Política Nacional

Partido de Mourão, PRTB cria agenda em busca de bolsonaristas decepcionados

Publicados

em


source
Mourão
Isac Nóbrega/PR

Vice-presidente Hamilton Mourão


O Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), presidido por Levy Fidelix, tem atualmente um representante no segundo posto mais importante do Executivo Federal, o vice-presidente Hamilto Mourão. O partido se define como “a verdadeira direita brasileira” e atualmente busca promover uma agenda anticorrupção para se aproximar do eleitorado antes bolsonarista , que está decpecionado com a condução do governo, que perdeu o principal porta-voz desta pauta – o Ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro – e que passou a se aliar a partidos com histórico vasto de corrupção , os componentes do chamado centrão .

Leia também: Aumenta rejeição a Bolsonaro após divulgação de vídeo de reunião, diz estudo

Levy Fidelix expõe a intenção de atrair o eleitorado que ficou ” órfão “de Bolsonaro após as mais recentes denúncias de interferência política na PF para blindar os filhos e aliança com o centrão para barrar a abertura de um processo de impeachment.

Leia também: Ala militar e Guedes temem crise com a China caso trecho do vídeo vaze

Leia Também:  Bolsonaro falava a visitantes que máscara era coisa de 'viado', diz jornalista

“Nosso principal projeto é a limpeza na área de corrupção. Pode-se fazer algo com mais consistência”, diz Levy Fidelix em declaração publicada na Veja.  Parte da estratégia do cacique do PRTB é atrair os deputados envolvidos no racha do PSL, partido pelo qual Bolsonaro se elegeu. A chegada de deputados que hoje sã desafetos do presidente garante ao partido representação na Câmara, que hoje não existe, além de garantir uma fatia do fundo eleitoral. Levy pretende atrair ao menos 10 deputados.

As eleições municipais de 2020 serão o teste do plano do PRTB , que atualmente não conta com nenhum deputado, senador ou prefeito eleito em capital. O partido estima eleger entre 4 e 6 prefeitos em capitais este ano, doze em cidades médias e aproximadamente 1.500 vereadores. Para viabilizar o plano, o PRTB deve dobrar o número de candidaturas de vereadores em relação a 2016, que teve 6.500 candidatos. O próprio Levy Fidelix será candidato este ano na disputa pela prefeitura de São Paulo. 

Leia Também:  Pressionado, Bolsonaro sonda evangélicos para o Ministério da Educação


COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política Nacional

Moro comemora suspensão de contas ligadas à família Bolsonaro

Publicados

em


source
Sergio Moro
Agência Brasil

Moro parabenizou o Facebook pela remoção das páginas.

O ex-juiz e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro , utilizou suas redes sociais para comemorar a  remoção de perfis e páginas ligadas ao PSL e a funcionários dos gabinetes da família Bolsonaro. As postagens foram feitas pelo magistrado no fim da tarde desta quarta-feira (8).

Na postagem, Moro diz ter sido vítima do que ele chamou de “rede de mentiras” e afirmou que as pessoas “perderam qualquer senso de decência”. Confira a postagem:

A rede citada pelo ex-ministro era composta por 73 perfis, 14 páginas e um grupo no Facebook. Ela postava conteúdos políticos, memes e críticas a figuras da oposição. A remoção aconteceu por práticas proibidas pela plataforma.

Leia Também:  Facebook remove contas falsas ligadas ao PSL e gabinetes da família Bolsonaro

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA