Economia

Padeiros de Cachoeiro vão entrar em estado de greve na próxima segunda-feira

Publicado em

Os padeiros de Cachoeiro prometem entrar em estado de greve a partir da próxima segunda-feira (17), em protesto pelo não reajuste salarial da categoria. A informação foi confirmada pela Sub Sede do Sintramassas-ES, o sindicato da categoria no sul do Estado. O Sindipães disse que o assunto ainda não foi discutido.

De acordo com o diretor do Sintramassas-ES no sul do Estado, Thiago Elias Tognere, a qualquer movimento pode haver uma paralisação dos serviços. “Estamos entrando em estado de greve para informar e sensibilizar a população. Pedimos entre 11 e 13% de reajuste, e o sindicato patronal disse que o reajuste será 0%, sem nenhum benefício, com desculpa da crise financeira”, explica.

Tognere disse que a adesão será total no município. “Pelos índices divulgados, o setor tem crescido bastante nos últimos meses. Não parece haver crise. Não podemos parar 100%, e 30% vai funcionar. Daremos o prazo de uma semana para que tudo seja resolvido, depois, poderemos parar”, continua.

Os manifestantes vão usar carros de som na porta dos estabelecimentos para chamar a atenção da população. “Vamos passar em todas as padarias, sempre focados onde temos mais adesão. Esperaremos o sindicado patronal por uma semana, até paralisarmos os serviços”, completa o diretor sul.

Leia Também:  Economistas apontam despesas ineficientes que ameaçam teto de gastos

Segundo o presidente do Sindipães, Luiz Carlos Azevedo Almeida, disse que o objetivo nesse momento é explorar ao limite o diálogo entre os dois sindicatos. “Eles nos enviaram a minuta e fizemos a nossa. Agora, temos que sentar e alinhar as propostas. Até o momento, essa avaliação no foi analisada, e esperamos fazer isso até sexta-feira da próxima semana”, comenta.

Luiz Carlos ressalta ainda que o momento é de analisar, não adianta partir para o estado de greve. “Nada foi discutido. Não pode haver greve sem posicionamento. O nosso setor teve uma retração no consumo e o laboral tem que sentar e conversar. Temos que ser pessoas civilizadas. O que queremos nesse momento é manter os empregos. Temos que chegar a um consenso”, finaliza o presidente. Uma comissão de negociação do Sindipães está analisando as propostas do Sintramassas-ES.

fonte http://www.folhavitoria.com.br/

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Economia

Eletrobras reduz lucro em 45% após investimento em Furnas

Published

on

Eletrobras
Agência Brasil

Eletrobras

A Eletrobras obteve lucro líquido de R$ 1,401 bilhão no segundo trimestre do ano , queda de 45% na comparação com o mesmo período de 2021. No acumulado do ano até junho, o lucro da companhia caiu 1%, para R$ 4,117 bilhões.

Segundo a estatal, o resultado foi impactado negativamente pela provisão para perdas em investimentos no montante de R$ 890 milhões, em função, principalmente, do  aporte de capital realizado por Furnas na SPE Santo Antônio Energia.

No trimestre também pesou o registro de R$ 694 milhões em Provisão para Crédito de Liquidações Duvidosas (PCLD) relativo à inadimplência da distribuidora Amazonas Energia.

A receita operacional líquida atingiu R$ 8,856 bilhões no período, 19,1% superior à observada no mesmo período do ano passado, influenciada pela melhor performance nos contratos bilaterais e pelo reajuste anual das receitas de transmissão cuja base de ativos foi ampliada no ciclo 2021/2022 pelo reperfilamento da Rede Básica Sistema Existente (RBSE).

Leia Também:  BB inova ao oferecer o Iniciador de Pagamento

De janeiro a junho, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado somou R$ 4,861 bilhões, alta de 6% em comparação com igual intervalo do ano anterior. Considerando os seis primeiros meses de 2022, o Ebitda ajustado aumentou 5% para R$ 9,791 bilhões. A margem Ebitda ajustada do período alcançou 55%, queda de 7,08 pontos percentuais (p.p.) na base anual.

Ao final do trimestre, a dívida líquida recorrente da Eletrobras era de R$ 15,142 bilhões, 11% menor que no mesmo intervalo do ano anterior. A alavancagem, medida pela relação dívida líquida por Ebitda LTM ajustado, alcançou 0,7 vez no trimestre, queda de 24% na base anual.

Os investimentos da Eletrobras no trimestre totalizaram R$ 2,548 bilhões, crescimento de 159% em base anual de comparação. No semestre os investimentos avançaram 103%, para R$ 3,050 bilhões.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia . Siga também o  perfil geral do Portal iG .

Leia Também:  R$ 165 milhões: Mega-Sena sorteia 5º maior prêmio da história hoje

Fonte: IG ECONOMIA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA