Economia

Reclamações sobre comércio online aumentaram 208%, segundo Procon

Publicados

em


source

Brasil Econômico

Comércio virtual
Deisy de Assis

Comércio virtual cresceu na quarentena

A Fundação Procon de São Paulo registrou, até o momento, 120.714 reclamações envolvendo compras online no segundo semestre de 2020. O número é bem próximo ao registrado no semestre passado como um todo, que foi 121.173. Numa comparação entre os pedidos contabilizados até o dia 17 de outubro deste ano, 241.887, com o total do ano passado, 78.419, há um aumento de 208%

Dentre as queixas, as principais são referentes à demora ou a não entrega dos produtos, além de problemas com cobrança. O consumidor pode reclamar pelo site do Procon-SP, pelo aplicativo disponível para Android e iOS ou até mesmo pelas redes sociais do órgão.

De acordo com o diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez, “independente do aumento da demanda gerada pela pandemia ou quaisquer outras ocasiões específicas, os dados demonstram que as empresas não se preparam para as vendas online. Fornecedores vendem o que não têm no estoque, atrasam a entrega , não avisam sobre a cobrança do frete, são muitas reclamações e, por parte das empresas, respostas automáticas e protelatórias”. 

Leia Também:  Aeroporto de Congonhas e Santos Dumont entram para programa de privatizações

Buscando evitar reclamações durante a Black Friday , fim de semana repleto de promoções, o órgão fará uma reunião com as principais empresas de comércio eletrônico.

“Vamos solicitar que tomem providências para atender aos direitos dos consumidores. Esses fornecedores precisam investir mais no seu pós-venda, o consumidor não pode ser refém de empresas que só pensam em vender”, pontua Capez.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Fernanda Ribeiro fala sobre fintechs e novos bancos em live do iG nesta 5ª

Publicados

em


source

Brasil Econômico

Fernanda Ribeiro
Divulgação

Fernanda Ribeiro, convidada do programa Brasil Econômico ao Vivo desta quinta-feira

Nesta quinta-feira (3), a partir das 17h, o Brasil Econômico ao Vivo recebe a Presidente da Associação AfroBusiness e co-fundadora e CCO da Conta Black, Fernanda Ribeiro , para falar sobre os novos bancos e as Fintechs no Brasil. O programa faz parte de projeto de lives que acontecem sempre às quintas.

Formada em turismo e pós graduada na área de comunicação corporativa, Fernanda é líder de diversidade da Associação Brasileira de Fintechs e Embaixadora Rede Ibero Americana de Mulheres em Fintech. Venceu o Prêmio Empregueafro Talento da Diversidade e o Prêmio CITI Jovens Empreendedores na categoria Organização Social Mais Transformadora. 

Reconhecida na lista dos 50 profissionais Hustlers a serem seguidos segundo a Gama Academy , dedica-se também ao desenvolvimento de ações e programas para fomento da diversidade, inclusão econômica e social relacionados às temáticas de gênero e étnico-raciais, com ênfase em empreendedorismo e finanças.

Leia Também:  Coalizão Negra por Direitos rejeita criação de comitê antirracismo no Carrefour

Curadora dos programas Startup A e E-commerce Social , atuou em empresas multinacionais nas áreas de qualidade, e-commerce, experiência do cliente, treinamento e comunicação interna.

Lives do Brasil Econômico

As entrevistas sempre contam com participação de jornalistas convidados e são transmitidas simultaneamente no perfil do Facebook do iG e no canal do YouTube . Internautas poderão interagir e mandar perguntas durante a entrevista.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA