Negócios

Investimento em crédito para a agricultura feito pelo Bandes cresce 94% em relação a 2011

Publicados

em

Por | 17.05.2012

   

No primeiro quadrimestre deste ano, por meio do Programa Nacional da Agricultura Familiar (Pronaf), o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) liberou cerca de R$ 82,4 milhões, em mais de 1.700 contratos para pequenos proprietários rurais. Um crescimento de 94% em relação ao mesmo período de 2011. Micro e pequenas empresas também tiveram resultados positivos. Dos 2.104 contratos de financiamento, 99,6% das aprovações correspondem aos empreendimentos no interior do Espírito Santo.

 

 

A maior parte dos clientes do Bandes é do interior do Estado. De acordo com o diretor-presidente Guerino Balestrassi, o acesso ao crédito fora da Região Metropolitana da Grande Vitória é prioritário para o banco. “O Bandes se modernizou e se preparou para atender à demanda do Governo do Estado. Entre as premissas mais importantes está a inclusão produtiva e social, que vem sendo feita por meio do apoio ao empreendedor e agricultor familiar”, explica.

 

 

O diretor de Crédito e Fomento do Bandes, Everaldo Colodetti, também fala da grande representatividade que o banco vem alcançando junto aos clientes para o êxito dos resultados. “O Bandes trabalha projetos multiplicadores. O trabalho com os agricultores de economia familiar tem sido constante, como comprovam os números. É apenas uma contribuição da instituição para os produtores investirem em suas lavouras, agregando mais valor aos produtos e consequentemente gerando mais renda”, afirma.

Leia Também:  Veículos automotores e outros equipamentos de transporte puxaram crescimento da indústria

 

 

O valor de investimento total aprovado pelo Bandes até abril deste ano superou em mais de R$ 46 milhões o do mesmo período de 2011. No que diz respeito ao número total de liberações neste primeiro quadrimestre do ano, o banco teve um rendimento de 28,74% se comparado com o mesmo período do ano anterior.

 

 

Ainda segundo Everaldo Colodetti, os desafios do banco também continuam firmes com o programa de microcrédito do Governo do Estado, o Nossocrédito. “Temos também aprimorado em conjunto com os consultores e agentes de crédito a atuação do Bandes para com os pequenos empreendedores. Nosso objetivo nesse contexto é dar forças aos micro e pequenos empreendimentos, que futuramente vão movimentar a economia capixaba”, completa.

 

 

Somente nesses quatro meses do ano de 2012 o Nossocrédito obteve 4.654 operações que representam mais de R$ 26 milhões em financiamentos e propiciou a manutenção de 6.292 empregos e a geração de mais 850.

 

 

Leia Também:  Espírito Santo prevê safra histórica de café em 2012

 

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Negócios

Economia forte faz Ford lançar no Brasil primeiro carro global

Publicados

em

Por

Por | 05.01.2012

 

BRASÍLIA – AGÊNCIA CONGRESSO – O ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, falou da força da economia brasileira durante o lançamento do novo Ford EcoSport, o primeiro carro da Ford produzido no Brasil, que será exportado para mais de 100 países.

“Esse é um momento especial, vivemos um momento de crise mundial e ao mesmo tempo os investimentos no Brasil crescem. Isso mostra a força do nosso país que hoje é fundamental para a sustentação da economia global”, disse Mercadante, que representou a presidenta Dilma no evento.

 

Criado em Camaçari, na Bahia, o EcoSport de nova geração faz hoje sua pré-estreia mundial também na capital da Índia. Os eventos em Brasília e Nova Déli simbolizam a popularidade que a Ford espera alcançar nos grandes mercados emergentes globais e também o crescente papel que a área de desenvolvimento do produto da América do Sul.

Os investimentos do novo Ecosport fazem parte de um total de R$ 2,8 bilhões que a companhia pretende investir no Nordeste, até 2015

“O lançamento no Brasil e na Índia, dois países da BRICS, mostra a nossa força e importância na economia mundial. Em um momento de crise global continuamos crescendo e vamos investir cada vez mais em pesquisa, engenharia, crédito e incentivo fiscal”, acrescentou o ministro.

O governador da Bahia, Jaques Wagner, também participou do lançamento e falou da importância do investimento para a economia da país e do seu estado.

“O Brasil começou na Bahia e o primeiro carro global da Ford também foi criado lá. A criatividade do nosso povo está nesse projeto que foi liderado por mais de mil engenheiros brasileiros na Bahia. É um orgulho ter um carro vendido em todo mundo com o carimbo do Brasil”, disse o governador.

Leia Também:  Produção industrial encerra 2011 com crescimento de 0,3%

Com mais de 700.000 unidades produzidas desde o lançamento em 2003, o EcoSport é um caso de sucesso da indústria automobilística latino-americana. Desde então, tem sido o modelo mais vendido da categoria na região. O Centro de Desenvolvimento do Produto da Ford América do Sul fica localizado no Complexo Industrial Ford Nordeste, em Camaçari, na Bahia. Único do gênero na região, ele conta com mais de 1.200 engenheiros e designers que utilizam o estado da arte da tecnologia, incluindo avançadas ferramentas de design e engenharia baseadas em computação (CAD/CAE), para o desenvolvimento de veículos.


Ele é um dos oito centros de excelência da Ford no mundo e opera conectado em tempo real com outros centros nos Estados Unidos, Europa e Ásia.O complexo foi inaugurado em 2001 e trabalha junto com o Campo de Provas de Tatuí, em São Paulo, onde os novos veículos são testados e certificados. Ele é um dos dois únicos campos de provas existentes na América do Sul e um dos mais modernos do mundo.

Leia Também:  Nossocrédito Cachoeiro: R$ 2,5 milhões financiados e novo recorde

 

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA