Carros e Motos

Novo Peugeot 208 será lançado no segundo semestre. O que esperar dele?

Publicados

em

 

 

source
Peugeot
Divulgação

Peugeot 208 vindo da Argentina terá o visual arrojado entre os trunfos na briga com rivais de peso no Brasil

A Peugeot terá mais uma chance de voltar a disputar um lugar de destaque entre os hatches compactos mais vendidos com a nova geração do 208, que será fabricado na Argentina e deverá ser lançado no Brasil no início do segundo semestre, provavelmente em agosto. Com desenho arrojado e com alguns itens sofisticados na lista de equipamentos, o carro deverá agitar o segmento de hatches compactos no Brasil, ainda o que mais vende no País.

LEIA MAIS: Novo Peugeot 208 terá recursos inéditos entre compactos no Brasil

Apesar de ter o mesmo desenho da versão vendida na Europa, o Peugeot 208 vindo do país vizinho será um pouco mais simples. Entre outros itens, não virá com freio de estacionamento elétrico e alavanca de câmbio convencional no lugar da que que funciona eletronicamente, como na dupla de SUVs 3008 e 5008. Além disso, no conjunto mecânico, deverá ser adotado apenas o já conhecido motor 1.6 flex.

Leia Também:  Deputado Torino Marques defende reabertura de bares e restaurantes no ES

Porém, o novo hatch compacto contará com uma série de atrativos. A nova plataforma CMP é um deles, mais moderna leve e que garante um conjunto mais eficiente, inclusive, com possibilidade de contar com versão híbrida, já disponível na Europa. O que também chama atenção é o estilo ousado, com luzes diurnas de LED embutidas no para-choque dianteiro em formato das “presas” do leão. Na traseira, as lanternas fumês, segue o mesmo estilo dos lançamentos da marca francesa e dão um toque esportivo.

O arrojo continua por dentro, com uma série de detalhes como os botões no painel que parecem ter saído de algum avião e do quadro de instrumentos digital e configurável instalado em uma posição um pouco mais elevada em combinação com o volante de raio menor que o convencional. Além disso, haverá nova central multimídia com tela do tipo “flutuante”, carregador de celular sem fio, entre outras novidades.

LEIA MAIS: Peugeot revela a Landtrek, picape média que chega ao Brasil em 2021

Leia Também:  Aston Martin relança carro do 007 depois de quase 50 anos

O porte do novo Peugeot 208 será compatível com o dos pricipais rivais, com 2,54 metros de entreeixos, comprimento de 4.06 metros, 1,76 metros de largura e 1,43 metros de altura. O porta-malas será um dos maiores do segmento, com 311 litros de capacidade. Com o novo modelo, ainda não se sabe se o atual 208 feito em Porto Real (RJ) continuará sendo oferecido.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

Novo Dodge Durango SRT Hellcat se torna o SUV mais potente do mundo

Publicados

em


source
Dodge
Divulgação

Dodge Durango SRT Hellcat: Com 710 cv, seus rivais diretos têm todos menos de 100 cv ante o V8 americano envenenado

A Dodge acaba de anunciar, nos Estados Unidos, o lançamento da linha 2021 do Durango com uma série de novidades. Além de uma leve reestlização e atualizações nos seus equipamentos, o SUV traz como destaque a nova versão esportiva SRT Hellcat, desenvolvida pela divisão de alto desempenho da marca. Deve chegar às concessionárias americanas somente em 2021, com planos de fazer os carros sob demanda por apenas um ano.

LEIA MAIS: Dodge Dart V8 com blower chega nos 425 cv. Veja vídeo da raridade

O interior do novo SUV da Dodge foi reestilizado, recebendo detalhes de couro vermelho. Além disso, o novo Durango SRT Hellcat é oficialmente o SUV mais potente da categoria. Com 710 cv e 93,3 kgf, o motor V8 de 6,2 litros, equipado com compressor mecânico, desbancou inclusive o recordista anterior Jeep Grand Cherokee Trackhawk, bem como os rivais da BMW, Mercedes e Porsche por mais de 100 cv de diferença. O resultado é uma aceleração até 100 km/h em 3,5 segundos e a velocidade máxima de 290 km/h.

Leia Também:  “Desejo que o PR Jair Bolsonaro reaja bem aos sintomas da Covid-19”, diz Casagrande

Ele recebeu o mesmo sistema de transmissão com câmbio automático, de oito marchas e tração integral. Além disso, a suspensão pode ser alterada pelos modos de direção Auto, com direção mais leve e confortável, e Track (pista), que oferece maior controle sobre a dinâmica do carro. Os freios Brembo foram atualizados, com seis pinças na frente e quatro nas rodas traseiras.

LEIA MAIS: Jeep aumenta preços de toda linha. Veja nova tabela

Como se não bastasse, de série, o Hellcat vem com um jogo de pneus Pirelli Scorpion Zero 295/45 R20. Mas as rodas aro 20 também podem calçar pneus P-Zero 295/45 de superesportivos, menos apropriados para os climas de inverno dos países do hemisfério norte. Também vale lembrar que é capaz de rebocar até 3.946 kg.

O sistema de exaustão do Dodge Durango envenenado promete ser alto e barulhento, já que foi produzido especialmente para o modelo em dois tubos com formato de “X”, de 260 mm, os maiores da gama. Por fim, além do capô com a entrada de ar e as listras de corrida, a frente recebeu uma linha que corta a grade ao meio, mas perdeu os faróis de neblina.

Leia Também:  Mercado de usados fecha com queda de 33,7% em um ano

LEIA MAIS: Jeep Compass renovado será mostrado no mês que vem

O aerofólio na traseira é funcional, além de deixar o visual ainda mais agressivo. De acordo com a Dodge , acrescenta 400% de pressão aerodinâmica na traseira em comparação com o modelo “normal”. São 63 kg de força a 290 km/h, pressão que ajuda a prender o SUV ao solo.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA