Rochas ornamentais

Setor de rochas do ES volta a participar da Xiamen Stone Fair, principal feira de rochas do Oriente

Superado o impacto causado pela pandemia do Covid-19, após toda restrição de entrada de imigrantes na China, o Brasil retoma sua participação na Xiamen Stone Fair, principal feira de rochas ornamentais do Oriente, que acontece de 05 a 08 de junho em Xiamen, na Província de Fujian. O país será representado por 11 empresas apoiadas pelo It’s Natural – Brazilian Natural Stone, projeto de incentivo às exportações de rochas ornamentais brasileiras que é executado pelo Centro Brasileiro dos Exportadores de Rochas Ornamentais (Centrorochas), com apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil).

AmagranCajugramCorcovadoDecoloresGramaziniMagbanMargramarPedra do FradePolitaSanto Antonio Stones e Willcomex são as empresas que compõem a delegação brasileira presente no evento. Nos estandes instalados no Hall A5, elas irão exibir um pouco da maior diversidade geológica do planeta e explorar o grandioso mercado chinês.

A China desempenha um papel extremamente significativo no mercado de rochas do Brasil. O país o segundo maior destino das exportações brasileiras do segmento, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. Em 2022, o Brasil registrou recorde histórico de faturamento de U$ 163 milhões com as exportações para a China, sendo mais de 90% do consumo na forma bruta dos materiais. O granito brasileiro é o produto mais importado pelos chineses, representando 61% dos negócios; enquanto quartzitos e mármores, representam 18,5% e 12%, respectivamente.

No primeiro quadrimestre de 2023 já foram exportados para a China U$ 44 milhões, reforçando a importância desse mercado para o setor nacional. “Com uma indústria de construção em expansão e uma demanda cada vez maior por materiais de construção de alta qualidade, as rochas ornamentais brasileiras são altamente valorizadas no mercado chinês devido à sua diversidade de cores, padrões únicos e qualidade superior”, afirmou o presidente do Centrorochas, Tales Machado.

Para Rogério Ribeiro, gerente do It’s Natural, a participação das empresas no evento se dá como uma estratégia importante para impulsionar as exportações. “A presença brasileira nesse mercado é reconhecida pela qualidade dos produtos e pela capacidade de atender às exigências dos consumidores chineses”, pontuou.

Confira mais Notícias

Dívidas

ES teve mais de 92 mil contratos negociados na Faixa 1 do Desenrola por meio do site do programa

3 de junho

INSS paga segunda parcela do 13º a quem recebe acima do mínimo

Negócios

ESPÍRITO SANTO EXPORTOU 636 MIL SACAS DE CAFÉ EM ABRIL

Brasil

Nova presidente da Petrobras defende políticas de preços em vigor

Seu Dinheiro

INSS começa a pagar nesta sexta décimo terceiro antecipado

Números do ES

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre de 2024

Investimentos

Siderúrgicas anunciam R$ 100,2 bi em investimentos no Brasil até 2028

Agro

Espírito Santo é o maior produtor e exportador de mamão do Brasil