Tecnologia

Twitch bane 7,5 milhões de contas que geram falsa audiência

Publicados

em


source
Twitch vai banir contas falsas
Unsplash/Caspar Camille Rubin

Twitch vai banir contas falsas

A Twitch anunciou que está removendo da plataforma cerca de 7,5 milhões de contas falsas encontradas no serviço de transmissão ao vivo. De acordo com o comunicado, esses perfis eram usados para aumentar a audiência e o engajamento de lives .

“Temos monitorado o aumento do engajamento falso na Twitch e identificamos mais de 7,5 milhões de contas que quebram nossos termos de uso. Estamos tomando medidas em relação a essas contas e agradecemos todos os relatórios sobre esse problema”, disse no comunicado.

Twitch começa a banir contas falsas

Com a mudança, é provável que alguns “ streamers ” detectem uma queda de audiência nos próximos dias e até mesmo de seguidores. A Twitch não especificou se essas contas falsas pertencem a um mesmo grupo ou país.

Você viu?

“Como resultado dessas remoções, você poderá notar diminuições repentinas na contagem de seguidores e espectadores nos próximos dias. Se você acredita que foi seguido ou visualizado por um bot, consulte nosso artigo de ajuda”, completa. “A maioria dessas contas foi detectada por meio de tecnologia de aprendizado de máquina contínua, que continuará a melhorar e a operar no futuro. Nós nos envolvemos na aplicação quando necessário, incluindo ações legais”, finaliza o aviso.

Essa é mais uma mudança recente anunciada pela plataforma de lives . Na última semana, a Twitch anunciou que vai começar a banir contas de usuários por assédio mesmo que o caso ocorra fora da rede social .

A empresa adicionou uma nova categoria em sua política de má conduta, que engloba “crimes graves que representam um risco de segurança substancial para a comunidade Twitch ”. Entram nessa classe casos de extremismo violento, ameaças de violência em massa, participação em um grupo de ódio conhecido, exploração sexual de crianças e atividades sexuais não consensuais, entre outros.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

123movies.la, um dos maiores sites de pirataria de filmes, é retirado do ar

Publicados

em


source

Tecnoblog

Pirataria é combatida por associação
Unsplash/Austin Neill

Pirataria é combatida por associação

O 123movies.la não está mais no ar. Na sexta-feira (7), a Aliança para a Criatividade e o Entretenimento (ACE) anunciou que passou a controlar o domínio de um dos maiores sites de pirataria de filmes. Ao acessá-lo, os visitantes são recepcionados por um aviso e redirecionados a uma página do grupo de empresas.

Surgido em 2017, o site alcançou uma marca de quase 30 milhões de visitas mensais. Mas, recentemente, a Alliance For Creativity and Entertainment (em inglês) tomou posse do domínio, retirando-o do ar. Segundo o grupo para combater a pirataria , que reúne nomes como Amazon , Apple , Disney e Netflix , esta é a sua primeira ação na Tunísia.

Você viu?

123movies.la: site de pirataria de filmes é retirado do ar

Ao acessar o site neste momento, o seguinte aviso é apresentado na tela: “Este site não está mais disponível devido à violação de direitos autorais”. Em seguida, os visitantes são levados a um página da associação com um lista de plataformas de streaming . Entre elas, estão o Amazon Prime Video, Disney+ e Google Play.

Leia Também:  123movies.la, um dos maiores sites de pirataria de filmes, é retirado do ar

A ACE não informou como descobriu a identidade dos donos da plataforma. Mas, conforme o TorrentFreak observou, em setembro, a Motion Picture Association (MPA) solicitou dados sobre os responsáveis por diversos sites, como o EZTV, Pirate Bay e YTS, em uma intimação à Cloudflare. O 123movies.la também estava na lista da associação.

“Essa é uma prova do trabalho implacável de nossa equipe da ACE global de que fomos capazes de encerrar o 123movies.la, uma das maiores operações de pirataria do mundo”, disse Jan van Voorn, vice-presidente executivo e chefe de proteção de conteúdo global da MPA. “Esta ação resume a missão da ACE e é um forte exemplo de como lutamos para proteger o mercado criativo em todos os cantos do globo”.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA