Brasil

PRF proíbe tráfego de carretas no trecho fluminense da BR-101, na ligação com o Espírito Santo

Publicado em

A medida foi publicada ontem (2) no Diário Oficial da União e tem o objetivo de evitar os congestionamentos na rodovia em função da grande circulação de veículos de passeio

Por | 03.02.2012

 

Brasília ? A Polícia Rodoviária Federal no Rio de Janeiro decidiu proibir o tráfego de grandes carretas no trecho fluminense da BR-101, na ligação com o Espírito Santo, durante o período de carnaval. A medida foi publicada ontem (2) no Diário Oficial da União e tem o objetivo de evitar os congestionamentos na rodovia em função da grande circulação de veículos de passeio.

 

De acordo com a portaria, as carretas não poderão circular das 6h às 20h nos dias 17 e 18 de fevereiro nos dois sentidos e na Quarta-Feira de Cinzas (22), no sentido Rio de Janeiro, quando é maior o movimento de volta ao estado. Para garantir o fluxo entre os dois estados, uma faixa reversível será implantada entre os municípios de São Gonçalo e Itaboraí.

 

Os patrulheiros rodoviários vão atuar principalmente nos pontos tradicionais de retenção, como no entroncamento da Via Lagos com a BR-101, trecho Manilha-Duques, e na Avenida do Contorno.

Leia Também:  Morre aos 29 anos o cantor Cristiano Araújo

 

 

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Prefeito de Cachoeiro, Victor Coelho, exonera dois secretários municipais

Published

on

Foto: arquivo

Cachoeiro de Itapemirim começa a semana com duas mudanças significativas no seu primeiro escalão. O prefeito Victor Coelho (PSB) mexe em pastas consideradas o coração de qualquer governo. Foram exonerados o secretário de Obras, Desil Moreira Henrique, e o de Governo e Planejamento Estratégico, Cláudio José Mello de Souza.

No Diário Oficial desta segunda-feira (16) consta que ambos desembarcaram do governo municipal a pedido, que é uma forma educada e muito usual para se dispensar servidores. Os reais motivos para a troca são ignotos.

Novos Nomes

Interinamente o prefeito opta por nomes que já conhecem a máquina. Na Secretaria de Obras, por exemplo, entra Rodrigo de Almeida Bolelli, que atuava no cargo de subsecretário de Gestão e Fiscalização de Obras. Ou seja, já tem intimidade com os trâmites da pasta.

E para a Secretaria de Governo e Planejamento Estratégico entra a advogada Ângela de Paula Barbosa, fiel escudeira de Victor Coelho e considerada aliada de primeira hora. Ela ocupava o cargo de coordenadora executiva do Gabinete do Prefeito.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Juristas ampliam tempo de prisão a ser cumprido para progressão de regime em caso de homicídios
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA