Saúde

Prefeitura do Rio amplia calendário de vacinação contra a covid-19

Publicado em

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro ampliou mais uma vez o calendário de vacinação contra a covid-19. A partir deste sábado (23), todas as pessoas com 30 anos de idade ou mais poderão receber a segunda dose de reforço da vacina. O intervalo é de 4 meses ou mais da aplicação da primeira dose de reforço.

Para ser vacinado, basta apresentar documento de identidade com CPF e comprovante de vacinação. Desde quarta-feira (20) as pessoas com 35 anos de idade ou mais já podem se vacinar com a segunda dose de reforço.

Quem está com sintomas gripais não deve tomar o imunizante agora, mas a recomendação é procurar uma clínica da família ou centro municipal de saúde para realizar um teste de covid-19.

Trabalhadores da saúde com 18 anos de idade ou mais continuam com a indicação para a segunda dose de reforço, conforme calendário divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde.

Aos sábados, os postos de vacinação da prefeitura do Rio de Janeiro funcionam para vacinação das 8h às 12h.

Leia Também:  Covid-19: Lares de idosos de Cachoeiro já foram atendidos com 1ª dose da vacina

A população pode obter mais detalhes sobre a imunização em no site da prefeitura.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Saúde

Brasil registra 147 mortes e 17,7 mil novos casos de covid-19 em 24h

Published

on

Em 24 horas, foram registrados 17.726 novos casos de covid-19 no Brasil. No mesmo período, houve 147 mortes de vítimas do vírus. O Brasil soma desde o início da pandemia 681.400 mortes por covid-19, segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje (13), em Brasília, pelo Ministério da Saúde. O número total de casos confirmados da doença é de 34.165.857.

Ainda segundo o boletim, 32.966.689 pessoas se recuperaram da doença e 517.768 casos estão em acompanhamento. No levantamento de hoje, não consta atualização dos dados de óbitos em Mato Grosso do Sul. Também não consta a atualização de casos e mortes no Distrito Federal e nos seguintes estados: Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Roraima e Tocantins.

Estados

Segundo os dados disponíveis, São Paulo lidera o número de casos, com 5,97 milhões, seguido por Minas Gerais (3,85 milhões) e Paraná (2,71 milhões). O menor número de casos é registrado no Acre (147,5 mil). Em seguida, aparecem Roraima (173,9 mil) e Amapá (177,7 mil).
Em relação às mortes, de acordo com os dados mais recentes disponíveis, São Paulo apresenta o maior número (173.638), seguido de Rio de Janeiro (75.162) e Minas Gerais (63.257). O menor total de mortes situa-se no Acre (2.025), Amapá (2.155) e Roraima (2.165).

Boletim Epidemiológico Boletim Epidemiológico

Leia Também:  Covid-19: Lares de idosos de Cachoeiro já foram atendidos com 1ª dose da vacina
Boletim Epidemiológico – 13/08/2022/Divulgação/ Ministério da Saúde

Vacinação

Até hoje, foram aplicadas 471,7 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, sendo 178,7 milhões com a primeira dose e 159,8 milhões com a segunda dose. A dose única foi aplicada em 4,9 milhões de pessoas. Outras 104,4 milhões já receberam a primeira dose de reforço, e 18,9 milhões receberam a segunda dose de reforço.

Edição: Claudia Felczak

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA