Consumidor

Ministério do Turismo pede investigação sobre 123 Milhas


Fonte: Agência Brasil

O Ministério do Turismo informou neste sábado (19) que acionou a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) para avaliar a conduta da agência 123 Milhas.

Em comunicado divulgado sexta-feira (18), a empresa informou que suspendeu a emissão de passagens para embarque previsto entre setembro e dezembro deste ano. O

Em nota divulgada à imprensa, o Ministério do Turismo declarou que vai acompanhar o avanço das investigações e manter os consumidores informados.

“O Ministério do Turismo já acionou o Ministério da Justiça e Segurança Pública para que, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), avalie a instauração de um procedimento investigativo que esclareça as razões de tais cancelamentos, identifique todos as pessoas atingidas e promova a reparação de danos a todos os clientes prejudicados”, informou a pasta.

De acordo com a 123 Milhas, os valores já pagos pelos clientes serão devolvidos em vouchers para compra na plataforma. Segundo a empresa, os cancelamentos ocorreram por “motivos alheios a sua vontade”.

“Nós entendemos que essa mudança é inesperada e lamentamos o inconveniente que isso possa causar. Para nós, manter a sua confiança é o mais importante. Por isso, estamos fazendo o possível para minimizar as consequências deste imprevisto”, declarou a plataforma.

Confira mais Notícias

Futebol

Conmebol confirma datas e horários das oitavas da Libertadores

Oportunidades

Governo do Estado anuncia edital para seleção de professores do Programa Mulheres Mil

Dia dos Namorados

Paciente é pedida em casamento no hospital

Rio Grande do Norte

Juiz considera inconstitucional taxa de uso de terrenos de marinha

Brasil

Biodança, ovnis, perucas: com que trabalham as novas profissões

Basquete

Franca derrota Flamengo e fica a uma vitória do título do NBB

Futebol

Endrick decide e Brasil bate México em preparação para a Copa América

Esporte

Flamengo derrota Franca para empatar em 1 a 1 série final do NBB