Economia

Senador cobra explicações do ministro da Cidadania por auxílio bloqueado

Publicados

em


source
Parlamentar recebeu denúncias de
Sophia Bernardes

Parlamentar recebeu denúncias de “bloqueio por precaução”

O gabinete do senador Alessandro Vieira  enviou um ofício cobrando explicações ao Ministério da Cidadania por supostos ” bloqueios preventivos ” do auxílio emergencial. O senador afirma ter recebido denúncias que a pasta de João Roma estaria cancelando pagamentos indevidamente. 

Muitas mães-solo relatam que tiveram o auxílio bloqueado ou negado. S egundo a campanha Renda Básica que Queremos , foram pelo menos 1077 casos dessa natureza. 

O ministério admitiu, num primeiro momento, estar fazendo “bloqueios preventivos” por conta de “cobranças dos órgãos de controle como TCU e GGU, Tribunal de Contas da União e Controladoria Geral da União, respectivamente, responsáveis por fiscalizar os gastos com o programa.

No ofício, Vieira ressalta que o bloqueio “por período indeterminado pode acabar por implicar em responsabilização do Poder Executivo Federal caso os indícios de irregularidades que tem motivado os chamados bloqueios preventivos não sejam confirmados”.

O pedido fez com que o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, também viesse a público para dar explicações.

“Recentemente a Caixa bloqueou no Caixa Tem algumas contas por dois motivos, suspeitas de fraudes ou inconsistências no cadastro e esses pontos levaram algumas pessoas às agências para resolver esses problemas. 51% foram bloqueadas por suspeitas de fraude e é exatamente isso que aparece no aplicativo do Caixa Tem, que pede que elas se encaminhem às agências. Já 49% foram bloqueadas por inconsistências no cadastro no aplicativo do Caixa Tem e esse problema pode ser resolvido pelo próprio aplicativo, mas apenas pelo aplicativo. Queremos reduzir a necessidade de ida às agências no caso de inconsistência no cadastro”, disse.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Mega-Sena: duas apostas dividem prêmio de R$ 23,5 milhões

Publicados

em


source
Bilhete da Mega-Sena
Agência Brasil

Bilhete da Mega-Sena


Duas apostas, uma de Curitiba (PR) e outra de São Paulo (SP), vão dividir o prêmio de R$ 23,5 milhões do concurso 2.410 da Mega-Sena. Cada aposta vencedora vai ganhar R$12.503.139,64. Os números sorteados neste sábado (18) foram: 07 – 10 – 27 – 35 – 43 – 59. 

A quina teve 95 vencedores e cada um leva R$ 31.102,36. Na quadra, foram 5.939 apostas ganhadoras – e o prêmio de R$ 695,76 para cada uma.


O próximo sorteio será na quarta-feira (22) e deve pagar R$ 3 milhões. As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do concurso, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Leia Também:  Mega-Sena: duas apostas dividem prêmio de R$ 23,5 milhões

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA