Estado

Novos processos para retirada de medicamentos estão suspensos em quatro Farmácias Cidadãs Estaduais

Publicados

em

 

.

A partir desta terça-feira (24), a abertura de novos processos para a retirada de medicamentos nas Farmácias Cidadãs Estaduais de Cariacica (Metropolitano), Serra, Linhares e Cachoeiro de Itapemirim estão suspensas. Apenas serão realizadas a abertura de novos processos para a solicitação de Enoxaparina e medicamentos para pessoas transplantadas. Nas demais unidades (Vitória, Vila Velha, Colatina, São Mateus, Aracruz, Venda Nova do Imigrante, Nova Venécia e Guaçuí), a abertura de novos processos permanece normalizados.

No entanto, o atendimento para a retirada dos medicamentos permanece inalterado, e seguem de acordo com o horário marcado para cada usuário.

De acordo com a coordenadora da Gerência de Assistência Farmacêutica (GEAF), Gabrieli Freitas, a suspensão ocorre devido à redução no número de servidores do setor de abertura de processos, que precisaram se afastar das atividades por estarem no grupo de risco para o Covid-19.

“Em casos muito graves, o paciente poderá entrar em contato com nosso Fale Conosco pelo site da Farmácia Cidadã Estadual, para que possamos avaliar as possibilidades de atendimento”, disse Gabrieli Freitas.

Para acessar o Fale Conosco da Farmácia Cidadã Estadual, clique aqui.

Leia Também:  Ramon Menezes assume o comando do Vasco da Gama

 

Retirada de medicamentos continua normalizada

Para evitar aglomeração de pessoas e a presença de usuários dos grupos de risco para o Covid-19, a Gerência de Assistência Farmacêutica (GEAF) da Secretaria da Saúde (Sesa) listou uma relação de cuidados a serem adotados por quem for realizar a retirada de medicamentos em uma das 12 unidades das Farmácias Cidadãs Estaduais espalhadas pelo Espírito Santo.

Visando uma maior comodidade, os medicamentos poderão ser retirados por um procurador (poderão ser indicados até três procuradores por paciente). Essa procuração não precisa ser registrada em cartório e pode ser encontrada no site da Farmácia Cidadã Estadual. É importante que cada usuário leve sua caneta para assinar documentos no local.

Além disso, para evitar aglomerações, a gerência orienta que os usuários cheguem minutos antes do horário marcado para o atendimento, já que os dias e horários são agendados com antecedência. A medida visa reduzir o número de pessoas aglomeradas aguardando atendimento.

Todas as pessoas que chegarem às Farmácias Cidadãs devem lavar as mãos com água e sabão, ou fazer a higienização com álcool gel 70%. Também é importante que, ao tossir ou espirrar dentro das dependências das Farmácias, as pessoas cubram o nariz e a boca com um lenço descartável ou com o braço, e não com as mãos.

Leia Também:  Obras para levar água tratada a comunidades do interior de Cachoeiro têm cronograma alterado

Outra recomendação que deve ser seguida não apenas nas farmácias, mas no dia a dia de todas as pessoas, é evitar tocar os olhos, o nariz e a boca com as mãos não lavadas, e manter a lavagem das mãos com água e sabão com frequência.

“Se estiver doente ou com suspeita da doença fique em casa! Faça a remarcação do seu atendimento através dos telefones 3636 8417 ou 3636 8418. Caso necessite sair em público e não tenha um procurador, use máscara, evitando a disseminação do vírus”, ressaltou a coordenadora da GEAF, Gabrieli Freitas.

 

Informações à imprensa

Assessoria de Comunicação da Sesa

Syria Luppi / Kárita Iana / Paula Lima / Luciana Almeida / Thaísa Côrtes

[email protected]

 

Fonte: Governo ES

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Secretaria da Saúde divulga 33º boletim da Covid-19

Publicados

em


.

O Espírito Santo tem 96 casos confirmados do novo Coronavírus (Covid-19) até esta terça-feira (31). O caso, que totalizaria 97, pertence a um paciente morador do Rio de Janeiro que possui empresa em solo capixaba e procurou serviço de saúde local. A confirmação desse paciente já foi repassada ao seu estado de origem pelo Centro de Informações Estratégicas e Respostas em Vigilância em Saúde (CIEVS), da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). O Espírito Santo já registra casos de transmissão comunitária da doença, ou seja, quando não há como identificar a origem da contaminação.

Dos casos confirmados, 13 pacientes já estão curados, 68 estão em isolamento residencial e 15 estão internados, sendo nove em UTI. Não há óbitos.

A Sesa lembra que os dados pessoais dos pacientes são invioláveis de acordo com a Constituição Federal, estando protegidos por sigilo pela Lei 13.709/2018 (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais), sendo vedada inclusive a divulgação de bairros em que se localiza a residência dos casos suspeitos ou confirmados. A violação destes direitos está sujeita a responsabilização administrativa, cível e criminal.

Município de

Residência

Caso

confirmado

Caso

Descartado

Caso

suspeito

Total

Afonso Cláudio

1

3

4

Água Doce do Norte

1

1

Alegre

2

2

Alfredo Chaves

5

1

6

Alto Rio Novo

1

1

Anchieta

1

5

6

Apiacá

12

12

Aracruz

7

15

22

Atílio Vivácqua

2

2

4

Barra de São Francisco

3

1

4

Boa Esperança

1

1

Bom Jesus do Norte

11

11

Cachoeiro de Itapemirim

1

24

12

37

Cariacica

5

72

78

155

Castelo

1

5

6

12

Colatina

14

8

22

Conceição da Barra

1

1

Divino de São Lourenço

1

1

Domingos Martins

8

3

11

Dores do Rio Preto

1

1

Fundão

16

16

Governador Lindenberg

1

1

Guaçuí

4

3

7

Guarapari

2

17

4

23

Ibiraçu

1

1

Iconha

4

2

6

Itaguaçu

1

1

Itapemirim

1

3

4

Itarana

2

2

Jaguaré

2

1

3

Jerônimo Monteiro

1

3

4

João Neiva

3

3

Laranja da Terra

1

1

Linhares

4

57

96

157

Mantenópolis

1

1

Marataízes

3

3

6

Marechal Floriano

3

3

Marilândia

5

5

Mimoso do Sul

2

4

6

Montanha

2

2

Mucurici

1

1

Muniz Freire

2

2

Muqui

1

1

Nova Venécia

5

1

6

Pancas

1

1

Pedro Canário

3

1

4

Pinheiros

2

6

8

Piúma

7

7

14

Ponto Belo

1

1

Rio Bananal

2

2

4

Rio Novo do Sul

1

1

2

Santa Maria de Jetibá

6

6

Santa Teresa

1

1

2

São Gabriel da Palha

1

1

2

São José do Calçado

1

1

São Mateus

1

10

8

19

São Roque do Canaã

1

2

3

Serra

14

82

281

377

Sooretama

6

6

Vargem Alta

2

2

Venda Nova do Imigrante

3

2

5

Viana

1

8

37

46

Vila Pavão

1

1

Vila Velha

35

211

192

438

Vitória

28

155

121

304

Total

96 + 1*

750

976

1.823

 

Como prevenir

Até o momento não há um tratamento específico para a doença, que é transmitida por gotículas de saliva e catarro que se espalham pelo ambiente. Por isso, é fundamental manter alguns cuidados com a higiene pessoal que também valem para afastar o risco de gripe e outras tantas doenças respiratórias.

– Lavar as mãos frequentemente por pelo menos 20 segundos com água e sabão;

– Utilizar antisséptico de mãos à base de álcool para higienização;

– Cobrir com a parte interna do cotovelo a boca e o nariz ao tossir ou espirrar;

– Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

– Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

– Não compartilhar objetos de uso pessoal;

– Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado.

 

Informações à imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sesa
Syria Luppi / Kárita Iana / Paula Lima / Luciana Almeida / Thaísa Côrtes
[email protected]

 

Fonte: Governo ES

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Entidades beneficentes terão isenção de ICMS no Espírito Santo 
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA