Cidades

Prefeitura de Cachoeiro prorroga suspensão de atividades administrativas até sexta (27)

Publicados

em

A Prefeitura de Cachoeiro manterá suspensas, até a próxima sexta-feira (27), as atividades nas suas unidades administrativas. A administração municipal prorrogou os efeitos do decreto, publicado na quinta-feira (19), que estabeleceu a suspensão como parte das medidas preventivas relacionadas ao novo coronavírus.

Serão mantidos, nesse período, os serviços considerados essenciais das áreas de saúde, segurança, limpeza pública e de assistência e desenvolvimento social, além das atividades do Comitê de Crise de Emergência em Saúde, criado para acompanhar a situação epidemiológica no estado e traçar as estratégias preventivas locais.

Os demais servidores e empregados públicos municipais – ocupantes de cargo em comissão, designados temporários e contratados temporários – poderão ser convocados, a qualquer hora do dia, para a realização de serviços da administração.

“O momento atual exige os esforços e o engajamento de todos nas ações preventivas, para reduzirmos as possibilidades de transmissão do vírus em Cachoeiro e evitarmos os efeitos que um eventual surto traria para nossa saúde pública. Durante toda a próxima semana, estão suspensas as nossas atividades administrativas e as atividades do comércio e de prestação de serviços, para que a circulação de pessoas nas ruas seja reduzida drasticamente. A saúde da população está em primeiro lugar”, salienta o prefeito Victor Coelho.

Leia Também:  Forças de segurança prendem oito homicidas em seis horas no Espírito Santo

Confira outras medidas tomadas pela Prefeitura no enfrentamento ao coronavírus:

– Coronavírus: comércio e serviços suspensos por uma semana
– Serviços de saúde são reorganizados para prevenção e enfrentamento do coronavírus

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Hospital Evangélico de Cachoeiro comemora sua última alta de COVID-19

Publicados

em

Aline Laura Almeida Ferreira de Souza, de 41 anos, moradora do bairro Nossa Senhora da Penha, em Cachoeiro de Itapemirim, é a última paciente da UTI Covid do Hospital Evangélico. Hoje, após 44 dias internada, teve alta e pode ir para casa com a família.

Quando o hospital deixou de ser referência ao coronavírus, Aline ainda necessitava de cuidados hospitalares intensivos. Segundo Pamella Maurício dos Prazeres, enfermeira chefe do setor, a decisão da não transferência da paciente se deu por conta do quadro clínico dela.

Na porta da UTI, esperando, estavam o esposo, Charles Carvalho Sousa, o filho, Kaike Almeida Carvalho Sousa, de 9 anos e Francis Busato, amiga da família. “Estamos tentando segurar a ansiedade”, disse Charles. A equipe de enfermagem também prestigiou o momento, com palmas, ornamentação e cantando louvores.

O HECI iniciou sua contribuição no enfrentamento ao coronavírus no dia 19 de março de 2021, com a chegada da segunda onda do vírus. No entanto, encerrou o atendimento a novos casos oficialmente no dia 08 de julho. A decisão de mantê-la internada, para o esposo, representou um alívio muito grande “ficou aquela sensação de que estávamos próximos, mesmo sem visita-lá”.

Leia Também:  Principais ruas de Cachoeiro serão repavimentadas; confira os bairros beneficiados

Charles ainda completou: “Ela fez 41 anos sete dias antes de vir para cá. A sensação que nós temos é de que ela nasceu de novo. O dia de hoje fica marcado como a segunda data de aniversário dela”.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA