Baixos índices

Boletim aponta Cachoeiro entre os municípios com menor incidência de dengue no estado

Segundo boletim epidemiológico divulgado na última quinta-feira (25) pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesa), Cachoeiro de Itapemirim encontra-se classificado como município com baixa incidência de dengue.

Neste mês de janeiro, foram 79 casos confirmados e nenhum óbito registrado, dados que colocam Cachoeiro entre as cidades capixabas com menor incidência da doença. Até o momento, o estado do Espírito Santo já registrou mais de 5,5 mil casos de dengue nas primeiras semanas de 2024.

Para a manutenção deste índice, a Prefeitura de Cachoeiro, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), realiza um trabalho permanente de vigilância e combate ao Aedes aegypti, com a atuação dos agentes de endemias e o emprego de ações volantes com uso de termonebulizadores e bombas costais para eliminar focos de reprodução do mosquito.

“Realizamos um acompanhamento permanente do quadro de casos de arboviroses em Cachoeiro, e direcionamos o foco das ações em bairros e distritos onde há registros da doença, o que indica a presença do Aedes aegypti. Com a eliminação dos focos de reprodução do mosquito, interrompemos novos ciclos de infecção, aumentando a proteção contra a dengue e seus agravos à saúde da população”, destaca Alex Wingler, secretário municipal de Saúde de Cachoeiro.

Wingler destaca, ainda, que, em face ao bom desempenho de Cachoeiro no combate à dengue, o município não preencheu os requisitos do Ministério da Saúde para receber a vacina contra a doença. O órgão federal leva em consideração cidades de grande porte, com altas taxas de transmissão e maior predominância do sorotipo DENV-2.

“Nessa fase inicial da distribuição das vacinas contra a dengue, o Ministério da Saúde está priorizando municípios que enfrentam altos índices de infecção ou situações graves de epidemias. Por apresentar baixos índices de infecção e ausência de óbitos, Cachoeiro, neste primeiro momento, não receberá o imunizante”, finaliza o secretário

Cuidados com a dengue em casa

Mesmo com as ações do poder público para conter a proliferação do mosquito transmissor da dengue, a população deve ficar atenta e também fazer sua parte.

É importante observar possíveis focos do inseto, que deposita seus ovos em água parada e limpa. Além disso, é importante receber os agentes de endemias, que realizam visitas a domicílios para vistoriar e eliminar criadouros do mosquito.

Confira alguns passos para afastar o Aedes aegypti de sua casa:

  • Mantenha bem tampados: caixas, tonéis e barris de água.
  • Limpe as calhas com frequência, evitando que galhos e folhas possam impedir a passagem da água.
  • Se guardar garrafas de vidro ou plástico, mantenha sempre as bocas para baixo.
  • Proteja ralos sem tampa com telas finas.
  • Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira sempre bem fechada.
  • Não jogue lixo em terrenos baldios.
  • Não deixe a água da chuva acumular sobre a laje.
  • Encha os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda.
  • Se guardar pneus velhos, retire toda a água e os mantenha em locais cobertos, protegidos da chuva.
  • Lave, com frequência, com água e sabão, os recipientes usados para guardar água, pelo menos, uma vez por semana.
  • Os vasos de plantas aquáticas devem ser lavados com água e sabão, toda semana. É importante trocar a água desses vasos com frequência.
  • Quando o agente de endemias – devidamente identificado – pedir para fazer a vistoria de rotina, permita a sua entrada.
  • Se for viajar por longo período, certifique-se de que não está deixando nenhum recipiente em local onde possa acumular água.

Confira mais Notícias

Nesta terça

Na Câmara, prefeito de Cachoeiro presta contas de ações desenvolvidas em 2023

Mundo Agro

Exposul Rural 2024 segue com atrações durante o fim de semana

História

Kennedy Ontem, Kennedy Hoje, Kennedy do Futuro“60 Anos de História”

Mundo Agro

Exposul Rural 2024 começa nesta quinta-feira (4), em Cachoeiro

Mês de Abril

Cesan isenta moradores do sul do Estado atingidos pelas fortes chuvas

Depois da chuva

Mimoso do Sul: serviços de saúde começam a ser restabelecidos em 12 pontos de apoio

Agenda

32ª Expo Jaqueira continua neste final de semana em ritmo de solidariedade

Índices

Cachoeiro fecha trimestre com redução de homicídios e crimes patrimoniais