Política

Quando senador, novo ministro da Educação pediu uma revolução na área

Publicado em

Aloizio Mercadante assumiu nesta terça-feira o Ministério da Educação

Por | 25.01.2012

 

 

Em sua despedida do Senado, em dezembro de 2010, o novo ministro da Educação, Aloizio Mercadante, defendeu a promoção de uma “revolução na educação básica do Brasil”. Ele admitiu no seu pronunciamento ainda como senador que o país enfrenta “muitas deficiências” no ensino fundamental e médio. E mencionou, como exemplo, os resultados obtidos pelos estudantes brasileiros no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa).

 

A educação brasileira evoluiu 33 pontos nos exames do Pisa realizados entre 2000 e 2009, segundo informação divulgada no portal do Ministério da Educação. Foi superado apenas pelo Chile (37 pontos) e por Luxemburgo (38). Na tabela geral, porém, o Brasil está apenas na 53ª posição entre os 65 países avaliados, depois de superar Argentina e Colômbia, entre os latino-americanos. Ficou 19 pontos atrás do México (49º), 26 do Uruguai (47º) e 38 atrás do Chile (45º).

 

– Eu concordo que nós precisamos dar grande ênfase ao ensino fundamental, médio, ao ensino infantil, básico, e o MEC deveria concentrar [aí] todo o seu esforço – disse Mercadante, em resposta a um aparte do senador Cristovam Buarque (PDT-DF), no seu discurso de despedida da Casa. Em 2011, ele assumiu o comando do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, onde permaneceu por um ano. Sua posse como novo ministro da Educação ocorre nesta terça-feira (24).

Leia Também:  Câmara de Cachoeiro aprova e agora crianças poderão entrar em ônibus pela porta traseira

 

Em seu aparte, Cristovam sugeriu que o Ministério da Educação se dedicasse exclusivamente à educação básica, deixando a educação superior a cargo do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação. Mercadante admitiu que essa separação pudesse vir a acontecer “um dia”. Enquanto isso, no entanto, disse que o país precisa “olhar com muita atenção para o conhecimento”, ao mesmo tempo em que busca fazer “uma revolução na educação básica no Brasil”.

 

No mesmo pronunciamento, Mercadante observou que o Brasil já havia se tornado, naquele momento, o 13º país em termos de produção intelectual nas revistas científicas indexadas internacionalmente. No entanto, como ressaltou, o país ainda não foi capaz de transformar a pesquisa básica em inovação tecnológica.

 

Marcos Magalhães / Agência Senado

 

 

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Marataízes exonera quatro secretários municipais e mais 15 comissionados

Published

on

O prefeito em exercício de Marataízes, Jaiminho Machado, exonerou, em uma canetada só, quatro secretários municipais.

A lista foi publicada no diário oficial desta sexta-feira (12).

Além deles, consta na lista João Antonio Neto, o Joãozinho, gerente de gestão, que estava lotado no gabinete e também já exerceu cargo em primeiro escalão.

Em importância menor dentro da escala administrativa, também foram exoneradas outras 15 pessoas, entre diretores e outros.

Todos os nomes exonerados foram nomeados pelo então prefeito afastado Tininho Batista e eram colaboradores desde o seu primeiro mandato como prefeito.

Um dos secretários exonerados é Robson Abreu Silva que respondia por três secretarias.

Confira os secretários exonerados:

ANDERSON GOUVEIA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL E SEGURANÇA PATRIMONIAL

ROBSON SEYR – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

ANTÔNIO CARLOS SADER SANT’ANNA –  SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PESCA E AQUICULTURA

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE INFRAESTRUTURA DE INTERIOR

Leia Também:  Deputados capixabas não aprovam fim do pedágio na Terceira Ponte

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE AGRICULTURA, AGROPECUÁRIA E ABASTECIMENTO

JOÃO ANTONIO NETO – GERENTE DE GESTÃO ADMINISTRATIVA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA