Cidades

Prefeito de Rio Novo do Sul divulga nota sobre Operação da Polícia Federal

Publicado em

Operação ‘Snack Zero’

Com três tópicos, a nota que é assinada pelo prefeito Thiago Fiorio Longui,

Por Ilauro Oliveira | 19.02.2019

Diferentemente de outras sete prefeituras que foram citadas na Operação ‘Snack Zero’ da Polícia Federal, mas não se pronunciaram sobre o tema ainda, Rio Novo do Sul divulgou uma nota oficial na tarde desta terça-feira (19).  

Com três tópicos, a nota que é assinada pelo prefeito Thiago Fiorio Longui (PROS) diz que “desconhece o teor da investigação mencionada pelas reportagens”, e que “todo processo licitatório no âmbito do município segue a mais estrita legalidade”, e encerra ratificando que ”nenhuma repartição municipal foi alvo de cumprimento de mandado de busca e apreensão, nem mesmo de qualquer diligência policial”.

Por fim, o prefeito diz que repudia as práticas ilícitas mencionadas nas reportagens e que o município disponibiliza quaisquer documentos que possam colaborar para a elucidação do caso.

  A nota do prefeito Thiago se fez necessária diante da operação desta terça-feira que investiga fraudes em licitações para compra de merenda escolar. A Prefeitura de Rio Novo do Sul foi citada.

Leia Também:  Prefeitura de Cachoeiro orienta população a se manter em locais seguros

As licitações com indícios de fraude teriam acontecido nos municípios de Marataízes, Fundão, Jaguaré, Vargem Alta, Muqui, Castelo, Rio Novo do Sul e Piúma

Já as empresas com suspeita de envolvimento na fraude têm sede em Cachoeiro de Itapemirim, Presidente Kennedy, Marataízes, Viana e Cariacica.

A operação batizada de ‘Snack Zero’ investiga fraudes na compra usando verbas federais. Também é investigada a oferta e o pagamento de vantagens indevidas a servidores públicos que participavam do esquema.

Segundo a Polícia Federal, havia um acordo prévio entre empresas que participavam das licitações para compra de merenda, prejudicando a competitividade e a causando prejuízos para o poder público. Isso porque as empresas aumentavam o preço dos alimentos adquiridos pelos municípios.

A investigação também descobriu que alguns alimentos eram fornecidos com os prazos de validade vencidos. Ao todo, 52 policiais federais participam da operação.

 

 

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Cachoeiro assina contrato para realização de concurso público com mais de 400 vagas

Published

on

O prefeito Victor Coelho assinou, nesta quinta-feira (18), em Brasília, o contrato com o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção (Cebraspe) para organização e realização de concurso público da Prefeitura de Cachoeiro.

O certame terá mais de 400 vagas para cargos do nível fundamental ao ensino superior, distribuídas em diversas áreas de atuação, além de cadastro de reserva. Os salários iniciais vão de R$ 1.241,16 a R$ 11.894,45.

De acordo com a Secretaria Municipal de Administração, as datas para publicação do edital e aplicação das provas ainda serão definidas pela banca e comissão do concurso.

O último concurso para cargos do quadro geral da Prefeitura de Cachoeiro foi realizado em 2007. O novo certame estava sendo preparado para 2020, mas precisou ser suspenso por força do cenário pandêmico e vedações da Lei Complementar 173/2020 (Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus).

“É um concurso muito aguardado no nosso município. Tivemos de adiar há dois anos, por causa da pandemia, mas, agora, estamos retomando esse projeto de governo, que gerará muitas vagas de trabalho no nosso município e fortalecerá os serviços municipais”, afirma Victor Coelho.

Leia Também:  Delegacia de Castelo ganha nova sede e já funciona em novo endereço

O Cebraspe é uma associação civil sem fins lucrativos, que figura entre as maiores instituições brasileiras especializadas na realização de concursos públicos. A contratação foi realizada com respaldo no inciso XIII, do artigo 24, da Lei nº 8.666/93 (Lei de Licitações).

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA