Cidades

Unimed Sul Capixaba é uma das 20 instituições selecionadas no Brasil para projeto da ANS 

Publicados

em

A Unimed Sul Capixaba foi uma das 20 operadoras de planos de saúde no País selecionadas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para participar do Projeto Cuidado Integral à Saúde. A iniciativa faz parte do Programa de Certificação de Boas Práticas em Atenção à Saúde (PCBP) e é uma fase preparatória para a solicitação da certificação em Atenção Primária à Saúde (APS).

Uma parceria da ANS com o Institute for HealthCare Improvement (IHI), a Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade – SBMFC e o Hospital Alemão Oswaldo Cruz – HAOC, o Projeto Cuidado Integral à Saúde terá duração de 36 meses e tem como objetivo acompanhar e consolidar as experiências de operadoras que estejam implementando ou já implementaram um modelo de Atenção Primária à Saúde. Entre as instituições aprovadas, só duas são do Espírito Santo, e a Unimed Sul Capixaba é uma delas.

“A ideia é compartilhar experiências e verificar os pontos de melhoria em relação à atenção primária na Saúde Suplementar. Julgamos que este projeto irá aprimorar os nossos serviços quanto à verificação do cumprimento dos quesitos necessários e imprescindíveis para fazer uma atenção primária de excelência”, afirma a médica da Família e coordenadora da Assistência Integral à Saúde da Unimed Sul Capixaba, Juliana Nogueira.

A médica destaca que premissas como acesso, longitudinalidade, coordenação de cuidado, integralidade e empoderamento do paciente para o cuidado de sua própria saúde são alguns dos princípios considerados neste modelo de atendimento. “Ter a certificação de uma agência reguladora será importante para o serviço e para assegurar ao nosso cliente o atendimento às premissas em relação à atenção primária”, acrescenta.

Leia Também:  Mais famílias de Cachoeiro receberão Cartão Reconstrução na terça-feira (24)

Na Unimed Sul Capixaba, a Atenção Primária à Saúde é coordenada pela área médica e tem o apoio de uma equipe multidisciplinar, compreendendo médicos, enfermeiros, nutricionistas e psicólogos. O gerente de Serviços Próprios da Unimed Sul Capixaba, Eduardo Tonole Dalfior, explica que o modelo foi implantado pela cooperativa em 2014 e, desde então, esta é uma área prioritária no negócio, uma vez que nasceu com o objetivo de cuidar da saúde das pessoas, para que elas tenham qualidade de vida hoje e no futuro.

“Nesse modelo de atendimento, o foco é a saúde e a prevenção, e não a doença. Cuidamos do bem-estar dos nossos clientes e, ao mesmo tempo, utilizamos os recursos de forma mais eficiente e integrada”, ressalta Eduardo Dalfior.

Seleção

 

Com o Projeto Cuidado Integral à Saúde, a ANS propõe um modelo inovador para a reorganização da porta de entrada na saúde suplementar com base em cuidados primários em saúde. A proposta é estimular a qualificação, o fortalecimento e a reorganização da atenção primária, por onde os pacientes devem ingressar preferencialmente no sistema de saúde.

Leia Também:  Covid-19: Brasil tem 6 milhões de casos e quase 170 mil mortes

No processo de seleção para o projeto, contribuíram para que a Unimed Sul Capixaba fosse escolhida aspectos como a rede disponibilizada, o esforço no desenvolvimento do projeto, a capacidade de ampliação da cobertura da Atenção Primária à Saúde e o impacto futuro do projeto.

Espaço Viver Bem, unidades e programas voltados à Atenção Integral à Saúde

O Espaço Viver Bem da Unimed Sul Capixaba, que adota o modelo de Atenção Integral à Saúde conta com um médico de referência que, junto a uma equipe de profissionais multidisciplinares, acompanha o histórico de saúde do cliente e segue de perto o andamento de sua saúde, realizando um atendimento de forma próxima, personalizada e contínua.

O ambiente também concentra as atividades dos programas de gerenciamento de doenças crônicas e dos grupos de promoção à saúde, como o de diabetes, de reeducação alimentar, de tabagismo, de hipertensão, de gestantes, de idosos e de saúde emocional, seguindo a tendência internacional de cuidado que trabalha ações de promoção, prevenção e tratamento de doenças.

Em 2019, a Unimed Sul também ampliou o modelo de Atenção Integral à Saúde com a inauguração de unidades de Atendimentos em Iconha e Castelo. Outras iniciativas da operadora são o Programa de Saúde Corporativa, voltado para empresas, e o Programa de Atenção Integral à Saúde do Idoso.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Mais famílias de Cachoeiro receberão Cartão Reconstrução na terça-feira (24)

Publicados

em

Na próxima terça-feira (24), mais onze famílias cachoeirenses receberão o Cartão Reconstrução. A entrega será feita na agência do Banestes localizada na rua Vinte e Cinco de Março, Centro, das 11h às 16h.

Iniciada em abril deste ano, a entrega do benefício já contemplou cerca de 1.264 famílias que tiveram imóveis atingidos pela enchente de janeiro e foram cadastradas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes).

O auxílio financeiro, no valor de R$ 3 mil, está sendo concedido pelo governo estadual para famílias com renda mensal de até três salários mínimos, inscritas no Cadastro Único de programas sociais, que comprovaram, com laudos da Defesa Civil ou do Corpo de Bombeiros, terem sido vítimas da inundação do Rio Itapemirim.

Com os cartões entregues e com a nova remessa, em Cachoeiro, foram liberados R$ 3,8 milhões. O cadastro dos beneficiários no programa foi feito, até junho, pela Semdes, que realizou um total de 1.624 inscrições.

Trezentos e quarenta e nove famílias ainda receberão o auxílio, que pode ser usado para compra de material de construção para reformas, eletrodomésticos, móveis ou outros utensílios que foram perdidos ou danificados pela chuva. O beneficiário tem o prazo de seis meses, a contar da data de retirada do cartão, para utilizar o valor liberado.

Leia Também:  Câncer em crianças e jovens tem 80% de cura com diagnóstico precoce
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA