Política

Hartung alerta eleitos para que reavaliem promessas

Publicado em

Por | 00.00.

Foto: Soraia Chiabai

ADI-ES

 

Rever alguns projetos previstos nos planos de governo apresentados durante a campanha eleitoral reavaliando as promessas em função das dificuldades financeiras que terão que enfrentar é a sugestão do governador do Estado, Paulo Hartung, para os prefeitos eleitos no último domingo (02) e que vão tomar posse em janeiro de 2017.

 

Nesta terça-feira (04) Hartung, às 15h00, se reúne, em seu gabinete, com os mais jovens prefeitos do Espírito Santo, com idade até 40 anos, eleitos para o primeiro mandato. Pretende alertar sobre o quadro desafiador que vão encontrar, com despesas em alta e receitas em queda. O governador pretende assegurar a todos um tratamento igualitário por parte da administração estadual.

 

Uma das principais sugestões aos prefeitos é a criação de equipe técnica para avaliar os orçamentos municipais para 2017, que serão enviados para as câmaras municipais, e o Orçamento do Estado, que já está na Assembleia Legislativa.

 

“É fundamental que os prefeitos eleitos tomem posse consciente do quadro que estamos vivendo neste País. É um quadro desafiador. É importante que se olhe os orçamentos do próximo ano e faça uma reavaliação da estimativa de receita para que se possa tocar as prefeituras”, disse o governador.

Leia Também:  Juiz manda Incaper afastar ex-secretário de Transportes de Presidente Kennedy

 

Participam da reunião os prefeitos eleitos de Cachoeiro, Victor Coelho (PSB), 40 anos, e de Anchieta, Barra de São Francisco, Ibatiba, Rio Novo do Sul e Pedro Canário.

 

“Estou satisfeito”, diz governador sobre eleição

 

Em entrevista coletiva, realizada ontem, no Palácio Anchieta, o governador Paulo Hartung avaliou como positivo o pleito eleitoral e se disse satisfeito com a postura isenta adotada por ele durante a campanha.

 

“É uma evolução da minha atitude diante do processo eleitoral. Acho que na vida a gente vai amadurecendo e estou satisfeito com esta maneira com que o governo conviveu no primeiro turno e vamos repetir no segundo turno”, disse o governador.

 

Hartung ressaltou que teve participação mínima no processo eleitoral. Segundo ele, no início, não influenciou ou interferiu, liberando todos os políticos que foram buscar seu apoio e queriam se candidatar para tocarem seus projetos pessoais. E durante, liberou sua equipe para participar, mantendo-se preservado.

 

“Temos uma equipe heterogênea, com pensamentos políticos diferentes e todos foram liberados para apoiar quem quisessem. Demos um passo importante preservando o trabalho do governo”, disse Hartung.

Leia Também:  Projeto permite parcelar taxas de habilitação

 

Durante o período da campanha, o mandatário esteve por 20 dias em viagem ao exterior e também viajou pelo Brasil fazendo palestras. “A gente cumpriu um caminho razoável, primeiro de deixar o jogo ser montado e depois de respeitar o desenvolvimento eleitoral. Terminamos ontem (domingo) quase invicto em termos de não envolvimento do governador no processo”, disse ele.

 

Frieza

 

Para o governador, as eleições deste ano registraram população afastada do processo. Ele atribui este comportamento a um sistema político desatualizado. “Foi uma eleição gelada, marcada pelo distanciamento do eleitor, que está deixando de votar. É uma coisa preocupante para o político brasileiro. Meu diagnóstico é que este sistema político está muito longe da população. Precisamos mudar isto”, disse Hartung que avalia este comportamento como um recado dos eleitores para os políticos brasileiros.

 

 

Hartung defende o financiamento público e exclusivo das campanhas.  

fonte http://www.jornalfato.com.br/

 

 

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Marataízes exonera quatro secretários municipais e mais 15 comissionados

Published

on

O prefeito em exercício de Marataízes, Jaiminho Machado, exonerou, em uma canetada só, quatro secretários municipais.

A lista foi publicada no diário oficial desta sexta-feira (12).

Além deles, consta na lista João Antonio Neto, o Joãozinho, gerente de gestão, que estava lotado no gabinete e também já exerceu cargo em primeiro escalão.

Em importância menor dentro da escala administrativa, também foram exoneradas outras 15 pessoas, entre diretores e outros.

Todos os nomes exonerados foram nomeados pelo então prefeito afastado Tininho Batista e eram colaboradores desde o seu primeiro mandato como prefeito.

Um dos secretários exonerados é Robson Abreu Silva que respondia por três secretarias.

Confira os secretários exonerados:

ANDERSON GOUVEIA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL E SEGURANÇA PATRIMONIAL

ROBSON SEYR – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

ANTÔNIO CARLOS SADER SANT’ANNA –  SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PESCA E AQUICULTURA

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE INFRAESTRUTURA DE INTERIOR

Leia Também:  Operação em Itapemirim cai como uma luva para os interesses do casal Theodorico-Norma

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE AGRICULTURA, AGROPECUÁRIA E ABASTECIMENTO

JOÃO ANTONIO NETO – GERENTE DE GESTÃO ADMINISTRATIVA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA