Segurança

Policiais da Core prendem homem que se passava por policial civil em Vila Velha

Publicado em

Um homem de 31 anos foi preso por policiais civis da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core), durante uma operação policial no bairro Novo México, em Vila Velha. Ele é suspeito de se passar por um policial civil da unidade.

A equipe policial recebeu uma denúncia, que informava de um indivíduo se passava por um policial civil da unidade. “Após levantamentos, foram identificadas imagens do suspeito, em que o mesmo fazia uso de colete e distintivos da polícia, e dizia estar “indo trabalhar”, além de outras fotos em que ele aparece com uma pistola na cintura. O retrato foi usado no perfil dele no WhatsApp, portando uma pistola, distintivo da PCES e uma caneca com o símbolo da Polícia Civil”, disse o coordenador da Core, delegado Ricardo Almeida.

De acordo com o delegado, a equipe levantou as informações de que o suspeito trabalhava como chefe de segurança em uma empresa em Vila Velha e se apresentava como policial civil, sempre portando uma arma de fogo e se deslocando em uma moto ou carro.

Leia Também:  DEHPP prende suspeito de descumprir medida protetiva de urgência contra ex-companheira

“A equipe policial realizou uma campana com viatura descaracterizada próximo ao local de trabalho do suspeito, em Novo México, Vila Velha. Ao avistar uma motocicleta com um indivíduo com as características do homem que estávamos à procura, fizemos a abordagem do mesmo”, explicou Ricardo Almeida. 

Segundo o responsável pela investigação, o suspeito, ao ser questionado se portava arma de fogo, disse que sim e em ato continuo, ao ser perguntado sobre o colete e distintivo da polícia civil que ele usava, indicou que os apetrechos estavam na casa dele. “Seguimos então para o edifício, onde fomos atendidos pela mãe do conduzido, que nos convidou para entrar e mostrou o quarto do suspeito, indicando onde estava o colete e o distintivo, sendo estes recolhidos pela equipe”, acrescentou o delegado.

Em depoimento, o conduzido alegou que a arma usada por ele era do pai, que era inspetor penitenciário de determinação temporária. Já o colete balístico, não teve nenhum documento apresentado. Ao consultarem os antecedentes criminais do indivíduo de 31 anos, os policias constataram que ele já tinha passagens pelos crimes de ameaça, estelionato e vias de fato. 

Leia Também:  Polícia Civil apreende armas em residência no bairro Palmital, em Linhares

O suspeito foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e falsa identidade, sendo encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV), ficando à disposição da Justiça.

Texto: Brenda Corti, estagiária da Seção de Imprensa e Comunicação Interna (Sicoi)

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna – (27) 3137-9024

[email protected]

Informações à Imprensa:

Matheus Zardini / Olga Samara  

(27) 3636-1574 / (27) 99297-8693 / (27) 3636-1536 / (27) 99846-1111

[email protected]

Fonte: Polícia Civil ES

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Segurança

Polícia Civil prende mandante de tentativa de homicídio em Sooretama

Published

on

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), por meio da Delegacia Regional de Linhares, realizou, na última sexta-feira (07), a prisão de um homem de 20 anos durante operação policial na cidade de Sooretama. O indivíduo estava com mandado de prisão por uma tentativa de homicídio ocorrido em janeiro de deste ano, no bairro Canaã, também em Sooretama.

As investigações apontam que o suspeito era o mandante do crime que foi motivado por questões relativas aos atritos gerados pela prática do crime de tráfico de entorpecentes. “O suspeito ofereceu uma arma de fogo para um adolescente de 17 anos para assassinar a vítima. Durante a ação criminosa, o adolescente efetuou cinco disparos contra a vítima, que conseguiu sobreviver aos ferimentos”, contou o titular da Delegacia de Polícia de Sooretama, delegado Fabrício Lucindo. 

O adolescente já havia sido apreendido em outra operação realizada pela PCES e está no Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases) Norte. Já contra o suspeito, foi cumprido o mandado de prisão e ele foi encaminhado, posteriormente, ao sistema prisional. 

Leia Também:  Core realiza palestra sobre estresse no confronto armado

Texto: Adriana Nascimento Amaral, Policial Civil – Seção de Imprensa e Comunicação Interna (Sicoi).

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação Polícia Civil
Comunicação Interna – (27) 3137-9024
[email protected]


Matheus Zardini / Olga Samara  
(27) 3636-1574 / (27) 99297-8693 / (27) 3636-1536 / (27) 99846-1111

Fonte: Polícia Civil ES

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA