Política

Tasso define apoio a Jathir Moreira hoje à noite em Cachoeiro

Publicados

em

Por | 00.00.

Como adiantou o colunista deste jornal, Toninho Carlos, tudo encaminha para que o ex-prefeito José Tasso (PMDB) apoie a candidatura de Jathir Moreira (Solidariedade).A formalização desse compromisso deve acontecer na noite de hoje após uma reunião do peemedebista com seus sequazes.

Por telefone, Tasso confirmou que o assunto está adiantado, mas, em lealdade aoscandidatos a vereadores do PMDB e ao próprio ex-prefeito Roberto Valadão, fará, ainda, uma consulta ao grupo. “Meu objetivo é que o grupo insatisfeito com a candidatura majoritária do PMDB possa caminhar comigo e com Jathir. Dessa forma ainda poderemos fortalecer as candidaturas de vereadores e fazer de dois a três representantes na Câmara. Hoje nossos candidatos estão lançados à sorte”, desabafou.

O ex-prefeito confirmou que pediu licença do partido para apoiar Jathir Moreira e que já tem andando informalmente pedindo votos, mas que agora, após a reunião de hoje, passará a um engajamento mais formalizado: “Isso significa subir os morros e andar pelo interior onde estão minhas bases eleitorais para trabalhar em favor de Cachoeiro que precisa ser administrada com maturidade e responsabilidade”, disse.

Leia Também:  Petróleo e Gás recebe a prefeita de Presidente Kennedy

Sobre a candidatura de Júlio Ferrari, que é do PMDB, à prefeitura de Cachoeiro, Tasso foi direto e reto: “Nunca apoiei essa candidatura. Sou contra. Sou leal a Valadão e ao PMDB, mas não tenho idade para embarcar em aventuras como essas. O que estou fazendo é em favor de Cachoeiro, das famílias, das pessoas que aqui vivem e que se preocupam com nosso futuro”.

Jathir: é muito bem-vindo

Embora a transferência de votos não seja um expediente de números e tamanhos exatos, mas de resultados práticos e significativos em eleições, análises preliminares mostram que o ex-prefeito tem considerável capital eleitoral que mereça ser comemorado por quem recebe. Não é à toa que Jathir se disse satisfeito em ter uma liderança como ele no seu palanque.

“O apoio de José Tasso é muito bem-vindo, caso ele seja definido hoje. A construção de uma nova Cachoeiro passa por várias mãos e por isso todas as lideranças e pessoas de bem são bem-vindas. O momento difícil que enfrentamos na cidade, com desemprego, recessão, exige a união de todos nós”, empolgou-se.

Leia Também:  CPI: ação conjunta interdita clínica veterinária em Vila Velha

Sem se direcionar a ninguém, mas com palavras certeiras, Jathir lembrou que, quem abrir mão de apoios de lideranças importantes e representativas da sociedade cachoeirense achando que vai governar sozinho, pode levar a cidade para uma crise muito pior do que a que já existe:

“É preciso ser humilde, aprender a ouvir, dialogar e respeitar quem também já governou. Ninguém governa sozinho. Quem acha que vai governar sozinho pode afundar o nosso município, que nesse momento precisa de união. A construção da nova Cachoeiro é uma tarefa de várias mãos. Por isso recebo os apoios de braços abertos”.

Lembrando que Jathir já tem dois apoios importantes: um é o presidente da Assembleia Legislativa Theodorico Ferraço (DEM) e o outro o ex-deputado federal Camilo Cola (PMDB).

fonte http://www.aquinoticias.com/

 

 

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Política

Ales tem mutirão contra enfisema pulmonar

Publicados

em

Durante o inverno, aumentam os casos de doenças respiratórias, inclusive aquelas que atingem os pulmões, por causa do resfriamento da temperatura ambiente e da umidade do ar. A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), mais conhecida como enfisema pulmonar, é uma das mais perigosas e nesse período tende a registrar maior incidência entre a população. Para diagnosticar essa e outras doenças, foi realizado o Mutirão da Espirometria nesta quarta-feira (10), no andar térreo da Assembleia Legislativa (Ales). A iniciativa foi do deputado Doutor Hércules (Patri). 

A espirometria é um método de prova de função pulmonar. Um aparelho introduzido na boca avalia o fluxo e a quantidade de ar, medindo a capacidade respiratória dos pulmões da pessoa, através da inspiração profunda e sopro durante seis segundos. 

Para o deputado, esse tipo de mutirão deveria se estender para todo o estado. “A intenção de trazer essa cabine é pra fazer um rastreamento para atender a população que não tem acesso a esse tipo de equipamento”, explicou. 

Para o teste de sopro, foi utilizada uma cabine, o aparelho para medir o índice respiratório, um computador com programa próprio para definir o diagnóstico do paciente, além de profissional para realizar o exame. O paciente recebe um relatório com o diagnóstico e, caso esteja com deficiência respiratória, é orientado a procurar um especialista.

Leia Também:  Petróleo e Gás recebe a prefeita de Presidente Kennedy

O dispositivo foi criado pela farmacêutica Boehringer Ingelheim e tem aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
 

Fonte: Assembléia Legislativa do ES

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA