MINISTÉRIO PÚBLICO ES

Relatório do MPES registra 47 novos casos e primeiro óbito por Covid-19 em Residências Inclusivas

Publicado em

Monitoramento realizado pelo Centro de Apoio Cível e de Defesa da Cidadania (CACC) do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES) constatou o primeiro óbito entre residentes das Residências Inclusivas (RIs) para pessoas com deficiência no Espírito Santo, após dois anos consecutivos sem registro. Também foram detectados 47 novos casos de Covid-19 nos serviços residenciais, conforme relatório finalizado em 6 de julho de 2022. Com isso, as contaminações entre residentes e funcionários das instituições chegaram a um total de 286 casos verificados desde que o MPES começou a fazer esse acompanhamento, em maio de 2020.  

O quadro geral de residentes infectados passou para 81, com 26 novos diagnósticos, um aumento percentual de 47,3% em relação ao relatório anterior, de 01/06. O total de registros da doença entre trabalhadores das Residências Inclusivas passou para 205 casos, com 21 novos diagnósticos, o que representa um acréscimo de 11,4% frente ao verificado em junho.

O quadro de óbitos sofreu alteração pela primeira vez desde que o MPES passou a fazer o levantamento mensal, em maio de 2020, com uma ocorrência na instituição Residência Inclusiva de Guarapari.

Leia Também:  Integrantes do Conselho Superior do MPES para o anuênio 2022/2023 tomam posse

O CACC possui registro de 18 residências inclusivas localizadas em oito municípios do Estado. As instituições abrigam, no total, 172 pessoas com deficiência.

Veja o relatório

Fonte: Ministério Público do ES

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MINISTÉRIO PÚBLICO ES

Projeto da FDV de observação das eleições de 2022 é apresentado ao Ministério Público

Published

on

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), Luciana Andrade, recebeu na quarta-feira (10/08) a visita institucional de professores da Faculdade de Direito de Vitória (FDV), que apresentaram o projeto de observação oficial das eleições de 2022. A instituição foi credenciada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para atuar como observadora eleitoral nacional das eleições gerais deste ano, ao lado da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). 

Participaram da visita a coordenadora do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direitos e Garantias Fundamentais da FDV, Elda Bussinguer, e o professor de Pós-Graduação da FDV Jose Luis Bolzan de Morais, que vai liderar o projeto de observação. Também estiveram presentes o secretário-geral do gabinete da procuradora-geral de Justiça, promotor de Justiça Francisco Martínez Berdeal; a promotora de Justiça assessora do Gabinete da procuradora-geral de Justiça Claudia Garcia; e o chefe de Apoio ao Gabinete da procuradora-geral de Justiça, promotor de Justiça Danilo Raposo Lírio.

Leia Também:  Sessão solene de posse dos novos procuradores de Justiça será no dia 20 de junho

Fonte: Ministério Público do ES

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA