Turismo

Luciana Gimenez visita Portugal após anos com o namorado: “Encantada”

Publicados

em

Luciana Gimenez visita a Quinta que fabrica os vinhos Monte São Sebastião, na região do Douro
Arquivo pessoal

Luciana Gimenez visita a Quinta que fabrica os vinhos Monte São Sebastião, na região do Douro

Ao por os dois pés em Portugal, Luciana Gimenez voltou no tempo e se lembrou da primeira vez que visitou o país, ainda muito jovem, quando trabalhava como modelo, onde nunca mais havia voltado. Agora, mais recentemente, a apresentadora acaba de chegar de viagem com o namorado, o empresário Renato Breia.

“Eu tinha ido a Portugal apenas uma vez a trabalho, quando era muito novinha, e não tive a oportunidade de conhecer nada, então resolvi voltar. Agora um pouco mais, mas não o suficiente porque tive de trabalhar e fazer algumas fotos, mas ficou uma vontade gigante de retornar principalmente para conhecer as praias de lá, que já me disseram que são muito lindas”, explica.

Luciana teve pouco tempo para aproveitar os pontos badalados da cidade, porém Renato fez questão de apresentar alguns mais emblemáticos como a famosa Torre de Belém, o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT) e o Monumento aos Descobrimentos, que é uma homenagem aos navegantes que partiram de Lisboa em direção a novos mundos no século 15, inclusive o Brasil.

“Eu achei aquela parte antiga muito bonita. Fiquei encantada com o monumento que mostra de onde partiram as embarcações para chegar até o Brasil. Ali, por perto, também tinha o MAAT, com umas linhas parecidas com as obras de Oscar Niemeyer em forma de onda. Outro lugar que fiquei apaixonada foi o Castelo de São Jorge, onde morava a família real”, enumera.

Em entrevista exclusiva ao iG Turismo, a apresentadora conta que se divertiu muito com a experiência de andar de tuk-tuk, um triciclo motorizado típico da Índia, mas que também faz muito sucesso nas ruas de Lisboa. Enquanto andava pela capital portuguesa, Luciana foi reconhecida por dezenas de brasileiros que moram no país e ficou ainda mais surpresa por ser abordada pelos próprios portugueses que afirmaram categoricamente que a conhecem como apresentadora.

Leia Também:  Conheça 27 parques nacionais, um por estado do Brasil, para visitar

“Muitos portugueses falaram que assistiram meu canal no Youtube e achei estranho. Fui pegar um voo de Lisboa para a região do Douro quando uma portuguesa me abordou no avião e disse ‘eu gosto muito dos seus vídeos no YouTube’. Achei que ela estava mentindo, mas ela continuou dizendo ‘faz tempo que você não posta nada’. Gente ela vê, mesmo! Muito interessante, mas confesso que fiquei passada. O reconhecimento diário foi muito engraçado. Achei interessante demais”, comenta.

Portugal também é conhecida por uma gastronomia ímpar e, quando questionada sobre qual foi seu programa predileto no país, Luciana não tem dúvidas na resposta: comer.  

“Eu comi superbem. Nossa, eu vou falar que comi muito bem, mesmo. Fui a um restaurante famoso chamado JNcQUOI e adorei, que fica na Avenida Liberdade. Também conheci a outra versão com comidas orientais que eles têm e os pratos estavam excelentes.”

O hotel The One Palácio da Anunciada, situado na freguesia de São José, em Lisboa, foi um edifício fundado em 1533 por Fernão Alves de Andrade, benfeitor do mosteiro de Nossa Senhora da Anunciada, de freiras dominicanas, e que ganhou este nome por conta de seu passado religioso. Este local foi a pousada de Luciana e Renato por uma noite e, claro, ela ficou impressionada com a preservação da hospedagem.

“É um palácio incrível, todo reformado por dentro. Muito bonito. Eles reformaram e mantiveram a característica antiga do palácio. É um hotel cinco estrelas e a Dualipa chegou a se hospedar lá quando foi a Portugal. Eu super-recomendo! O gerente do hotel, um cara muito talentoso, nos recepcionou e mostrou tudo, com muito cuidado, nos levou à piscina que é muito gostosa”, detalha.

Vinhos e vinhedos

A Região do Douro fica no norte de Portugal e é uma das mais conhecidas quando o assunto são os vinhos portugueses. É nesta região que ficam grande parte dos vinhedos, banhado pelo Rio Douro, acompanhado por muitas caves de vinho, históricas fortalezas, casas medievais de pedra e terrenos de vinha localizados em inclinados territórios.

Leia Também:  Mãe viaja pelo mundo com cinco filhos e compartilha dicas

A família de Renato Breia mora por lá e produz os vinhos Monte São Sebastião na freguesia de Murça, a 425 km de Lisboa. Luciana partiu para essa região a fim de visitar a família do namorado e conhecer um pouco mais sobre a produção da bebida milenar. Pela primeira vez na vida, ela viu de perto como é uma plantação de uvas e diz que não esperava que tudo fosse tão bonito.

“Eles têm negócios de vinhos por lá e é tão bonito. A gente viu de perto esse negócio das uvas, algo bem especial. Eu fiquei chocada como uma uva é redondinha quando está crescendo. Eu não tinha noção que elas cresciam assim, subindo pelas armações. É tudo uma coisa muito técnica, bem milenar.”

A apresentadora não costuma beber muita bebida alcóolica, mas não deixou de saborear os melhores rótulos oferecidos pela família de Renato. “O Douro foi maravilhoso. Nós ficamos na casa da família dele, que era bem estilo europeu, no meio das vinhas. Eu bebo moderadamente, mas não deixei de visitar os lugares de produção de vinho, que foi algo muito incrível. Você aprende tudo sobre vinho, o que tornou a viagem bem interessante”, descreve.

Apesar de não ter conseguido aproveitar muito, Luciana garante que quer voltar a Portugal para conhecer outros lugares que ficaram somente na imaginação. Ela salienta que a queda do euro e o baixo custo de vida do país também a incentivam para comprar passagens para ficar um pouco mais de tempo por lá.

“Eu queria muito ir para a região das praias e já estou até vendo isso. Achei que Portugal ainda está, perto do resto da Europa, mais em conta. Quando saí de lá, fui para Londres aí quase morri [com os preços], mas Londres é quase outro mundo. Eu achei que Portugal ainda está acessível em relação a custo-benefício. Eu adoraria voltar para lá, gostei muito. Uma experiência muito feliz”, finaliza.

Acompanhe o  iG Turismo também pelo Instagram e receba dicas de roteiros e curiosidades sobre destinos nacionais e internacionais. Siga também o perfil geral do Portal iG no Telegram .

Fonte: IG Turismo

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Turismo

Praias artificiais entregam atmosfera litorânea ao redor do mundo

Publicados

em

Praia do Cerrado – Brasil
Divulgação

Praia do Cerrado – Brasil

As praias artificiais nascem com o objetivo de imitarem as praias litorâneas, pois o ambiente proporciona a sensação de estar em uma praia natural. As praias são elaboradas visando refrescar e entreter as pessoas e é pensada para ser uma forma de suprir a falta desses locais em áreas litorâneas. Por isso, elas possuem areia, ondas e até palmeiras.

As ondas artificiais são programadas e aparecem entre intervalos de poucos minutos, pois as estruturas possuem um gerador de ondas que usam o ar para produzir ondulações na água, criando uma atmosfera praiana mais realista. Já para trazer ondas maiores, o maquinário usa o vento para empurrar as moléculas da água, criando uma onda em determinado ponto que se expande de maneira gradual para toda a piscina.

Conheça uma seleção de praias artificiais ao redor do mundo que o iG Turismo  selecionou: 

Praia do Cerrado – Brasil

Praia do Cerrado – Brasil
Divulgação

Praia do Cerrado – Brasil

A Praia do Cerrado é uma das maiores praias artificias do Brasil. Ela fica localizada na cidade de Rio Quente, em Goiás, dentro do parque aquático Hot Park, que fica no Rio Quente Resorts. Sua área é formada de 25 mil m² e pode receber cerca de 9 mil pessoas.

O espaço recebe areia branca, ondas artificiais e águas quentes e cristalinas e as ondas na Praia do Cerrado chegam a 1,20 m de altura. O espaço ao redor ainda conta com locais para apresentações musicais e quadras de esporte.

A praia é tão grande que foi dividida em três praias diferentes. A Praia da Marina é ideal para crianças, com águas rasas e ondas que não ultrapassam 50 cm. A Praia do Bikini é a mais agitada, indicada para quem quer muita animação e alto-astral. A Praia dos Sonhos é a escolha certa para quem prefere um lugar mais reservado e tranquilo, pois ela conta com lounge, sofás, restaurante e um deck para apreciar a vista do lugar.

Leia Também:  Conheça 27 parques nacionais, um por estado do Brasil, para visitar

Praia do Resort de Sun City – África do Sul

Praia do Resort de Sun City – África do Sul
Divulgação

Praia do Resort de Sun City – África do Sul

O Resort Sun City fica na província de North-West, localizada a 190 km de Joanesburgo, e é um é grande complexo que conta com hotéis, centros para a prática de vários tipos de esporte, safári e, dentre outras atrações, uma praia artificial de 6.500 m de extensão. As suas ondas têm mais de 1,5 m de altura e a piscina é cercada por uma vegetação e quiosques supercharmosos.

Paris Plage – França

Paris Plage – França
Reprodução/Wikimedia Commons

Paris Plage – França

Na Paris Plage, a praia da capital francesa, durante alguns períodos do ano, uma parte da via Georges Pompidou nas margens do rio Sena, tem o trânsito fechado e recebem toneladas de areia, espreguiçadeiras, quiosques e chuveiros são instalados para que as pessoas possam se bronzear e se refrescar. Isso porque, a prefeitura de Paris organiza uma estrutura para transformar alguns pontos de Paris numa verdadeira praia.

Praia do edifício New Century Global Center – China

Praia do edifício New Century Global Center – China
Reprodução/Facebook

Praia do edifício New Century Global Center – China

O New Century Global Center é um edifício multiuso com mais de 1,7 milhão de m², em meio a lojas, escritórios, hotéis, shopping centers, escritórios, restaurantes, 14 cinemas IMAX, escolas e templo religioso. Por lá há uma praia com capacidade para mais de 6 mil banhistas.

Praia de Larvotto – Mônaco

Praia de Larvotto – Mônaco
Reprodução/TripAdvisor

Praia de Larvotto – Mônaco

A praia foi artificialmente construída de frente para o Mar Mediterrâneo. O espaço conta com areia branca e oferece ambiente agradável para nadar ou praticar qualquer esporte náutico. O projeto considerou a sua localização, próxima de restaurantes, cafés e bares da região, para atrair mais turistas.

Leia Também:  Universal Parks: Complexo atrai apaixonados por cinema e aventura

Tropical Islands – Alemanha

Tropical Islands – Alemanha
Reprodução/TripAdvisor

Tropical Islands – Alemanha

O Tropical Islands Resort, fica na cidade de Krausnick, na Alemanha.  O complexo de lazer alemão tem 66 mil m² e o ambiente tem um toboágua, mais de 400 espreguiçadeiras, uma megapiscina e mais de 50 mil plantas. Os banhistas têm 200 m de praia.

Outro lugar que merece destaque é a maior piscina do mundo que está localizada no Chile, e o maior complexo de praia artificial que já existiu no Japão, mas foi demolido em 2007.

Seagaia Ocean Dome – Japão

Seagaia Ocean Dome – Japão
Reprodução/Wikimedia Commons

Seagaia Ocean Dome – Japão

A Seagaia Ocean Dome, situada em Miyazaki no Jappão, foi a maior praia artificial do mundo, pois tinha 100 m de largura e 300 m de comprimento e reunia mais de 10 mil pessoas.

O espaço contava com um teto retrátil que podia ser aberto ou fechado de acordo com o clima do dia, além disso, possuía ondas de até 2 m, areia (feita a partir de mármore triturado), palmeiras artificiais e um sistema de aquecimento de água e temperatura do ambiente.

Além disso, tinha vários tipos de estabelecimentos comerciais dentro do Ocean Dome e até um vulcão artificial, que a cada 15 minutos se tornava ativo.

San Alfonso del Mar – Chile

San Alfonso del Mar - Chile
Reprodução/TripAdvisor

San Alfonso del Mar – Chile

A maior piscina do mundo, com mais de 1 km de extensão e 250 milhões de litros de água salgada, fica no Chile na cidade de Algarrobo, a pouco mais de 107 km de Santiago. A maior piscina do mundo mede 1.013 m de comprimento e 33 m de profundidade. Sua água é salgada, retirada e filtrada diretamente do mar, que está logo em frente, na praia.

Ela está localizada no condomínio San Alfonso del Mar e por isso só pode ser usada por quem está hospedado lá. A piscina até já foi mencionada no Guiness Book (livro dos recordes).

Acompanhe o  iG Turismo também pelo Instagram e receba dicas de roteiros e curiosidades sobre destinos nacionais e internacionais. Siga também o  perfil geral do Portal iG no Telegram.

Fonte: IG Turismo

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA