MINISTÉRIO PÚBLICO ES

Nota – Adiamento do júri – Caso Arnaldo Tesch

Publicado em

Os promotores de Justiça do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES) que atuam junto ao Tribunal do Júri de Vitória lamentam o adiamento do julgamento dos réus Remi Pereira dos Santos e Gilvana Pires Pereira Tesch. Embora o adiamento tenha amparo no código processual, o MPES entende que a sociedade e os familiares cobram a realização de justiça quanto a esse crime bárbaro ocorrido em 2012 em Santa Maria de Jetibá. Assim, avalia que se trata de mais uma manobra patrocinada pela defesa no intuito de postergar o julgamento dos réus, entendendo que o tempo pode arrefecer a memória e carrear dúvidas aos jurados. No entanto, os promotores de Justiça ratificam que as provas juntadas são mais que suficientes para a condenação e têm plena convicção de que os jurados promoverão a verdadeira justiça que o caso requer.

Fonte: Ministério Público do ES

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Nota de pesar
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MINISTÉRIO PÚBLICO ES

Projeto da FDV de observação das eleições de 2022 é apresentado ao Ministério Público

Published

on

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), Luciana Andrade, recebeu na quarta-feira (10/08) a visita institucional de professores da Faculdade de Direito de Vitória (FDV), que apresentaram o projeto de observação oficial das eleições de 2022. A instituição foi credenciada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para atuar como observadora eleitoral nacional das eleições gerais deste ano, ao lado da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). 

Participaram da visita a coordenadora do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direitos e Garantias Fundamentais da FDV, Elda Bussinguer, e o professor de Pós-Graduação da FDV Jose Luis Bolzan de Morais, que vai liderar o projeto de observação. Também estiveram presentes o secretário-geral do gabinete da procuradora-geral de Justiça, promotor de Justiça Francisco Martínez Berdeal; a promotora de Justiça assessora do Gabinete da procuradora-geral de Justiça Claudia Garcia; e o chefe de Apoio ao Gabinete da procuradora-geral de Justiça, promotor de Justiça Danilo Raposo Lírio.

Leia Também:  MPES ajuíza ação e município de Montanha terá de solucionar emissão de resíduos sanitários

Fonte: Ministério Público do ES

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA