Carros e Motos

Toyota Hilux renovada ganhará uma série de novidades

Publicados

em


source


Toyota Hilux arrow-options
Divulgação

Toyota Hilux da linha 2021 terá retoques no visual e nova central multimídia para ganhar apelo diante dos principais concorrentes no mercado

A versão renovada da picape Toyota Hilux está pronta para estrear em alguns mercados e deve chegar ao Brasil no segundo semestre, mas sem data precisa por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus. De qualquer forma, entre as mudanças que serão adotadas, destacam-se itens como motor turbodiesel mais potente, retoques no visual e nova central multimídia.

LEIA MAIS: Veja 5 picapes intermediárias que serão lançadas no Brasil até 2025

Quanto ao desenho, a Toyota Hilux da linha 2021 terá uma frente com novos detalhes estéticos para dar uma ideia de mais robustez ao utilitário . Serão alterações sutis na grade frontal, para-choque e faróis, apenas para deixar o carro com aspecto atualizado, algo importante para manter o apelo do modelo no mercado.

Outro ponto que vai mudar na Toyota Hilux 2021 será o motor turbodiesel. O 2.8 passará a ter mais força e menores índices de emissões. Portanto, espere mais que os 177 cv e 42,8 kgfm atuais. E, também, pelo menos uma versão híbrida, pois essa é a nova tendência entre os utilitários dos próximos dois anos, quando as picapes elétricas deverão chegar com força total no sentido mais amplo da palavra.

Leia Também:  Volvo XC40 híbrido, que carrega na tomada, pode ser encomendado

LEIA MAIS: Por que a Fiat Toro vende (bem) mais que as outras picapes?

Como não poderia deixar de ser, a central multimídia também terá novidades. Passará a ser compatível com Android Auto e Apple Carplay, algo que estava faltando no utiitário da marca japonesa, assim como um funcionamento mais intuitivo e prático no dia a dia. Depois que estiver atualizada a Toyota Hilux poderá enfrentar as rivais com mais apelo.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

Veja cuidados para o carro não estragar ao ficar parado na quarentena

Publicados

em


source
Carro Parado arrow-options
Divulgação

Carro parado: É possível mantê-lo em bom conservação, mesmo que isso seja algo que estrague os componentes

Muitos condutores estão vendendo os seus carros com o advento de soluções de mobilidade mais práticas e menos custosas. Uber, aplicativo de carona, carro compartilhado, bicicleta, transporte coletivo estão entre os exemplos mais comuns.  Além disso, como a quarentena imposta pelo novo coronavírus, é preciso tomar alguns cuidados para deixar o veículo parado.

LEIA MAIS: Veja 5 problemas no carro que podem aparecer de repente e dar prejuízo

Segundo o especialista Alexandre Barros Pinho, da oficina WTC Express, “aos que vão deixar o carro parado apenas nesse período de quarentena, a dica seria, preferencialmente, rodar no quarteirão pelo menos uma vez por semana. Desse modo, nada irá emperrar ou engripar, e o dono do veículo poderá seguir com os prazos de revisão normalmente”.

Ainda segundo Pinho, “uma outra hipótese, menos vantajosa, seria de funcionar o carro na garagem . Se o carro for caburado e/ou movido a etanol, dobre essa frequência. Vale lembrar que é importante funcionar absolutamente tudo nessas voltinhas, como por exemplo o ar-condicionado, que pode perder seu gás e acumular bactérias se ficar sem funcionar por um tempo”.

Pneus arrow-options
Divulgação

Pneus podem sofrer deformidades com o tempo. Vale lembrar, também, que por ressecarem, têm validade de até 5 anos

Também é recomendável aumentar a calibragem dos pneus de uns 20 a 30%. Ou seja, se a pressão normal é de 30 libras, passe para 35 a 40, para evitar uma deformação do pneu na região que fica em contato com o piso. Isso é uma saída para quem não tem um cavalete, que deixaria o carro suspenso. Se o automóvel vai ficar parado mais do que seis meses, é conveniente ao voltar trocar o óleo do motor e o filtro, antes da próxima partida. 

Leia Também:  Chevrolet Vectra foi sinônimo de requinte no mercado brasileiro

De acordo com Pinho, “por outro lado, quando falamos de deixar o carro parado por mais tempo ainda, às vezes até por prazos indeterminados, vale se atentar a cuidados ainda mais específicos; especialmente se o carro já possui uma quilometragem mais elevada ou se os seus componentes já contam com certa idade”, explica ele. “Até vale deixar o freio de mão solto e o câmbio engatado, colocando um peso no pedal de embreagem, para poupar que platô e o disco de embreagem colem”, conclui.

Entretanto, ainda segundo o especialista, “uma ideia ainda melhor seria colocar um calço nos pneus, e deixar tudo solto e desengrenado. Desligar o pólo da bateria, manter os pneus bem calibrados e um combustível de boa qualidade no tanque são outras dicas fundamentais”.

LEIA MAIS: Veja como limpar o carro corretamente, por dentro e por fora

Quanto ao combustível deixado no tanque, isso também vale. Mas, para amenizar os riscos de oxidação por água ou criação de borras — que obstrui os filtros, entupindo os injetores e, no caso dos mais antigos, os carburadores — opte pelos combustíveis aditivados, inclusive etanol. Deixar o tanque completamente vazio pode acumular umidade, dependendo de onde o carro estará armazenado, então tome cuidado.

Leia Também:  Confira as primeiras impressões ao volante do novo Renault Duster

Mais cuidados com a vida útil dos componentes

Bateria arrow-options
Divulgação

Mesmo quando está parado, o carro continua a consumir a carga da bateria com alguns equipamentos.

“Depois de todo o período, quando você for religar o carro, vale lembrar que o cabeçote estará sem “ver” óleo por um bom tempo”, ensina Pinho. “Logo, dê a partida por um instante breve, mas não deixe que o motor ligue. Isso será o suficiente para a bomba de óleo jogar um pouco de óleo no componente, que por sua vez impedirá os danos ao motor quando o carro der a partida efetivamente”, diz ele. “Uma vez funcionando, vá direto trocar os fluídos de freio, do motor e colocar combustível mais novo”, finaliza. 

LEIA MAIS: Veja os 5 carros mais caros e difíceis de consertar, de acordo com o Car Group

Freio de mão arrow-options
Divulgação

Solte o freio de mão do carro parado, e deixe o câmbio engatado. Se for automático, mantenha-o na posição P, de parking

Não importa o quão limpa é a garagem onde você vai deixar seu carro parado , sempre vai aparecer poeira. Procure uma boa capa automotiva de algodão macio. Evite plástico, pois pode arranhar a lataria com o resto de pó que sempre sobra depois de uma lavagem. Escolha uma capa do tamanho certo do seu carro, para que não fique apertada (o que aumenta a chance de riscos) e nem solta demais.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA