Cidades

Moradores vão às ruas contra paralisação de obra na Lagoa Funda em Marataízes

Publicado em

Na tarde desta segunda-feira (12), cerca de 30 moradores de Marataízes foram às ruas contra a paralisação das obras de contenção da erosão causada pelo avanço do mar no bairro Lagoa Funda, e a recuperação da orla. A concentração foi em frente à Prefeitura do município.

Com faixas e cartazes, eles fecharam uma pista da avenida Rubem Rangel, e fizeram críticas à administração e os secretários do município. “Desde o avanço do mar, a Prefeitura só fez trabalho paliativo. Queremos saber por que a recuperação parou. O turista sumiu. Ninguém investe mais porque não tem visitação. Nem para pesca está bom. Está quase deserto o local”, comenta o comerciante José Carlos Barreto.

“A rua inteira desabou e várias casas correm o risco de desabamento, e até agora nada foi feito. Queremos uma satisfação pelo menos sobre o que está acontecendo”, disse a moradora do bairro Fátima Regina Pereira.

Por meio de nota, a Prefeitura de Marataízes informa que à princípio foi realizado o pregão 15/16, sobre o qual o Tribunal de Contas do Espírito Santo recomendou algumas adequações. Então, foi realizado o pregão 24/16, com as adequações que trata da aquisição de pedras e contratação de horas máquina. Após a Ata de Registro de Preço ser publicada, o Tribunal de Contas solicitou uma medida cautelar que culminou na paralisação da obra.

Leia Também:  Cachoeiro tem 25% das unidades do Minha Casa, Minha Vida no estado

Ainda, de acordo com a nota, a Prefeitura de Marataízes está tomando medidas junto ao Tribunal de Conta pedindo a liberação cautelar da obra. Paralelo a isso, visando a elaboração de um projeto definitivo para a contenção da erosão em todo o litoral de Marataízes.

fonte http://www.folhavitoria.com.br/

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Marataízes exonera quatro secretários municipais e mais 15 comissionados

Published

on

O prefeito em exercício de Marataízes, Jaiminho Machado, exonerou, em uma canetada só, quatro secretários municipais.

A lista foi publicada no diário oficial desta sexta-feira (12).

Além deles, consta na lista João Antonio Neto, o Joãozinho, gerente de gestão, que estava lotado no gabinete e também já exerceu cargo em primeiro escalão.

Em importância menor dentro da escala administrativa, também foram exoneradas outras 15 pessoas, entre diretores e outros.

Todos os nomes exonerados foram nomeados pelo então prefeito afastado Tininho Batista e eram colaboradores desde o seu primeiro mandato como prefeito.

Um dos secretários exonerados é Robson Abreu Silva que respondia por três secretarias.

Confira os secretários exonerados:

ANDERSON GOUVEIA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL E SEGURANÇA PATRIMONIAL

ROBSON SEYR – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

ANTÔNIO CARLOS SADER SANT’ANNA –  SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PESCA E AQUICULTURA

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE INFRAESTRUTURA DE INTERIOR

Leia Também:  Prefeitura decreta Estado de Calamidade Pública em Cachoeiro

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE AGRICULTURA, AGROPECUÁRIA E ABASTECIMENTO

JOÃO ANTONIO NETO – GERENTE DE GESTÃO ADMINISTRATIVA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA