Economia

Ministério da Economia abre 2 mil vagas com salários até R$ 6 mil

Publicados

em

 

 

source
Ministério da Economia abre mais de 2 mil vagas de emprego
Reprodução: iG Minas Gerais

Ministério da Economia abre mais de 2 mil vagas de emprego

O Ministério da Economia liberou nesta terça-feira (11) as inscrições para concurso público com 2,1 mil vagas na pasta. O cadastro pode ser feito no site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib), responsável pelo certame, até 14 de fevereiro.

As vagas são para técnico previdenciário, analista técnico e analista de negócios. Os salários variam entre R$ 1,7 mil e R$ 6,1 mil.

Segundo a pasta, 300 postos são para preenchimento imediato e 1,8 mil para cadastro reserva. Todas as vagas devem cumprir a carga horária de 40 horas semanais.

As provas devem ser aplicadas no dia 3 de abril, com 60 questões de português, informática, conhecimentos específicos, legislação e ética na administração pública. O resultado será divulgado em 30 de maio.

Leia Também:  Itaú retoma posto de banco mais valioso da América Latina

A taxa de inscrição será de R$ 64 para cargos de nível superior (Analista de Negócios) e R$ 54 para ensino médio (analista e técnico).

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Investimentos externos no Brasil crescem 104% em 2021

Publicados

em


source
Investimentos externos ao Brasil subiu 104%
Sophia Bernardes

Investimentos externos ao Brasil subiu 104%

O fluxo de investimentos externos no Brasil atingiu US$ 58 bilhões no ano passado, uma alta de 104% se comparado a 2020. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (19) pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Os números fazem o Brasil retomar a sétima posição do ranking de países que mais recebem investimentos. Em 2020, o país ocupou a oitava posição, após perder US$ 28 bilhões em investimentos.

Embora o número positivo em 2021, o Brasil ainda não conseguiu atingir os níveis registrados pré-pandemia. Em 2019, por exemplo, o fluxo de investimentos no país atingiu US$ 65 bilhões.

Países, como os Estados Unidos e China, registraram ótimos índices de investimentos e seguem entre os líderes de preferência dos investidores. Os EUA registraram crescimento de 114% em investimentos, atingindo a marca de US$ 323 bilhões.

Leia Também:  Prefeitura de Cachoeiro adia lançamento do aplicativo Passaporte Covid-19

O país asiático registou US$ 179 bilhões em investimentos, alta de 20% se comparado a 2020. O índice é recorde já apresentado pelos chineses.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA