Carros e Motos

Suzuki lança rival da Honda CB 250 Twister que seria interessante no Brasil

Publicados

em


source
Suzuki
Divulgação

Versões naked e carenada trazem componentes da GSX 250R, vendida no exterior

Enquanto no Brasil a Suzuki investe em motores de alta cilindrada, uma vez que as motos menores ficam a cargo da Haojue, em outros países da América Latina, a marca aposta em modelos menores, como a Gixxer. A novidade chega primeiro para os mercados colombianos e mexicanos. Trata-se de um modelo que faz todo o sentido para concorrer com a Honda CB 250 Twister e a Yamaha Fazer 250 no Brasil.

LEIA MAIS: Suzuki revela as novas Burgman 180 e Intruder 250

Suzuki
Divulgação

A carenada seria uma rival da Yamaha R3, com possibilidade de ser mais em conta

O painel totalmente digital e iluminação de LED do farol estão entre os equipamentos oferecidos na nova Suzuki Gixxer, que está disponível tanto em versão com carenagem (SF 250) e naked (250). Vale ressaltar que a SF 250 ainda conta com uma versão com pintura que remete ao modelo utilizado pela equipe Suzuki Ecstar, da MotoGP. O peso declarado é de 161 kg para a carenada e 156 kg para a naked , ambas com tanque cheio.

Leia Também:  Conheça a nova Ford F-150, agora também em versão híbrida

LEIA MAIS: Yamaha Fazer 250 2021 ganha visual da nova MT-03

Haojue
Divulgação

Ainda mais esportiva, a Haojue DR 300, também revelada no exterior, que serve de alternativa para o Grupo J. Toledo às novas Gixxer

Ela vem com um motor monocilíndrico refrigerado a óleo que entrega 26 cv e 2,3 kgfm. A transmissão é de seis marchas e os freios são a disco tanto na dianteira quanto na traseira, com sistema ABS de dois canais. Na Colômbia, a Suzuki Gixxer 250 é vendida por 11,690 pesos colombianos, cerca de R$ 16 mil em conversão direta. Já a Gixxer SF 250 parte de 12.590 pesos, algo em torno dos R$ 17 mil.

LEIA MAIS: Haojue DR 300 é revelada com rivais de Honda e Yamaha na mira

Desde que o Grupo J. Toledo — responsável por trazer a Suzuki ao Brasil — assumiu as operações da chinesa Haojue em 2016 — marca de baixo custo da Suzuki, que utiliza componentes mecânicos em suas motos — apenas modelos maiores e mais caros restaram no lineup da fabricante japonesa. Logo, se não vier com os emblemas Suzuki, por que não vir ao Brasil, mesmo assim, só que dividindo espaço nas concessionárias com as atuais Haojue?

Leia Também:  Mini Nissan Kicks está prestes a ser revelado
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

Conheça a nova Ford F-150, agora também em versão híbrida

Publicados

em


source
Ford F-150
Divulgação

Ford F-150 híbrida chega com equipamentos de última geração, que marcam a nova era de tecnologia para a Ford

O mercado norte-americano é o maior do mundo em picapes e cria as novas tendências neste segmento. Agora, a expectativa do consumidor é pelos modelos eletrificados, já que há várias prometidas para 2021 e 2022. Mas, sem dúvida, a Ford F-150 é a uma das mais esperadas e já saí frente com um modelo híbrido.

LEIA MAIS: GM prepara a chegada do novo SUV elétrico Chevrolet Bolt EUV

Superpopular nos Estados Unidos, a Ford F-150 estreou esta semana com uma pré-apresentação gravada on-line, realizada pelo ator Denis Leary na fábrica de Dearborn, em Detroit, e transmitida no YouTube, Facebook e Twitter. Está picape seria bem-vinda no Brasil.

Ford F-150
Divulgação

A Ford F.150 2021 recebeu modificações externa e interna e o destaque é o modelo híbrido

O destaque da linha é a versão híbrida da F-150 que usa um motor twin-turbo de 3.5L V6, com um motor elétrico de 35 quilowatts e uma bateria de íon-lítio do tamanho de uma mala colocada sob a cabine. A autonomia é de mais de 1.100 km com um tanque.

Leia Também:  Mitsubishi lança Outlander Sport em três versões no Brasil

Na nova F-150 híbrida foram introduzidas mudanças significativas por dentro e por fora, que incluem nova estrutura, design e conectividade. Ela está recheada de tecnologia como, por exemplo, terá opcionalmente um modo de condução mãos-livre.

LEIA MAIS: Conheça o Citroën ë-C4, crossover elétrico sucessor do Cactus

O F-150 oferecerá 11 estilos de grade. Os pára-lamas dianteiros são elevados. As lâminas da grade são móveis para aumentar a eficiência de combustível. Elas retraem-se parcialmente em velocidades mais baixas especialmente no off-road.

No interior da picape híbrida , uma tela de toque de 8 ou 12 polegadas, conforme a versão, no tamanho de um tablet com informações em tempo real e com múltiplas funções. O sistema de conectividade SYNC 4 foi aprimorado e é compatível com o Apple CarPlay, Android Auto, Waze e Ford + Alexa.

Ford
Divulgação

A Ford F.150 introduz mudanças significativas e algumas conveniências criativas como uma bancada de trabalho na porta da caçamba

Uma novidade interessante é que será equipada com um gerador que produz 2,4 a 7,2 quilowatts para operar uma base de trabalho, transformando o banco da frente para guardar ferramentas e a porta da caçamba como bancada.

Tesla
Divulgação

A F.150 e a Tesla Cybertruck devem fazer um grande duelo no segmento de picapes elétricas

“Para a Ford, o mercado de picapes é realmente crítico para a sua lucratividade. A nova F-150 é o nosso principal lançamento do ano e já oferece uma boa idéia da versão totalmente elétrica que chega em 2022”, afirmou Jim Farley, executivo-chefe da Ford.

Leia Também:  Mini Nissan Kicks está prestes a ser revelado

LEIA MAIS: Mercedes terá modelos EQA e EQS, como elétricos de grife

Bem, com a Ford F-150 , a montadora parece estar ciente que precisa ter também uma versão elétrica de sua famosa picape. Afinal, há vários lançamentos anunciados no segmento e como Tesla Cybertruck, com seu estilo ousado, esperado de 2021.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA