Esporte

Vasco perde para o Sampaio Corrêa pelo Campeonato Brasileiro

Publicado em

Jogando no Estádio Castelão, o Vasco da Gama sofreu sua segunda derrota pelo Campeonato Brasileiro. O Gigante da Colina foi superado pelo Sampaio Corrêa por 3 a 1. O gol do Almirante foi anotado por Erick.

Apesar do resultado negativo, o Cruzmaltino se manteve na segunda colocação do torneio nacional. O próximo compromisso vascaíno será na terça-feira (19), às 21h30, diante do Ituano, em São Januário.

O JOGO

Como era esperado, a partida começou bastante movimentada no Castelão. Logo aos seis minutos, Matheus Barbosa arriscou de fora da área e obrigou Gabriel Batista a fazer uma grande defesa. Apesar do Gigante da Colina estar mais presente no campo de ataque, o Sampaio Corrêa também levava perigo, especialmente nós contra-ataques. Foi através de uma roubada de bola, porém, que o time maranhense abriu o placar, aos 19. Na ocasião, André Luiz desarmou Matheus Barbosa, avançou e serviu Gabriel Poveda, que não desperdiçou: Sampaio Corrêa 1 x 0.

Foto: Daniel Ramalho/Vasco.com.br

Em desvantagem no placar, o Cruzmaltino foi correr atrás do prejuízo. A chance mais clara de empate no primeiro tempo foi aos 26 minuto, mas o chute de fora da área de Nenê foi defendido por Gabriel Batista. Para o segundo tempo, o Vasco retornou com Danilo Boza e Juninho nos lugares de Anderson Conceição e Nenê, respectivamente. Embora tenha criado a primeira oportunidade com quatro minutos, o Gigante não conseguiu dominar as ações e acabou vendo o adversário ampliar sua vantagem. Aos 12, Mateusinho cruzou na medida para Ygor Catatau cabecear com categoria: Sampaio Corrêa 2 x 0.

Leia Também:  Luciano: “Vamos nos preparar para buscar a classificação em casa”

O camisa 7 da Bolívia Querida voltou a balançar as redes quando o cronômetro marcava 24 minutos, dessa vez após receber passe de Poveda: Sampaio Corrêa 3 x 0. Valente, o Vasco não desistiu e lutou até o fim para evitar o resultado negativo. Com 35 minutos, após disputa de bola na área, a bola sobrou e Erick pegou na veia para diminuir: VASCO 1 x 3.

Foto: Daniel Ramalho/Vasco.com.br

FICHA TÉCNICA

Sampaio Corrêa 3 x 1 Vasco da Gama

Campeonato Brasileiro- 18ª rodada

Local: Castelão, São Luís (MA)

Data: 16/07/2022, sábado, 16h30

Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)

Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Luanderson Lima dos Santos (BA)

VAR: Vinícius Furlan (SP)

Cartões amarelos: MT e Anderson Conceição (Vasco); Rafael Vila, Nilson Jr e Pará (Sampaio Corrêa)

Gols: Poveda, 19’/1T (Sampaio Corrêa); Ygor Catatau, 12’/2T (Sampaio Corrêa); Ygor Catatau, 24’/2T (Sampaio Corrêa); Erick, 35’/2T (Vasco da Gama)

Sampaio Corrêa: Gabriel Batista, Mateusinho (Andrey), Gabriel Furtado, Nilson Jr e Pará; André Luiz (Lucas Hipólito), Ferreira e Rafael Vila (Soares); Ygor Catatau (Renatinho), Pimentinha (Maurício) e Poveda. Treinador: Léo Condé.

Leia Também:  Corinthians finaliza preparação para estreia no Paulistão 2022

Vasco da Gama: Halls, Léo Matos, Quintero, Anderson Conceição (Danilo Boza) e Edimar; Yuri, Matheus Barbosa (Luiz Henrique) e Nenê (Juninho); Gabriel Pec (MT), Erick e Raniel. Treinador: Maurício Souza.

Fonte: Agência Esporte

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esporte

Bahia vence o Ituano pela série B do Brasileirão e está na vice-liderança

Published

on

Com apresentação brilhante de  Matheus Davó nesta sexta-feira (12.08), marcando dois gols no segundo tempo, o artilheiro do Esquadrão na Série B comandou o Bahia para a vitória sobre o Ituano, pela 24ª rodada da Série B. 

O resultado coloca o Tricolor momentaneamente na vice-liderança da competição, com 43 pontos. O Grêmio, terceiro colocado, joga neste sábado (13), às 20h30, contra o CRB, e pode ultrapassar o Bahia. 

 O Esquadrão volta a campo na próxima terça-feira (16), contra o Londrina, no estádio do Café, às 20h30, pela 25ª rodada da Série B

O JOGO 

O Bahia chegou com perigo logo no primeiro minuto de jogo. Daniel cruzou para Copete na área e, livre, o atacante tentou por cobertura. O goleiro Jefferson Paulino saiu bem para abafar e fez a defesa. 

Aos 5, Jacaré recebeu bom passe pelo meio e arriscou forte de fora da área. A bola passou perto da trave esquerda adversária. 

Dominando o jogo, o Esquadrão chegou novamente aos 13. Daniel acertou uma bela enfiada de bola para Copete dentro da área. Na cara do gol, o atacante finalizou de esquerda, e Jefferson Paulino fez outra excelente defesa. 

Aos 15, quem assustou foi Mugni. O meia cobrou escanteio direto para o gol e deu muito trabalho para o goleiro adversário, que voou no ângulo. O argentino levou perigo novamente aos 19, com chute cruzado da entrada da área. Paulino pegou de novo, no cantinho. 

O Ituano chegou pela primeira vez aos 25. Alberto arrumou belo cruzamento de voleio, Caio ajeitou de cabeça para Rafael Elias e, dessa vez, foi Danilo Fernandes quem brilhou. Com a mão esquerda, o goleiro defendeu a queima-roupa e mandou para escanteio. 

Leia Também:  Flamengo empata com o Ceará em 2 a 2 no Castelão, pelo Brasileiro

O Bahia não se intimidou, e apareceu novamente aos 28. Patrick cruzou com qualidade na cabeça de Matheus Bahia, que parou também nas mãos de Jefferson Paulino. 

O goleiro do Ituano brilharia uma última vez antes do apito para o intervalo. Após boa jogada pelo meio, Matheus Bahia invadiu a área pela esquerda e mandou uma bomba. O arqueiro se esticou e mandou para escanteio. 

Segundo tempo

A muralha do Ituano voltou trabalhando no segundo tempo. Com pouco mais de 20 segundos, Ingácio acerta belo lançamento para Marcinho, que, dentro da área, chuta forte para a defesa de Paulino. 

Aos 5 minutos, o golpe foi de vista. Copete invadiu a área, cortou para a esquerda e chutou colocado. A bola passou raspando a trave direita. 

E a muralha quase caiu aos 10 minutos. Mugni cobrou escanteio, Jefferson Paulino saiu mal e a bola sobrou nos pés de Copete, que só não fez o gol porque não conseguiu dominar. 

Caiu de vez aos 23. Ricardo Goulart cruzou rasteiro na área e Matheus Davó tocou com tranquilidade para o fundo das redes. Dessa vez, sem chance para Paulino. 

A celebração do gol teve uma quebra aos 32 minutos. Após confusão no meio do campo, Didi e Jiménez foram expulsos. O camisa 15 do Galo, contudo, só chegou para apartar a briga.

Leia Também:  Chapecoense vence Bahia fora de casa e mantém invencibilidade como visitante

Aos 38 minutos, o Ituano quase conseguiu o empate. Léo Ceará cruzou do bico da grande área e Danilo Fernandes espalmou para escanteio. 

No entanto, Matheus Davó estava lá para garantir o triunfo. Aos 41 minutos, Danilo Fernandes acertou um belo lançamento, o camisa 88 ganhou no corpo de Raí e tocou com categoria por cobertura. Jefferson Paulino não fez milagre. 

Danilo Fernandes, por sua vez, fez. Aos 47, Raí cruzou na área e Aylon desviou de cabeça no cantinho. O goleiro se esticou todo e espalmou para escanteio. 

FICHA TÉCNICA

Bahia 2 x 0 Ituano

Série B – 24ª rodada

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador

Data: 12/08/2022 (sexta)

Horário: 21h30

Árbitro: Bráulio da Silva Machado (FIFA-SC)

Assistentes: Johnny Barros de Oliveira e Gizeli Casaril (ambos de SC)

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Cartões amarelos: Patrick de Lucca (Bahia) / Carlão e Bernardo Schappo (Ituano)

Cartões vermelhos: Didi (Bahia) / Jiménez (Ituano)

Gols: Matheus Davó (2)

Bahia: Danilo Fernandes; Marcinho (André), Ignácio, Didi e Matheus Bahia; Patrick de Lucca (Rezende), Mugni e Daniel; Copete (Ricardo Goulart), Jacaré (Everton) e Rodallega (Matheus Davó). Técnico: Enderson Moreira.

Ituano: Jefferson Paulino; Raí Ramos, Lucas Dias, Bernardo e Roberto (Mário Sérgio); Carlão (Jiménez), Kaio (Dudu Vieira), Caíque e Siqueira; Gabriel Barros (Léo Ceará) e Rafael Elias (Aylon). Técnico: Carlos Pimentel.

Fonte: Agência Esporte

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA