Economia

Reforma administrativa de Bolsonaro: especialista questiona policiais de fora

Publicados

em


source
A especialista em administração e burocracia estatal foi a entrevistada do Brasil Econômico ao Vivo desta quinta-feira (10)
Brasil Econômico

A especialista em administração e burocracia estatal foi a entrevistada do Brasil Econômico ao Vivo desta quinta-feira (10)

A professora de administração pública da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Alketa Peci, foi a entrevistada do  Brasil Econômico ao Vivo desta quinta-feira (10). Ela classificou a proposta de reforma administrativa que tramita no Congresso Nacional como “colcha de retalhos” . Por isso, a situação dos policiais , por exemplo, precisaria de uma discussão mais ampla. 

Quando perguntada sobre os agentes de segurança pública , apoiados pelo presidente Jair Bolsonaro, ela lembra que estes não seriam afetados pela proposta. 

“Os órgãos de atividade exclusiva do Estado não seriam incluídos no fim da estabilidade, ou outras características da reforma dos vínculos de trabalho”, disse. 

Leia Também:  Governo de SP vai investir R$ 136 milhões em rodovias no Vale do Paraíba

No entanto, ela fez questão de ressaltar que esta é a teoria , porque, na prática, a ideia não foi sequer apresentada. “Não tem nenhum documento que balize qual é a construção do papel do Estado. Nada disso foi apresentado até então.”

Você viu?

Caso dos Estados Unidos 

Peci mencionou a situação da reforma nos Estados Unidos, em que o ex-presidente Donald Trump conseguiu acabar com a estabilidade dos servidores públicos federais. Entretanto, já no atual governo Biden, houve um retrocesso, e os estados passaram a avaliar reformas próprias. 

“O fim da estabilidade se justifica pelo desempenho. Em saúde, por exemplo, imagine em que situação o país estaria se toda a força burocrática mudasse junto com o governo”, argumenta. 

“A estabilidade te garante continuidade de políticas públicas”, finalizou a especialista.

Veja o vídeo:


COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Mega-Sena deste sábado (19) vai pagar R$ 7 milhões; veja como apostar

Publicados

em


source
dinheiro notas cédulas real reais
pixbay

dinheiro notas cédulas real reais


Como ninguém acertou os seis números da Mega-Sena da última quarta-feira (16) , a Caixa Econômica Federal realizará, neste sábado (19), o concurso 2382 , com prêmio em R$ 7 milhões.

O sorteio acontece às 20h (horário de Brasília) no Espaço Loterias Caixa , que fica no Terminal Rodoviário do Tietê, na cidade de São Paulo. No último sorteio, o resultado foi:

07 – 23 – 32 – 41 – 42 – 47

As apostas são permitidas até as 19h (horário de Brasília), em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa do país. Também é possível apostar pela internet. O bilhete simples da Mega-Sena, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Como apostar online na Mega-Sena

Para aqueles que apostarem pela internet, não é possível optar pela aposta mínima, de R$ 4,50. No site da Caixa, o valor mínimo para apostar na Mega-Sena é de R$ 30, tanto com uma ou mais apostas. Veja o passo a passo de como apostar online aqui .

Leia Também:  Secom confirma repasse de R$ 120 mil a Sikêra Jr.

Você viu?


Para fazer uma aposta maior, com 7 números, e ter uma chance maior de ganhar, o preço sobe para R$ 31,50. Outra opção para atingir o preço mínimo é fazer sete apostas simples, que juntas têm o mesmo valor, R$ 31,50. Os bolões, disponíveis online, são outra opção viável.

Como funciona a Mega-Sena

O concurso é realizado pela Caixa Econômica Federal e o vencedor pode receber milhões de reais se acertar as seis dezenas. Os sorteios ocorrem pelo menos duas vezes por semana – geralmente, às quartas-feiras e aos sábados. O apostador também pode ganhar prêmios com valor mais baixo caso acerte quatro ou cinco números, conhecidas como Quadra e Quina , respectivamente.

Na hora de jogar, o apostador pode escolher os números ou tentar a sorte com a Surpresinha . Esse modelo consiste na escolha automática, realizada pelo sistema, das dezenas jogadas.

Leia Também:  Supremo forma maioria contra auxílio-acompanhante; saiba mais

Outra opção é manter a mesma aposta por dois, quatro ou até oito sorteios consecutivos, conhecida como Teimosinha.

Premiação

Os prêmios costumam iniciar em, aproximadamente, R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. Dessa forma, o valor vai acumulando a cada concurso sem vencedor. Também é possível ganhar prêmios ao acertar quatro ou cinco números dentre os 60 disponíveis no volante de apostas. Para isso, é preciso marcar de seis a 15 números do volante. O prêmio total da Mega corresponde a 43,35% da arrecadação. Deste valor:

  • 35% são distribuídos entre os acertadores dos seis números sorteados;
  • 19% entre os acertadores de cinco números (Quina);
  • 19% entre os acertadores de quatro números (Quadra);
  • 22% ficam acumulados e distribuídos aos acertadores dos seis números nos concursos terminados em zero ou cinco; e
  • 5% ficam acumulado para a primeira faixa (Sena) do último concurso do ano de final zero ou cinco.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA