Festa de Cachoeiro: cantor Anderson Freire doará cachê para entidades sociais

Atração confirmada da edição 2024 da Festa de Cachoeiro, o cantor Anderson Freire anunciou que irá destinar o seu cachê para entidades que realizam trabalhos sociais no município. O artista se apresentará na quinta-feira (27), primeiro dia de shows ao Parque de Exposição “Carlos Caiado Barbosa”, no bairro Aeroporto, a partir das 22h, durante a Noite Gospel. Entre as instituições que serão contempladas com a iniciativa do cantor estão a Associação de Pais de Autistas de Cachoeiro de Itapemirim e Sul do ES (Apaches), a Casa de Apoio ao Câncer e os projetos Mova-se, Nossa Criança, Casa Verde e Criança Bandeira. Em um vídeo divulgado na noite desta quinta-feira (13), em suas redes sociais, o prefeito Victor Coelho parabenizou a iniciativa de Freire em contribuir com entidades sociais do município. “Parabenizamos o cantor Anderson Freire por este apoio às instituições cachoeirenses, que somadas a outras que também atuam no município, representam uma grande rede de assistência social, atuando para reduzir desigualdades e fortalecer a cidadania em Cachoeiro. Convidamos o público a estar conosco no Parque de Exposição, levando doações ao Banco de Alimentos, em uma grande corrente de solidariedade”, destaca o prefeito Victor Coelho. Público poderá doar alimentos Além de garantir diversão e cultura, a Festa de Cachoeiro vai incentivar o exercício da solidariedade. As atrações no Parque de Exposição, entre os dias 27 e 30 de junho, terão pontos de coleta onde os visitantes poderão doar 1 kg de alimento não perecível. A iniciativa é um convite ao público para ajudar famílias em situação de vulnerabilidade cadastradas em Centros de Assistência Social do município, que serão destinatárias dos itens que forem arrecadados, junto a instituições como lares de idosos, hospitais filantrópicos e serviços de acolhimento de crianças e adolescentes, por meio do Banco de Alimentos de Cachoeiro. Além disso, parte das doações arrecadadas será destinada ao estado do Rio Grande do Sul, que teve diversas cidades duramente afetadas pelas chuvas no último mês de maio. Programação da Festa de Cachoeiro 2024 A edição 2024 da Festa de Cachoeiro estará repleta de atrações para todos os públicos. A programação inclui as tradicionais solenidades, como a recepção do Cachoeirense Ausente, a Missa de São Pedro e a Corrida de São Pedro, além de uma série de shows musicais com a participação de artistas nacionalmente conhecidos, como o cantor Dilsinho e a dupla Munhoz e Mariano. Confira a programação completa no site da Prefeitura de Cachoeiro

Governo do Estado inicia remoção das cabines da Terceira Ponte

O Governo do Estado inicia nesta segunda-feira (17) o processo de remoção das cabines da antiga praça de pedágio da Terceira Ponte. O anúncio foi feito pelo governador Renato Casagrande, por meio das redes sociais. Após o encerramento do contrato com a antiga concessionária, em dezembro do ano passado, a gestão das vias (Terceira Ponte e Rodovia do Sol/ES-060) passou a ser de responsabilidade exclusiva do Estado, por meio da Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo (Ceturb-ES). “Vamos iniciar a semana com essa notícia maravilhosa. Para não restar qualquer dúvida sobre o fim da cobrança de pedágio. A retirada das cabines começará pela Terceira Ponte e daqui a alguns dias também serão removidas na Rodovia do Sol, em Guarapari. Esse é mais um passo desde que assumimos o contrato de gestão. Vamos seguir prestando todos os serviços necessários e sem cobrar nada a mais da população”, disse o governador. O secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno, reforçou que a remoção será realizada por trechos, minimizando impactos no trânsito .”A remoção das cabines faz parte de um projeto mais amplo de reorganização viária da área, conduzido pela Secretaria. Além das obras em Vitória, o mesmo serviço será realizado na antiga praça de pedágio na Rodovia do Sol”, completou.

Presidente do Solidariedade entrega-se à PF após três dias foragido

Fonte: Agência Brasil Foragido desde a última quarta-feira (12), o presidente do Solidariedade, Eurípedes Gomes Macedo Júnior, entregou-se à Polícia Federal (PF) em Brasília na manhã deste sábado (15). Acompanhado dos advogados, ele chegou à Superintendência da corporação por volta das 11h45 e ficará na PF até a transferência para o sistema penitenciário. Eurípedes é acusado de desvio dos fundos partidário e eleitoral do Partido Republicano da Ordem Social (Pros), legenda que se fundiu ao Solidariedade no ano passado, durante as eleições de 2022. Ex-presidente do Pros, Marcus Vinicius Chaves de Holanda acusa Eurípedes de desviar R$ 36 milhões do partido. A investigação indiciou Eurípedes como líder de uma organização criminosa, da qual também participariam a esposa, as duas filhas, um irmão, uma cunhada, um primo e a esposa do primo. A defesa do presidente do Solidariedade alega “total inocência” de Eurípedes e afirma que conseguirá provar “a insubsistência dos motivos” perante a Justiça. Em nota, o Solidariedade informou que Eurípedes pediu licença do comando do partido por prazo indeterminado. O comando nacional da sigla será assumido pelo deputado federal Paulinho da Força (SP), até então vice-presidente da legenda. Operação Na quarta-feira (12), a Polícia Federal deflagrou a Operação Fundo do Poço, que cumpriu sete mandados de prisão preventiva, 45 mandados de busca e apreensão no Distrito Federal, em Goiás e no estado de São Paulo. No mesmo dia, a Justiça Eleitoral do DF determinou o bloqueio e indisponibilidade de R$ 36 milhões e o sequestro judicial de 33 imóveis. De todos os mandados de prisão, o único que não havia sido cumprido tinha sido o de Eurípedes, que não foi encontrado em casa no dia durante a operação. Embora tivesse viagem marcada, o dirigente partidário também não foi encontrado no aeroporto e tinha sido incluído na lista vermelha de foragidos da Interpol. Defesa Em nota, a defesa do presidente nacional do Solidariedade informou que, após ter se licenciado das suas funções de dirigente partidário, Eurípedes apresentou-se voluntariamente à Polícia Federal no Distrito Federal para permitir o cumprimento do mandado de prisão preventiva. “Os advogados que integram a sua defesa afirmam que o Sr. Eurípedes Gomes de Macedo Júnior demonstrará perante a Justiça não só a insubsistência dos motivos que propiciaram a sua prisão preventiva, mas ainda a sua total inocência em face dos fatos que estão sendo apurados nos autos do inquérito policial em que foi determinada a sua prisão preventiva”, destacou o comunicado.

Tribunal de Contas recomenda a rejeição das contas de 2020 de Giló, em Mimoso do Sul

O Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES) emitiu parecer prévio recomendando a rejeição das contas do exercício de 2020 da prefeitura municipal de Mimoso do Sul, sob a responsabilidade do prefeito Ângelo Guarçoni Junior, conhecido popularmente como Giló. Cabe recurso da decisão, que ocorreu durante a sessão virtual da segunda Câmara, de acordo com o voto do relator, conselheiro Luiz Carlos Ciciliotti da Cunha.   A rejeição é proveniente da manutenção de seis irregularidades encontradas nas contas do Executivo municipal, relativas a achados como insuficiência de recursos para a abertura de créditos adicionais, desequilíbrio nas contas públicas e ausência de recolhimento de contribuições previdenciárias ao RPPS.  Irregularidades  Em relação à insuficiência de recursos para a abertura de créditos adicionais proveniente de excesso de arrecadação e de superávit financeiro do exercício anterior, a área técnica do TCE-ES verificou que, na realidade, o balanço patrimonial de 2019 do município registrou déficit financeiro em algumas fontes de recursos, portanto, não havia saldo suficiente para abertura de créditos nas fontes de recursos apontadas.  A análise também apurou déficit financeiro em diversas fontes de recursos da prefeitura, resultando no montante deficitário de R$ 2.655.873,87, o que evidenciou o desequilíbrio das contas da prefeitura.   Assim, considerando que o município não possuía liquidez para arcar com seus compromissos financeiros, tendo descumprido o dispositivo legal previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), bem como, que a prática vem sendo recorrente também em anos anteriores da gestão, o achado foi mantido irregular.  A análise técnica apontou também que, mesmo já apresentando insuficiência de disponibilidade de caixa, o município inscreveu no exercício de 2020 o valor de R$ 556.822,46 de restos a pagar processados e o montante de R$ 299.737,33 em fontes de recursos vinculados.  Tendo em vista que a inconsistência está diretamente relacionada ao déficit financeiro apresentado pelo município por fonte de recursos, a irregularidade foi mantida.   Último quadrimestre  Com base nos dados apurados pelo sistema CidadES, a análise revelou ainda que o chefe do Poder Executivo em análise contraiu obrigações de despesas nos últimos dois quadrimestres do último ano de mandato, mesmo com insuficiência de disponibilidade de caixa. Assim, na medida em que tal irregularidade afeta o equilíbrio das contas públicas, ela também foi mantida.   Previdência  Foram mantidas ainda as irregularidades que dizem respeito à ausência de equilíbrio financeiro e atuarial do Fundo Previdenciário decorrente de contribuições previdenciárias e aos parcelamentos não recolhidos tempestivamente ao RPPS.   De acordo com o demonstrativo de repasse integral de valores (DELREPI), a Prefeitura Municipal declara não ter repassado todas as contribuições da competência do exercício de 2020, revelando uma pendência total de R$ 521.580,08.  Além disso, o mesmo demonstrativo de repasse integral de valores declara não ter havido pagamento de parcelas dos parcelamentos previdenciários no exercício de 2020. Porém, foi constatada a existência de parcelamentos de débitos da prefeitura Municipal de Mimoso do Sul junto ao RPPS, cujas parcelas não foram recebidas pelo Fundo Previdenciário.  Por essa razão, os itens foram mantidos irregulares.   Por fim, foi identificada divergência entre o valor pago de obrigações previdenciárias da Unidade Gestora e o valor informado no resumo anual da folha de pagamento (RPPS), indicando pagamento a menor.  “Efetuado o recolhimento de 86,13% dos valores devidos no exercício, ou seja, deixou de ser recolhido ao RPPS a título de contribuição patronal o montante de R$ 262.763,87”, destacou o relator, ao manter o achado irregular.   Ressalvas  Outro ponto que resultou na análise foi a ausência de reconhecimento contábil integral do passivo relativo aos precatórios. Porém, este item não foi suficiente para macular as contas do responsável, sendo mantida a irregularidade no campo das ressalvas.  Além disso, relatório técnico registrou publicações extemporâneas de RREOs do 1º, 2º e 5º bimestre de 2020, configurando infringência ao art. 165, § 3º, da Constituição Federal.   Porém, o relator votou por manter a irregularidade no campo das ressalvas, em vista de que a infringência ocorreu no período de pandemia, no qual estávamos em distanciamento social, o que prejudicou o atendimento a prazos para o cumprimento de obrigações junto ao TCE-ES.   Determinações  Além da recomendação pela rejeição, o colegiado determinou à prefeitura de Mimoso do Sul que, sob a supervisão do responsável pelo controle interno municipal, providencie a adoção de medidas para o repasse de contribuições previdenciárias e de parcelamentos devidos e não recolhidos tempestivamente ao RPPS, referentes ao exercício de 2020, além dos montantes devidos relativos a exercícios anteriores, com a incidência de encargos financeiros.  Bem como, que providencie o recolhimento ao RPPS, com juros e correção, do valor de R$ 262.763,87 (duzentos e sessenta e dois mil, setecentos e sessenta e três reais e oitenta e sete centavos), referente à contribuição patronal ao RPPS.  Por fim, recomendou-se ao atual prefeito do município a adoção de medidas a fim de realizar a devida classificação contábil do passivo do ente em acordo com Plano de Contas Aplicado ao Setor Público; bem como que providencie, junto às unidades gestoras integrantes do município, a correta classificação e retificação contábil dos saldos derivados de operações intraorçamentárias.   Segundo o Regimento Interno do Tribunal de Contas, cabe recurso das deliberações tomadas nos pareceres prévios dos chefes do Poder Executivo. O julgamento das contas de governo é de competência do Poder Legislativo, após o recebimento do parecer prévio do Tribunal de Contas.  Processo TC 2420/2021 

Liderado por Ricardo Ferraço, MDB estadual realiza encontro com foco nas eleições municipais

O MDB estadual realiza neste sábado (15), das 8h30 às 12h30, na Matrix Hall, em Cariacica, encontro para tratar das estratégias para as eleições municipais deste ano. A necessidade das cidades e gestores estarem preparados para enfrentar as ocorrências climáticas, cada vez mais presentes no dia a dia, também será tema. Visando sucesso no pleito, serão apresentadas capacitações sobre legislação eleitoral, comunicação e o papel das redes sociais. Participam do encontro o presidente do MDB estadual e vice-governador do Espírito Santo, Ricardo Ferraço, todos os integrantes da Executiva Estadual, filiados de todos os 77 diretórios municipais e seus dirigentes, prefeitos e vereadores com mandato e pré-candidatos. O anfitrião do evento será o prefeito emedebista de Cariacica, Euclério Sampaio. “Tivemos recentemente duas ocorrências climáticas muito graves no Brasil. Aqui no ES 13 municípios foram atingidos com mais gravidade pelas chuvas e inundações, em especial Mimoso do Sul, Bom Jesus do Norte e Apiacá. A gente está vendo também os impactos devastadores no Rio Grande do Sul. Perda de vidas, abalo emocional e prejuízos incalculáveis. Não há como pensar o Brasil e o ES sem debater a questão climática. O tema é uma realidade, está presente e passa a ser pauta permanente no cotidiano da gestão pública”, destaca o presidente estadual Ricardo Ferraço. MDB estadual O MDB, um dos partidos mais tradicionais do país, passa por um momento de reestruturação no Espírito Santo. Atualmente, a sigla conta com 12 prefeitos filiados no estado, nos seguintes municípios: Alto Rio Novo (Luis Americo Borel), Baixo Guandu (Lastênio Cardoso), Cariacica (Euclério Sampaio), Colatina (Guerino Balestrassi), Ibatiba (Luciano Pingo), Irupi (Edimilson Meireles de Oliveira), Laranja da Terra (Josafa Storch), Mantenópolis (Hermínio Benjamin Hespanhol), Mucurici (Atanael Passos Wagmacker), Rio Bananal (Edmilson Santo Elisario), São Domingos do Norte (Ana Izabel M. de Oliveira) e Vargem Alta (Elieser Rabelo). O partido tem ainda sete vice-prefeitos, nos municípios de Alto Rio Novo (Manuel Maforte Hote), Ibatiba (Creziane Moreno Coelho Neves), Irupi (Paulino Lourenço da Silva), Iúna (Claudio Deps Almeida), Laranja da Terra (Florisvaldo Kester), Santa Maria de Jetibá (Florentino Lauvares) e Viana (Fabio Luiz Dias) e 75 vereadores.

Diego Libardi lança sua pré-candidatura a prefeito de Cachoeiro dia 24

Após o anúncio de seu nome pelo trio composto junto com os deputados estaduais Allan Ferreira (Podemos) e Dr. Bruno Resende (União Brasil), o advogado e professor Diego Libardi (Republicanos) lança sua pré-candidatura à prefeitura de Cachoeiro. O evento será realizado no próximo dia 24 de junho (segunda-feira), no Bom Gosto Cerimonial Buffet. Diego está bem cotado para as eleições municipais em Cachoeiro. Sua base, composta pelos partidos Republicanos, União Brasil, Agir, Podemos, PRD e PSD, promete uma grande festa.

Conmebol confirma datas e horários das oitavas da Libertadores

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) divulgou nesta quarta-feira (12) as datas e horários das partidas das oitavas de final da Copa Libertadores. O primeiro confronto, que será entre Grêmio e Fluminense, está programado para ser disputado a partir das 19h (horário de Brasília) do dia 13 de agosto na Arena do Grêmio. No mesmo dia, mas a partir das 21h30, o Atlético-MG visita o San Lorenzo (Argentina) no estádio Pedro Bidegain, em Buenos Aires. No dia 14 será a vez de o Colo-Colo (Chile) medir forças com o Junior Barranquilla (Colômbia), o Peñarol (Uruguai) receber o The Strongest, o Talleres e o River Plate protagonizarem um clássico argentino, enquanto Botafogo e Palmeiras se encontrarem no estádio Nilton Santos a partir das 21h30. Já o dia 15 terá a partida entre Nacional (Uruguai) e São Paulo, a partir das 19h no estádio Gran Parque Central, em Montevidéu, e Flamengo e Bolívar (Bolívia), a partir das 21h30 no estádio do Maracanã. Já os confrontos de volta terão início no dia 20, com Fluminense e Grêmio a partir das 19h no Maracanã, com Atlético-MG e San Lorenzo, a partir das 21h30 em Belo Horizonte, e Junior Barranquilla e Colo-Colo. No dia 21 de agosto, The Strongest e Peñarol medem forças, River Plate e Talleres jogam e Palmeiras e Botafogo se enfrentam a partir das 21h30 no Allianz Parque. As oitavas da Libertadores chegam ao final no dia 22, com São Paulo e Nacional a partir das 19h no Morumbis, e Bolívar e Flamengo, a partir das 21h30 no estádio Hernando Siles, em La Paz.

