Tecnologia

HBO Max e Discovery+ vão se tornar uma única plataforma de streaming

Publicado em

HBO Max será fundido ao Discovery+
Reprodução

HBO Max será fundido ao Discovery+

Nesta quinta-feira (4), a Warner Bros. Discovery bateu o martelo e confirmou que suas plataformas de streaming HBO Max e Discovery+ serão unificadas. Ainda sem nome e valor definido, o novo serviço será lançado nos países da América Latina, incluindo o Brasil, entre setembro e dezembro de 2023.

A notícia, revelada na teleconferência que apresentou os resultados financeiros do segundo trimestre da empresa, vinha sendo especulada já algum tempo, desde quando a Discovery comprou a WarnerMedia (antiga AT&T) em abril deste ano. Na época, a fusão movimentou US$ 43 bilhões e chamou atenção do mercado por originar uma verdadeira gigante do mercado de entretenimento.

Chefiada por David Zaslav (ex-NBC), a agora Warner Bros. Discovery anunciou que, entre junho e setembro de 2023, já terá a sua nova plataforma funcionando nos EUA. E que em 2024, após a vinda para a América Latina, será a vez dos mercados da Europa e da Ásia receberem a novidade.

O serviço, que fundirá a HBO Max e o Discovery+, pretende mesclar o que há de melhor em cada um dos streamings, somando seus pontos fortes de conteúdo e tecnologia. Além disso, a previsão é de que até 2025, a nova plataforma já conte com 130 milhões de assinantes globais. Número esse que, atualmente, em comparação à soma dos assinantes da HBO Max e Discovery+, é de 92,1 milhões.

Leia Também:  PS Plus de março tem Ghostrunner, Sonic e mais jogos grátis; veja

Empresa enfrenta cancelamentos e mudanças

No último dia 02, a empresa surpreendeu o público ao anunciar que Batgirl, futuro filme da empresa estrelado por Leslie Grace e que já estava em fase de pós-produção, seria cancelado. O longa-metragem era uma produção bastante aguardada pelos fãs da DC, especialmente por trazer o ator Michael Keaton, reprisando o seu papel de homem-morcego.

Com um orçamento de US$ 90 milhões, o título foi cancelado sem grandes explicações, e sem chance de, mesmo não indo para as telonas, desembarcar diretamente na HBO Max.

Pouco depois, usuários do Reddit descobriram que seis longa-metragens, feitos especialmente para a HBO Max, foram retirados da plataforma discretamente pela empresa.

O fato ganhou ainda mais repercussão depois que a IndieWire revelou que os títulos seriam apenas os primeiros de uma longa lista de exclusões e que as medidas, além de estarem relacionadas a decisões econômicas da empresa, refletiam o novo posicionamento mais cauteloso de David Zaslav em relação aos lançamentos da plataforma.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tecnologia

Google Meet terá compartilhamento de Spotify e YouTube durante chamada

Published

on

Google Meet ganhará novos recursos
Tecnoblog

Google Meet ganhará novos recursos

O Google Meet ganhou muito destaque nos últimos anos, e vai receber alguns recursos extras para deixar suas reuniões mais legais. Com um novo recurso de compartilhamento ao vivo, dá para ouvir músicas no Spotify, ver vídeos no YouTube ou jogar com outros participantes da chamada. É bem parecido com o SharePlay, da Apple.

O recurso faz parte da fusão do Meet com o Duo, o app de videochamadas do Google (que não tem a mesma fama do irmão profissional).

Esse é um processo bem confuso, aliás: o app do Duo vai virar Meet e ganhar os recursos dele, enquanto o Meet vai ser renomeado para Meet Original e posteriormente descontinuado.

Jogos e streaming no Google Meet

Bagunça à parte, alguns novos recursos foram acrescentados. Um deles é este recurso de compartilhamento ao vivo. Ele ainda está em fase beta.

Durante uma chamada, basta tocar nos três pontos, escolher “Atividades” e selecionar uma das opções. Dá para iniciar uma sessão em grupo no Spotify, por exemplo, jogar Uno! Mobile ou Kahoot!, entre outras possibilidades.

Leia Também:  Golpistas usam deepfake em entrevistas de emprego, diz FBI

SharePlay da Apple funciona com produtos diferentes

Compartilhar conteúdo de streaming em uma chamada não é inédito. É isso que o SharePlay da Apple faz.

Ele permite usar o FaceTime para compartilhar conteúdos de apps de streaming. Dentre as opções, estão a Apple TV+, o Disney+ e o HBO Max.

Spotify e YouTube não estão nessa lista, o que conta como um diferencial para o serviço do Google Meet.

O compartilhamento ao vivo teria sido bem interessante durante a fase mais crítica da pandemia de Covid-19, quando regras restritas de circulação estavam em vigor.

Mesmo assim, pode ser útil para empresas que adotaram o trabalho remoto ou para quem tem amigos espalhados pelo país ou pelo mundo.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA