Saúde

Justiça suspende atendimento presencial do INSS no Amazonas

Publicados

em


A Justiça Federal ordenou a suspensão do atendimento presencial em todas as agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) do Amazonas, ao menos durante as medidas mais rígidas de isolamento social impostas pelo governo estadual para reduzir as taxas de contaminação pelo novo coronavírus no estado.

A juíza Maria Cândida Carvalho Monteiro, da 3ª Vara Federal Cível do Distrito Federal, atendeu a pedido da Associação Nacional dos Médicos Peritos da Previdência Social. Ela estabeleceu multa de R$ 10 mil por dia em caso de descumprimento.

Na decisão, a magistrada afirmou que a decisão foi necessária, pois o decreto estadual que restringiu a circulação de pessoas poderia dar margem para que as perícias presenciais previamente marcadas no INSS continuassem. De acordo com ela, isso implicaria “a exacerbação do risco de contaminação pelo coronavírus SARS-CoV-2 dos peritos médicos federais, dos periciados e de suas respectivas famílias, com as consequentes repercussões sobre o sistema público de saúde”.

A juíza reconheceu o prejuízo de quem precisa realizar uma perícia para manter o benefício do auxílio doença, mas sustentou que no atual momento é preciso fazer “escolhas trágicas”, em que “há de se reconhecer uma maior emergência na não propagação do referido vírus a fim de se preservar justamente a vida e a saúde do cidadão desemparado pela Previdência Social”.

Leia Também:  Em 24 horas, país registra 721 mortes e 34 mil novos casos de covid-19

Pela decisão, a suspensão do atendimento presencial nas agências do INSS do Amazonas dura enquanto vigorarem as medidas de quarentena previstas no decreto estadual 43.303/2021.

O decreto começou a valer a partir desta segunda-feira (25). Entre as novas medidas está a ampliação para 24 horas do período de restrição de circulação de pessoas no estado durante o período de sete dias.

Edição: Maria Claudia

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Rio vacina idosos a partir de 79 anos até quarta-feira

Publicados

em


A cidade do Rio de Janeiro vacinará pessoas com 79 anos ou mais entre hoje (1º) e quarta-feira (3) contra a covid-19. Nesta segunda-feira, os postos de saúde e clínicas da família funcionarão do meio-dia às 17h. Na terça-feira (2) e quarta-feira, o horário será das 8h às 17h. A primeira dose também será aplicada no Planetário da Gávea; no Museu da República, no Catete; no Tijuca Tênis Clube e na Igreja Nossa Senhora do Rosário, no Leme.

Também poderão se vacinar, na terça-feira e quarta-feira, das 13h às 17h, os profissionais de saúde com mais de 60 anos que ainda não tenham recebido a primeira dose.

Segundo a prefeitura, o município do Rio de Janeiro encerrou o mês de fevereiro com todas as faixas de idade acima dos 80 anos vacinadas com pelo menos uma dose da CoronaVac ou da Oxford/AstraZeneca. O prazo para a segunda dose depende de qual das duas vacinas foi utilizada.

Para saber quando retornar ao posto de vacinação para tomar a segunda dose, a pessoa precisa conferir a data anotada a lápis em sua caderneta ou comprovante de vacinação.

Leia Também:  Rio vacina idosos a partir de 79 anos até quarta-feira

Até a sexta-feira (26), mais de 300 mil pessoas haviam tomado a primeira dose da vacina contra o coronavírus na capital fluminense, e 80 mil já receberam também a segunda dose, entre eles profissionais de saúde da linha de frente do atendimento a pacientes com a covid-19.

Distribuição

Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro distribui, nesta segunda-feira, 22,57 mil doses da vacina CoronaVac para 83 municípios. A operação contou com um helicóptero da Polícia Militar e dois do Gabinete Civil do governo do estado. O imunizante faz parte do lote enviado pelo Ministério da Saúde ao estado no dia 24.

As cidades do Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo e Maricá fizeram a retirada das doses  na quinta-feira (25), na Coordenação Geral de Armazenagem, em Niterói. Já Paraíba do Sul, Sapucaia, Comandante Levy Gasparian, Três Rio e Areal receberam a vacina na sexta-feira  (26) por via terrestre.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA