MINISTÉRIO PÚBLICO ES

Procuradora-Geral de Justiça do MPES participa da primeira sessão virtual do TJES

Publicados

em


.

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), Luciana Gomes Ferreira de Andrade, participou na quinta-feira (21/05) da primeira sessão do Tribunal Pleno do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), realizada por videoconferência e transmitida ao vivo. A sessão virtual, inédita na história do Poder Judiciário Estadual, foi conduzida pelo presidente do TJES, desembargador Ronaldo Gonçalves de Sousa.

Participaram da sessão, além dos desembargadores do TJES, o subprocurador de Justiça Judicial do MPES, Josemar Moreira, e advogados previamente inscritos, de acordo com o Ato Normativo 73/2020, que regulamentou a realização das sessões do Pleno por videoconferência. O ato é válido enquanto durar a vigência do regime especial de trabalho, estabelecido pela Resolução nº 313/20 do Conselho Nacional de Justiça e do Ato Normativo nº 71/2020 do TJES. Também acompanhou a sessão, o presidente da Associação dos Magistrados do Espírito Santo (Amages), Daniel Peçanha.

A procuradora-geral de Justiça foi saudada pelos desembargadores, em razão de ser a primeira sessão do Tribunal Pleno que participou, após tomar posse como chefe do MPES em 04 de maio. “Quero parabenizar a procuradora-geral de Justiça, doutora Luciana, pela posse ocorrida neste momento tão difícil, e dizer que o nosso Tribunal está de portas abertas para recebê-la. Seja feliz no seu biênio e que Deus a ilumine”, destacou o presidente do TJES.

Leia Também:  PGJ apresenta webinar "O impacto da Covid-19 nas atividades do MPES" nesta sexta (03)

A procuradora-geral de Justiça, por sua vez, saudou a todos e falou da importância da realização da sessão do Tribunal Pleno por videoconferência, classificando o momento como uma grande virada tecnológica da Justiça. “Lamentamos que seja em estado de pandemia, mas, em todo caso, é uma evolução tecnológica e isso é muito importante, permitindo inclusive a acessibilidade plena àqueles que estão no Interior e aos mais carentes que não podem estar presencialmente no Tribunal e que, neste momento, participam plenamente das tarefas da Justiça. Isso é muito bom pra todos nós”, destacou.

“Também não poderia, neste momento, deixar de render elogios ao nosso presidente, desembargador Ronaldo Gonçalves de Sousa, que tem feito um trabalho de elevada significância, sobretudo na defesa intransigente do Poder Judiciário durante esta pandemia, onde nossas contas, o orçamento e as questões relativas à saúde tem sido tormentosas. O desembargador Ronaldo está conduzindo tudo com altivez e brilhantismo, inclusive na qualidade administrativa de gestão”, ressaltou Luciana Andrade.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MINISTÉRIO PÚBLICO ES

PGJ apresenta webinar “O impacto da Covid-19 nas atividades do MPES” nesta sexta (03)

Publicados

em


.

“O impacto da Covid-19 nas atividades do Ministério Público no Estado do Espírito Santo” será tema do webinar apresentado pela procuradora-geral de Justiça, Luciana Andrade, nesta sexta-feira (03), às 18 horas. A palestra, online e gratuita, integra a série “Conhecimento em Rede”, promovida pela Universidade Vila Velha (UVV). A série foi lançada em abril para promover o conhecimento de temas variados que podem gerar competências profissionais e pessoais. 

A PGJ vai falar das ações implementadas pela instituição para se adaptar à nova realidade imposta pela pandemia e perspectivas para o futuro. O encontro será moderado pelo coordenador do curso de Direito da UVV, Ricardo Raemy Rangel, e a população poderá interagir com perguntas pelo chat. Para participar, é necessário realizar a inscrição pelo link: https://uvv.br/2020/04/07/conhecimento-em-rede-serie-de-webinar-para-turbinar-sua-carreira/

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MPES recomenda suspensão de aulas presenciais em todo o Estado
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA