Carros e Motos

Kawasaki Vulcan deve ganhar motor da esportiva Ninja, diz revista japonesa

Publicados

em


source
Kawasaki Vulcan
Divulgação

Kawasaki Vulcan é, hoje, uma das cruisers mais em conta, por R$ 33.990 na versão S Café

A Kawasaki Vulcan é uma das poucas opções do segmento custom no Brasil, fora do universo Harley-Davidson. Entretanto, o modelo é oferecido apenas com um motor bicilíndrico de 649 cc, que para a categoria, fica um pouco para trás. Só que, agora, o modelo deve ganhar o novo motor das Ninja 1000, para ficar parelha com as Triumph Rocket 3 R (167 cv) e a Ducati Diavel S (152 cv), segundo apurou a revista japonesa Young Machine.

LEIA MAIS: Prestes a vir ao Brasil, Triumph Rocket 3 acelera tanto quanto um F1 em vídeo

Um dos segredos da elasticidade desse motor é a adoção de compressor mecânico, fazendo com o que o quatro cilindros em linha de 998 cc consiga ter variadas entregas de potência e torque, dependendo da aplicação. Em uma estradeira, por exemplo, é preferível torque em baixas rotações do que pico de potência. Logo, mesmo que nas carenadas esportivas ele chega a desenvolver 243 cv na mais agressiva Ninja H2, cerca de 180 cv já seriam o suficiente para colocar esta nova Kawasaki Vulcan  ‘H2’ dentro do nicho de mercado das Power Cruisers .

Leia Também:  Nissan Frontier Attack estreia novas opções de cores

LEIA MAIS: Motos para viajar: Veja seleção de 5 estradeiras entre R$ 20 mil e R$ 40 mil

Ainda nada se fala sobre outras mudanças

Kawasaki
Divulgação

Suas linhas fluidas conferem aspecto retrô, que remetem às Café Racers dos anos 60

Com aspecto elegante e ao mesmo tempo agressivo, desde 2018 traz um indicador de marchas, além do conta-giros analógico e display em LCD com velocímetro digital, indicador de combustível, relógio e hodômetro. Ela se move com o motor bicilíndrico paralelo de 649 cc com 61 cv e 6,4 kgfm, e além da caixa de 6 marchas com transmissão por corrente, traz o catalisador mais recente da marca, que atende aos requisitos do PROMOT 4 — regulamentação que define os níveis máximos de emissão de gases. É justamente isso que a coloca apenas como uma opção de custo-benefício, e não de grande rival das chamadas Power Cruisers.

LEIA MAIS: Entre no espírito custom com a Kawasaki Vulcan S, de estilo retrô

Para garantir a segurança, a Kawasaki Vulcan conta com suspensão dianteira com garfos telescópicos e traseira com monochoque lateral. Quanto aos freios, além de ABS, reduz a velocidade com disco de 300 mm, que traz pinça de pistão duplo no freio dianteiro e disco de 250 mm com pinça de pistão único na roda traseira. É claro que, com uma nova motorização mais potente, como a que foi apurada pelos japoneses, essas especificações deverão ser completamente revistas na moto cruiser .

Leia Também:  VW registra nome e-Samba, que pode ser para nova Kombi
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

Porto Seguro cria postos de recarga gratuita para carros elétricos em SP

Publicados

em


source
Recarga
Divulgação

Postos de recarga ficam espalhados por todas as regiões de SP. Inicialmente são 16 pontos, mas irão expandir para mais

A recarga de carros elétricos é fundamental para que ele venha a fazer mais sentido do que os modelos a combustão, para os que vêem dessa forma. E, cada vez mais, o serviço vai se disseminando pelo país. Agora, eis que os elétricos e híbridos plug-in contam com mais uma opção em São Paulo. A Porto Seguro passa a oferecer, a partir deste mês, pontos de recarga de forma gratuita mesmo para quem não for cliente.

LEIA MAIS: Carregamento sem fio deve ser o futuro dos carros elétricos

A recarga de carros elétricos e híbridos plug-in poderá ser feita inicialmente em 16 centros automotivos da Porto Seguro na capital e Grande São Paulo, bem como nos próximos dias em mais 14 centros localizados em outros municípios do Estado.

LEIA MAIS: BMW aposta no futuro com os carros elétricos IX3, I4, iNEXT e M5

Leia Também:  Haojue DR 160 encosta nos R$ 15 mil depois de novo aumento de preços

As estações de carregamento utilizam tomadas do tipo T2, compatível com mais de 90% dos veículos eletrificados que circulam pelo País. A recarga poderá ser feita durante o horário normal de funcionamento dos centros automotivos, ou seja, de segunda a sexta-feira das 8 às 18 horas e aos sábados da 8 às 12h.

LEIA MAIS: Startup cria primeiro veículo 100% elétrico a ser fabricado em série no Brasil

“Na Porto Seguro acompanhamos o desejo das pessoas e das cidades em adotarem práticas mais humanizadas e sustentáveis, como já fazemos com a iniciativa do Trânsito+gentil. Alinhado à nossa cultura e valores, lançamos esse projeto para carregamento de carros elétricos e híbridos”, comenta Marcelo Sebastião, diretor Porto Socorro e Centros Automotivos. Veja os endereços dos pontos de recarga a seguir:

  • Rua Doutor Penaforte Mendes, 74 – Bela Vista – São Paulo
  • Avenida General Edgar Facó, 783 – Vila Olga Cecília – São Paulo
  • Jardins
  • Avenida Brigadeiro Luiz Antônio, 3.383 – Jardim Paulistano – São Paulo
  • Rua Guaipá, 1.380 – Vila Leopoldina – São Paulo
  • Rua dos Trilhos, 1.380 – Mooca – São Paulo
  • Avenida Corifeu de Azevedo Marques, 5.118 – Jaguaré – São Paulo
  • Avenida Pacaembu, 35 – Pacaembu – São Paulo
  • Avenida Elísio Cordeiro de Siqueira, 369 – Parque São Domingos – São Paulo
  • Rua Deputado Lacerda Franco, 410 – Pinheiros – São Paulo
  • Avenida Nova Cantareira, 764 – Santana – São Paulo
  • Alameda Santo Amaro, 664 – Socorro – São Paulo
  • Rua do Oratório, 64 – Bangu – Santo André
  • Rua Eugênio Falk, 404 – Saúde – São Paulo
  • Rua Tijuco Preto, 434 – Tatuapé – São Paulo
  • Avenida Lins de Vasconcelos, 2.474 – Vila Mariana – São Paulo
  • Rua Domingos Afonso, 889 – Vila Prudente – São Paulo
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA