Tecnologia

Xiaomi apresenta óculos de realidade aumentada com câmera de 50 MP

Publicado em

Óculos de realidade aumentada da Xiaomi já estão à venda
Divulgação/Xiaomi – 01.08.2022

Óculos de realidade aumentada da Xiaomi já estão à venda

Neste final de semana, a Xiaomi apresentou seus primeiros óculos de realidade aumentada. O dispositivo aparece no site de financiamento coletivo da empresa, usado para que projetos inovadores se tornem realidade.

Chamado de Xiaomi Mijia Glasses Camera, os óculos contam com câmera de 50 MP, além de sensor secundário de 8 MP com estabilização óptica. Com o dispositivo, é possível fazer gravações em tempo real com zoom de até 15x.

Para funcionar como óculos de realidade aumentada, o aparelho tem tela Micro OLED com prisma óptico que amplia o conteúdo, além de processador Snapdragon, 3 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento interno.

Além de fazer gravações, é possível usar os óculos para tradução em tempo real e para ver informações na tela, bem diante dos olhos. Quando a câmera está sendo usada, uma luz LED é acesa para que outras pessoas tenham conhecimento, ajudando a preservar a privacidade.

Leia Também:  Grupo hacker alega ter vazado código-fonte da Microsoft e senhas da LG

Por enquanto, os óculos de realidade aumentada da Xiaomi estão disponíveis apenas na China, pelo valor de 2.499 yuans – cerca de R$ 1,9 mil em conversão direta. Por enquanto, não há previsão de chegada do dispositivo a outros países.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tecnologia

Google Meet terá compartilhamento de Spotify e YouTube durante chamada

Published

on

Google Meet ganhará novos recursos
Tecnoblog

Google Meet ganhará novos recursos

O Google Meet ganhou muito destaque nos últimos anos, e vai receber alguns recursos extras para deixar suas reuniões mais legais. Com um novo recurso de compartilhamento ao vivo, dá para ouvir músicas no Spotify, ver vídeos no YouTube ou jogar com outros participantes da chamada. É bem parecido com o SharePlay, da Apple.

O recurso faz parte da fusão do Meet com o Duo, o app de videochamadas do Google (que não tem a mesma fama do irmão profissional).

Esse é um processo bem confuso, aliás: o app do Duo vai virar Meet e ganhar os recursos dele, enquanto o Meet vai ser renomeado para Meet Original e posteriormente descontinuado.

Jogos e streaming no Google Meet

Bagunça à parte, alguns novos recursos foram acrescentados. Um deles é este recurso de compartilhamento ao vivo. Ele ainda está em fase beta.

Durante uma chamada, basta tocar nos três pontos, escolher “Atividades” e selecionar uma das opções. Dá para iniciar uma sessão em grupo no Spotify, por exemplo, jogar Uno! Mobile ou Kahoot!, entre outras possibilidades.

Leia Também:  Android 13 vai limitar uso de API que dá amplo acesso ao aparelho

SharePlay da Apple funciona com produtos diferentes

Compartilhar conteúdo de streaming em uma chamada não é inédito. É isso que o SharePlay da Apple faz.

Ele permite usar o FaceTime para compartilhar conteúdos de apps de streaming. Dentre as opções, estão a Apple TV+, o Disney+ e o HBO Max.

Spotify e YouTube não estão nessa lista, o que conta como um diferencial para o serviço do Google Meet.

O compartilhamento ao vivo teria sido bem interessante durante a fase mais crítica da pandemia de Covid-19, quando regras restritas de circulação estavam em vigor.

Mesmo assim, pode ser útil para empresas que adotaram o trabalho remoto ou para quem tem amigos espalhados pelo país ou pelo mundo.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA