Tecnologia

Oxímetro do Galaxy Watch 4 é comparado a ferramentas médicas em estudo

Publicado em

Galaxy Watch 4 tem precisão
Divulgação/Samsung

Galaxy Watch 4 tem precisão

O Galaxy Watch 4 pode se tornar uma ferramenta importante na área da saúde. Segundo um estudo publicado pela revista médica Sleep Health, realizado pela Samsung Medical Center e Samsung Electronics, o smartwatch da sul-coreana ofereceu medições de Apneia Obstrutiva do Sono (AOS) semelhantes aos de aparelhos médicos tradicionais, apesar da tecnologia ainda não ser 100% precisa.

O estudo monitorou 97 adultos com distúrbios do sono e, após vários testes, concluiu que o Galaxy Watch 4 pode ser usado para monitorar pacientes. Os pesquisadores realizaram medições simultâneas em várias pessoas que sofrem do distúrbio, tanto com o wearable da Samsung quanto com um sistema médico tradicional.

Os testes mostraram que o smartwatch da sul-coreana ofereceu leituras alinhadas aos do aparelho médico. Ou seja, quando houve alterações no nível de oxigenação no modelo de referência, o relógio exibiu dados similares, provando que o sensor SpO2 utilizado pela empresa é realmente preciso.

Com esses resultados, é possível concluir que o Galaxy Watch 4 pode ser um aliado importante para pacientes que sofrem de AOS, reduzindo a necessidade de procedimentos hospitalares mais caros, por exemplo.

Leia Também:  Review do TCL 20B: boa primeira impressão, mas não vai muito além

Esse distúrbio, que ocorre enquanto a pessoa está dormindo e roncando, bloqueia a passagem de ar devido ao colabamento das paredes da faringe, causando uma parada respiratória. A AOS afeta até 38% dos adultos em todo o mundo, com 50% dos homens e 25% das mulheres de meia-idade enfrentando um nível moderado a grave.

Vale ressaltar que, apesar do Galaxy Watch 4 entregar bons resultados, o estudo afirma que “outras melhorias nos algoritmos de dispositivos vestíveis são necessárias para obter informações mais precisas e confiáveis ​​sobre as medições de saturação de oxigênio”. Portanto, a tecnologia do dispositivo não é 100% precisa e ainda carece de aprimoramentos.

Galaxy Watch 4 tem grande potencial na área da saúde

O Galaxy Watch 4 tem sido considerado um ótimo aliado quando o assunto é saúde. Em junho deste ano, a Samsung firmou uma parceria com o InCor, do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo, para monitorar pacientes à distância usando o relógio.

Leia Também:  5G deixou internet até 147% mais rápida em outros países

A parceria visa desenvolver uma plataforma de telemonitoramento digital assistido com o auxílio dos smartwatches da marca. A iniciativa tem chances de ser ampliada e até aplicada no Sistema Único de Saúde (SUS) mas, por enquanto, ainda está em fase de pesquisa.

Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tecnologia

Google Meet terá compartilhamento de Spotify e YouTube durante chamada

Published

on

Google Meet ganhará novos recursos
Tecnoblog

Google Meet ganhará novos recursos

O Google Meet ganhou muito destaque nos últimos anos, e vai receber alguns recursos extras para deixar suas reuniões mais legais. Com um novo recurso de compartilhamento ao vivo, dá para ouvir músicas no Spotify, ver vídeos no YouTube ou jogar com outros participantes da chamada. É bem parecido com o SharePlay, da Apple.

O recurso faz parte da fusão do Meet com o Duo, o app de videochamadas do Google (que não tem a mesma fama do irmão profissional).

Esse é um processo bem confuso, aliás: o app do Duo vai virar Meet e ganhar os recursos dele, enquanto o Meet vai ser renomeado para Meet Original e posteriormente descontinuado.

Jogos e streaming no Google Meet

Bagunça à parte, alguns novos recursos foram acrescentados. Um deles é este recurso de compartilhamento ao vivo. Ele ainda está em fase beta.

Durante uma chamada, basta tocar nos três pontos, escolher “Atividades” e selecionar uma das opções. Dá para iniciar uma sessão em grupo no Spotify, por exemplo, jogar Uno! Mobile ou Kahoot!, entre outras possibilidades.

Leia Também:  LS-Nonce? Facebook tem bug em autenticação e inviabiliza login

SharePlay da Apple funciona com produtos diferentes

Compartilhar conteúdo de streaming em uma chamada não é inédito. É isso que o SharePlay da Apple faz.

Ele permite usar o FaceTime para compartilhar conteúdos de apps de streaming. Dentre as opções, estão a Apple TV+, o Disney+ e o HBO Max.

Spotify e YouTube não estão nessa lista, o que conta como um diferencial para o serviço do Google Meet.

O compartilhamento ao vivo teria sido bem interessante durante a fase mais crítica da pandemia de Covid-19, quando regras restritas de circulação estavam em vigor.

Mesmo assim, pode ser útil para empresas que adotaram o trabalho remoto ou para quem tem amigos espalhados pelo país ou pelo mundo.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA