Tecnologia

Instagram: oito ideias de destaques para o seu perfil comercial bombar

Publicados

em

source
Veja dicas para ter sucesso no Instagram
Unsplash/Kate Torline

Veja dicas para ter sucesso no Instagram

Se você usa o Instagram de forma profissional, já deve saber que a rede social tem diversos recursos para serem explorados. Um deles é o destaque de Stories, que aparece no topo do perfil.

A produtora de conteúdo, especialista em mídias sociais e fundadora da Like Marketing, Rejane Toigo, afirma que fica mais fácil obter sucesso no Instagram quando se tira o melhor proveito de todos os recursos, inclusive os destaques. “Se essa ferramenta for utilizada de forma estratégica, as chances de um perfil captar e reter um cliente, assim como de realizar uma venda, aumentam bastante”, afirma.

Segundo Rejane, o objetivo dos destaques é oferecer aos usuários as informações necessárias sobre a empresa ou profissional detentor daquele perfil comercial, a fim de que eles tenham a atenção capturada, aumentando assim as possibilidades da compra de um produto ou da contratação de um serviço.

Os temas que podem ser abordados nos destaques são os mais variados. A seguir, confira oito sugestões da especialista:

Oito ideias de destaques para bombar no Instagram

  1. Sobre o profissional/empresa: “Nele, deve estar o que a empresa faz e como faz, também o posicionamento da marca e do profissional e seu diferencial”, aconselha Rejane;
  2. Sobre o produto e serviço: Nesse destaque, é interessante colocar os produtos e serviços que podem ser comprados pelos clientes a serem captados;
  3. Informações de contato e instruções de compra: Aqui, deve aparecer a melhor forma de contatar a empresa ou profissional e quais são as maneiras de realizar as compras, sempre explicando com detalhes;
  4. Endereço e horários de funcionamento: Se a empresa for física, é interessante ter um destaque exclusivo com essas informações;
  5. Feedback dos clientes: “Pode ser um depoimento em formato de vídeo ou o compartilhamento de um Story em que o cliente te marcou, tanto faz, esse tema é imprescindível porque faz as pessoas confiarem mais no produto e na empresa”, afirma Rejane;
  6. Outros canais digitais: Neste destaque, coloque links para blogs, Linkedin, TikTok ou Youtube, por exemplo;
  7. Conteúdo relevante sobre o nicho de atuação: “Identifique as principais dúvidas das pessoas a respeito da sua área de atuação e monte um destaque apenas com as respostas destes questionamentos”, orienta Rejane;
  8. Dúvidas frequentes: Aqui, deve aparecer uma compilação de todos os outros temas abordados anteriormente. “Para facilitar a comunicação e tornar mais rápido o processo que pode levar a uma venda, o dono do perfil pode compartilhar esse destaque pelo Direct assim que surgir uma dúvida por parte do futuro cliente”, diz a especialista.
Leia Também:  4 apps para dividir contas e despesas com seus amigos

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tecnologia

Ministério da Justiça abre processo contra o TikTok; entenda

Publicados

em

TikTok será investigado pelo Ministério da Justiça
Unsplash/Kon Karampelas

TikTok será investigado pelo Ministério da Justiça

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), vinculada ao Ministério da Justiça, instaurou processo administrativo contra o TikTok para apurar se o aplicativo protege seus usuários em relação a conteúdos nocivos. O processo foi publicado nesta segunda-feira (4) no Diário Oficial da União (DOU).

No fim de junho, a Senacon já havia obrigado o TikTok a remover conteúdo impróprio para menores de 18 anos  da plataforma. Na ocasião, o órgão alegou que a medida seria necessária até que “o sistema de segurança da plataforma, que impede o cadastro de menores de 13 anos de idade e limita o acesso a todo o conteúdo por menores de 16 anos, seja aperfeiçoado, de modo que a idade dos usuários seja verificada de maneira eficaz pela representada”.

Agora, a ByteDance, empresa dona do TikTok, será investigada para verificar se suas ações infringem o Código de Defesa do Consumidor (CDC). No despacho, Laura Postal Tirelli, Diretora do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor da Senacon, afirma que há alguns “indícios de infração” do CDC por parte do TikTok.

Leia Também:  Galaxy A73 5G com câmera de 108 MP e Android 12 chega ao Brasil

Ela cita, por exemplo, trechos do Código que exigem “a proteção contra a publicidade enganosa e abusiva” e “a proteção da vida, saúde e segurança contra os riscos provocados por práticas no fornecimento de produtos e serviços considerados perigosos ou nocivos”.

Além disso, ela ressalta que o CDC exige que as empresas reconheçam “vulnerabilidade do consumidor no mercado de consumo” e não se beneficiem “da fraqueza ou ignorância do consumidor, tendo em vista sua idade, saúde, conhecimento ou condição social”, trechos que estão relacionados com a infância.

De acordo com o despacho publicado no DOU nesta segunda, a Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e a Agência Nacional de Proteção de Dados serão comunicadas sobre o processo.

Leia Também:  5G: Doze capitais já estão aptas a receber novas redes

A reportagem entrou em contato com o TikTok, mas não obteve retorno até a publicação desta matéria.

Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA