Agronegócio

Prefeitura de Itapemirim distribui 300 toneladas de ração balanceada a produtores de leite

Publicados

em

O programa do fornecimento de ração balanceada alavanca a produção leiteira de Itapemirim e aumenta a renda do pequeno produtor rural. Até o próxima terça-feira (20), técnicos da Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural concluem a distribuição de quase 300 toneladas de farelo que vai beneficiar pelo menos 360 produtores rurais.

Neste mês de abril, a Prefeitura está finalizando a distribuição de aproximadamente 7 mil sacos de farelo referente a fevereiro. A ração diminui os custos do pequeno produtor rural que recebe, em média, de 40 a 1.200 kg de farelo conforme a produção leiteira. Até o produtor de leite para o autoconsumo também é contemplado pelo programa.

O maior custo da produção leiteira é com a alimentação do gado. Com essa economia, o produtor pode investir em outros gastos gerados pelo rebanho, como melhoria nos currais e os cuidados com os animais.

O secretário Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural (Semader), Clodoaldo Leal Ferreira, destacou a importância dos programas de fomento à agricultura familiar. “Assim como distribuímos a ração balanceada, temos outros programas que beneficiam o homem do campo”, enfatizou.

Leia Também:  Sejus recebe ônibus adaptados para movimentação carcerária

E acrescentou: “Isso mostra o compromisso que essa Administração comandada pelo prefeito Thiago Lopes tem com relação a continuidade dos programas e ampliação das iniciativas de apoio ao pequeno produtor rural”, sustentou.

Estão sendo atendidos os produtores das localidades do Frade, Luanda, Sapucaia, Santa Helena, Ilha do Leandro, Ilha do Gato, Palmital, Retiro. Fazenda Velha, Coroa da Onça, Santo Amaro, Gomes, Joacima, Muritioca, Agha, Duas Barras, Vila Baiardo, Brejo Grande do Norte I e II, Brejo Grande do Sul, Garrafão I e II, Córrego do Ouro I e II, Caxeta, Safra e Rio Muqui.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agronegócio

Senar Goiás tem diversas alternativas para o aumento de renda através da fruticultura

Publicados

em


Famoso pelas lavouras e pecuária, Goiás também vem se destacando na produção de frutas. O mercado em expansão traz oportunidade de negócios e trabalho. O Senar Goiás oferece meios para acessar as diversas possibilidades da fruticultura. Conheça o Caso de Sucesso de Renata e Marina Sauter.

O curso de fruticultura do Senar Goiás, promovido pela área de  Formação Profissional Rural (FPR), permite um redescobrir do quintal ou novas alternativas  de cultivo. Já para quem quer uma visão  mais ampla para prestar serviço nessa área, pode ficar de olho nas próximas turmas do curso técnico em fruticultura. Mas se você já tem uma plantação e quer ampliar a produção e renda, uma sugestão é a Assistência Técnica e Gerencial do Senar Goiás (ATeG), que pode ser acessada através dos Sindicatos Rurais. E tem ainda a possibilidade de duplicar a forma de comercialização com a produção de doces e geleias, com o que é ensinado nos treinamentos de Promoção Social (PS). 

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Setor agropecuário investe em prevenção aos incêndios nas áreas rurais
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA