Esporte

Mancini busca por time ideal, mesmo depois de usar 25 jogadores em quatro jogos

Publicados

em


Dos jogadores de linha à disposição, apenas quatro não foram escalados pelo treinador:

  • Michel Macedo, lateral-direito, que ficou no banco em todas as partidas;
  • Roni, volante, reserva nos três últimos jogos;
  • Ángelo Araos, meia, relacionado pela primeira vez no duelo contra o América;
  • Matheus Davó, atacante, que sequer foi relacionado.

Até agora, apenas três atletas foram titulares em todos os duelos com Vagner Mancini: o lateral-direito Fagner, o volante Xavier e o meia Mateus Vital.

– Todos estão nos planos. Na minha chegada, disse que a primeira função do treinador é recuperar todos os jogadores. É muito fácil chegar e pedir jogadores. Você vai onerar uma conta que já existe e colocar em xeque quem está no clube. Já fui atleta e passei por tudo isso. Uma das primeiras funções é recuperar jogador. Em duas semanas, vi evolução nos atletas dentro da maneira que eu quero – disse Mancini na última terça-feira.

  Com um jogador a menos Ceará vence o Corinthians de 2 a 1

Leia Também:  Ponte Preta supera Oeste e chega a cinco jogos de invencibilidade

Ainda sem ter repetido escalação, o treinador corintiano planejava, depois da vitória contra o Vasco, começar a fixar uma equipe. Porém, o mau desempenho na derrota para o América-MG deve provocar mudanças no time para enfrentar o Internacional, neste sábado, às 19h, na Neo Química Arena.

Para o confronto contra o líder do Brasileirão, Mancini contará com as voltas de Fábio Santos, Otero e Gustavo Mosquito, que não podem defender o Timão na Copa do Brasil.

Veja os jogadores utilizados por Mancini e quantos minutos cada um deles atuou com o técnico:

Goleiros

  • Cássio – 270
  • Walter – 90

Laterais

  • Fagner – 360
  • Lucas Piton – 252
  • Fábio Santos – 90
  • Sidcley – 18

Zagueiros

  • Gil – 360
  • Bruno Méndez – 76
  • Marllon – 281

Volantes

  • Xavier – 360
  • Éderson – 205
  • Camacho – 112
  • Cantillo – 18
  • Gabriel – 16

Meias

  • Mateus Vital – 296
  • Cazares – 222
  • Ramiro – 205
  • Gustavo Mantuan – 106
  • Otero – 55
  • Luan – 52

  Corinthians é derrotado pelo Sport na abertura da 12ª rodada do Brasilleirão

Leia Também:  Paraná é derrotado pelo Guaraní por 2 a 1 na Vila Capanema

Atacantes

  • Everaldo – 209
  • Boselli – 112
  • Léo Natel – 87
  • Jô – 60
  • Gustavo Mosquito – 34

 

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Corinthians e Coritiba se enfrentam pelo Campeonato Brasileiro nesta quarta

Publicados

em


Nesta quarta-feira (25), o Corinthians entra em campo mais uma vez pelo Campeonato Brasileiro da Série A 2020. Em partida válida pela 23ª rodada do torneio, o Alvinegro enfrenta o Coritiba fora de casa, no estádio Couto Pereira, às 21h30. Confira dez curiosidades do confronto:
– As duas equipes já se enfrentaram 57 vezes na história. E o retrospecto alvinegro é positivo: são 29 vitórias, 12 empates e 16 derrotas, além de 78 gols marcados e 54 sofridos;
– A primeira vez que as duas equipes se enfrentaram foi em um amistoso interestadual. Em 20 de abril de 1941, o Corinthians foi até a capital do estado do Paraná e foi superado por 1 a 0;
– A resposta veio logo no jogo seguinte, que foi, também, a maior goleada do confronto. Em 17 de maio do mesmo ano, o Alvinegro recebeu o Coritiba no Pacaembu, em um amistoso, e venceu por 7 a 3. Os gols corinthianos foram marcados por Teleco (2), Carlinhos, Servílio, Dino, e Milani (2);
– O primeiro jogo oficial entre os dois times foi apenas 28 anos depois. Pelo Torneio Roberto Gomes Pedrosa, o Robertão, o Alvinegro venceu o adversário por 3 a 2 fora de casa, com gols de Rivellino, Benê e Suingue, em 12 de novembro de 1969;
– Já a primeira partida oficial ocorrida fora de casa pelo Brasileirão foi há 38 anos. Também no estádio Couto Pereira, o Coringão venceu por 1 a 0, com gol de Marco Antônio;
– Os dois times já ficaram um máximo de 13 anos sem se enfrentar: isso ocorreu entre o último amistoso, ocorrido em 1956, e o jogo seguinte, este de 1969, pelo Robertão;
– Aliás, o Alvinegro não é derrotado pelo adversário desde 2011, quando perdeu por 2 a 1 fora de casa. De lá para cá, foram 13 jogos, sendo oito vitórias e cinco empates;
– Em jogos válidos pelo Campeonato Brasileiro, o retrospecto do confronto também é positivo para o Timão: são 22 vitórias, dez empates e 11 derrotas, com 55 gols marcados e 38 sofridos;
– E em partidas como visitante, o Timão não perde há seis jogos: desde 2012, foram uma vitória e cinco empates longe de seus domínios;
– O último confronto entre as duas equipes ocorreu neste ano. No primeiro turno do Brasileirão, o Coringão recebeu o adversário na Neo Química Arena em 19 de agosto de 2020, e venceu por 3 a 1, com gols de Léo Natel, Jô e Gustavo Silva.-

  Defesa do Goiás bloqueia o Botafogo e placar termina em 0 a 0

Leia Também:  Flamengo empata de 1 a 1 com o Racing Club pela Libertadores

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA