

Os clientes associados também terão taxas reduzidas na contratação do GiroCaixa Fampe, com juros a partir de 1,87% ao mês. Sem destinação específica e sem garantia, o empréstimo é destinado a microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte, que faturam até R$ 4,8 milhões por ano.

O banco anunciou outras vantagens às empresas que fazem parte do convênio, como a gratuidade na primeira anuidade dos cartões de crédito e convênio de cobrança bancária com desconto de até 30%.

Confira mais Notícias

Dívidas

Cerca de 8 milhões de empresas poderão usar o Desenrola, diz ministro

Royalties

Marataízes, Itapemirim e Presidente Kennedy são os grandes beneficiados em acordo com Petrobras

Seu dinheiro

Brasileiros ainda não sacaram R$ 7,59 bilhões de valores a receber

Publicada nesta terça-feira (6)

Governo aumenta limite de isenção do IR em 2 salários mínimos

Seu Dinheiro

Consulta ao valor do PIS/Pasep de 2024 é liberada

Seu dinheiro

Preço da gasolina e do diesel sobem nesta quinta com novo ICMS

Quinta vez seguida

Copom reduz juros básicos da economia para 11,25% ao ano

Brasil criou 1,48 milhão de empregos formais em 2023, aponta Caged