Polícia Federal abre investigação sobre leilão de arroz

A Polícia Federal (PF) instaurou, na tarde desta quarta-feira (12), um inquérito policial para investigar possíveis irregularidades no leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a compra de arroz importado. De acordo com a corporação, o pedido de averiguação foi feito pela própria presidência da Conab, por meio de ofício, “diante de denúncias de que empresas sem histórico de atuação no mercado de cereais venceram o certame”. A Conab também solicitou à Controladoria-Geral da União (CGU) e à Corregedoria-Geral da própria empresa a imediata abertura de processo de apuração de todos os fatos envolvendo o leilão para a compra do arroz, que tem o objetivo de garantir estoques e evitar uma escalada de preço do produto, em decorrência da calamidade pública no Rio Grande do Sul, o maior produtor do grão no país. “Estas medidas têm como objetivo garantir toda a transparência neste processo, bem como prestar contas e dar a tranquilidade que a sociedade brasileira merece”, informou a Conab. A decisão do governo federal de anular o leilão da Conab foi anunciada ontem (11), cancelando a compra das 263,3 mil toneladas de arroz que seriam importadas para o país. Também no mesmo dia, o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura e Pecuária, Neri Geller, pediu demissão após suspeitas de conflito de interesse. Matéria do jornal Estadão revelou que o diretor de Abastecimento da Conab, Thiago dos Santos, responsável pelo leilão, é uma indicação direta do secretário. Além disso, a FOCO Corretora de Grãos, principal corretora do leilão, é do empresário Robson Almeida de França, que foi assessor parlamentar de Geller na Câmara e é sócio de Marcello Geller, filho do secretário, em outras empresas. Mais cedo, nesta quarta, o ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira, disse que o edital do novo leilão de arroz importado deve sair no prazo de uma semana até dez dias. Fonte: Agência Brasil

Publicitário e marqueteiro político, Roberto Velasco anuncia solução digital para o processo eleitoral deste ano

Velasco, que além de publicitário e marqueteiro político, tem grande conexão com a gestão pública, atua diretamente em campanhas eleitorais há vinte anos. Na última terça-feira (11) anunciou em suas redes sociais algo que parece ter alcance em todo país. Ainda em clima de expectativa não deixou muito claro em sua publicação, mas entramos em contato e conseguimos mais informações. “O que pretendemos é levar a nossa experiência e prateleira de produtos para pré-candidatos e candidatos de todo Brasil, de forma simples, objetiva e principalmente, a um custo praticamente simbólico. É oportunizar que todos tenham acesso a uma campanha minimamente organizada, bonita e eficiente, sem precisar investir alto!”disse Velasco A plataforma digital trará e-books, vídeoaulas, packs com artes editáveis, animações em vídeo, modelos de sites, entre outros. 

Governo do Estado anuncia edital para seleção de professores do Programa Mulheres Mil

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti), em parceria com a Secretaria da Justiça (Sejus) aderiu ao Programa Mulheres Mil Educação, Cidadania e Desenvolvimento Sustentável e lança o edital para o processo seletivo para a formação de bolsistas para a função de professores do programa Mulheres Mil, da Bolsa-Formação do Ministério da Educação. As inscrições serão realizadas exclusivamente por meio eletrônico, devendo o candidato acessar o site www.selecao.es.gov.br no período que teve início nesta terça-feira (11) e segue até as 23h59 do dia 18 de junho. Para concorrer a vagas deste processo seletivo é necessário: ser brasileiro nato ou naturalizado, ter 18 anos completados até a data da convocação, ter escolaridade e requisitos mínimos exigidos no edital. “É uma satisfação anunciar a abertura do edital para seleção de professores do Programa Mulheres Mil, uma iniciativa de grande importância para o desenvolvimento educacional e social do nosso Estado. A oferta de vagas pelo Ministério da Educação reflete o compromisso com a promoção da igualdade de oportunidades e o fortalecimento da educação profissional”, pontuou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional, Bruno Lamas. O edital para seleção de professores do Programa Mulheres Mil representa um passo significativo rumo à promoção da igualdade de oportunidades e ao fortalecimento da educação profissional em nosso estado. Programa Mulheres Mil O Programa Nacional Mulheres Mil foi lançado em 2011, sendo uma expansão de uma iniciativa-piloto homônima, criada em 2007 pela Secretaria da Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec/MEC). O objetivo principal do programa é promover a formação profissional e tecnológica, aliada ao aumento da escolaridade de mulheres em situação de vulnerabilidade social, especialmente nas regiões Norte e Nordeste do Brasil. Para isso, busca garantir o acesso à educação para essa parcela da população, adaptando-se às necessidades educacionais de cada comunidade e à vocação econômica das regiões. Serviço:Datas de inscrição: De 11/06 até 18/06Acesse o edital para maiores detalhes: http://www.selecao.es.gov.br e https://secti.es.gov.br.Informações adicionais: http://www.selecao.es.gov.br.Inscrições: http://www.selecao.es.gov.br.