Carros e Motos

GM confirma nova picape para brigar com a Fiat Toro

Publicados

em

 

 

source
projeção antecipa como deverá ficar a nova picape da GM que será feita em São Paulo para enfrentar Foat Toro e outras
Projeção /Kleber Silva

projeção antecipa como deverá ficar a nova picape da GM que será feita em São Paulo para enfrentar Foat Toro e outras

A GM confirma que vai fabricar uma nova picape em São Caetano do Sul (SP) como parte dos novos modelos que serão lançados a partir do investimento de R$ 10 bilhões, que foi retomado em janeiro último. Trata-se de um montante que será aplicado nas fábricas de São Paulo para produção de veículos da nova plataforma GEM, a mesma usada no Onix e Tracker.

Embora a GM não confirme, a nova picape que chegará ao mercado vai entrar no lugar da atual Montana , que ainda consta no site da marca no Brasil, em apenas na versão LS (R$ 78.790), ainda com a plataforma do hatch Agile, que era feito na Argentina, país que acaba de encerrar as vendas da picape leve.

Leia Também:  Calma e respire fundo: cinco roteiros a serem seguidos após uma colisão

Além disso, a nova picape da GM que será feita em São Caetano do Sul (SP) virá para entrar no próspero segmento do qual fazem parte da Fiat Toro e a Renault Oroch . A primeira recebeu uma série de mudanças no final do mês passado, entre as quais novo motor 1.3 turbo flex, nova central multimídia com internet a bordo e retoques o desenho.

A nova picape da GM também terá que enfrentar a Ford Maverick , que virá do México, com a mesma base do SUV Bronco Sport. Outra marca que está de olho no segmento é a VW, que deverá fabricar a picape Tarok baseada no protótipo apresentado no Salão do Automóvel, em novembro de 2018, mas cujo projeto está temporariamente suspenso por causa da crise desencadeada pela pandemia.

Fábrica será preparada em etapas

Fábrica da GM em São Caetano do Sul já vai começar a receber mudanças a partir das próximas semanas
Divulgação

Fábrica da GM em São Caetano do Sul já vai começar a receber mudanças a partir das próximas semanas

Para receber o futuro modelo da Chevrolet, a linha de montagem da fábrica de São Caetano do Sul será preparada em várias etapas, no intuito de minimizar os impactos na produtividade do complexo. A primeira fase está prevista para iniciar logo nas próximas semanas.

Leia Também:  Fundo Soberano é tema de palestra do governador em webinário sobre royalties de petróleo

Mas a linha de montagem vai receber ferramentais específicos, que precisarão ser instalados e devidamente implementados para iniciar a montagem do veículo inédito. Está prevista ainda uma completa readequação no fluxo fabril do complexo, além da capacitação dos empregados.

“Adicionar um produto totalmente novo numa linha de montagem ativa é sempre uma jornada complexa, principalmente diante dos desafios tecnológicos que o projeto impõe. Até por isso a preparação da fábrica será executada em diversos estágios, que levarão meses cada um deles”, calcula Luiz Carlos Peres, vice-presidente de Manufatura da GM América do Sul. Parte da produção do novo modelo será exportada para mercados estratégicos da GM na região.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

VW retoma vendas do T-Cross Sense, agora para o público em geral

Publicados

em


source
VW T-Cross Sense: versão mais simples do SUV passa a ser vendida para o público em geral , não apenas para PcD
Divulgação

VW T-Cross Sense: versão mais simples do SUV passa a ser vendida para o público em geral , não apenas para PcD

A Volkswagen volta a vender a versão Sense do SUV T-Cross a partir de R$ 92.990. Agora o carro está disponível para os clientes finais, de varejo, depois de ter sido criada para atender inicialmente ao público PcD (Pessoa com Deficiência). Entre outras diferenças, o modelo mais simples da linha vem com calotas e sem logotipos da motorização, itens oferecidos como opcionais.

Entre os itens de série o VW T-Cross Sense conta com seis airbags (dois frontais, dois laterais nos bancos dianteiros e dois de cortina), ar-condicionado, direção elétrica, travas elétricas, vidros elétricos nas quatro portas, lanternas traseiras em LED, rack de teto, alarme antifurto, volante multifuncional, ISOFIX e top tether para fixação da cadeirinha infantil, banco do passageiro dianteiro com encosto rebatível , bancos traseiros rebatíveis, entre outros.

Leia Também:  Queiroga prometeu à OMS incentivar o uso de máscara, apontam documentos

Para esta versão, o VW T-Cross é oferecido nas cores sólidas Preto Ninja e Branco Puro, e na metálica Prata Sargas. O revestimento dos bancos é em tecido ‘Bandula’ cinza. Já o motor é o 1.0 TSI, que rende até 128 cv e 20,4 kgfm de torque, sempre combinado ao câmbio automático de seis marchas.

De acordo com a VW, o T-Cross Sense acelera de 0 a 100 km/h em 10,4 segundos, com velocidade máxima de 184 km/h. Segundo o Inmetro , o carro faz 7,6 km/l na cidade e 9,5 km/l na estrada com etanol. Com gasolina, os números sobem para 11 km/l e 13,5 km/l.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA