Economia

George Soros alerta que Covid-19 ameaça sobrevivência da Europa

Publicados

em


source
soros
Getty Images

Soros sugere que o dinheiro arrecadado poderia ser alocado para aqueles que mais necessitavam

O bilionário George Soros considera que a União Europeia pode se separar após a pandemia do Covid-19. O investidor diz que os danos podem ser graves, a menos que o bloco emita títulos perpétuos para ajudar membros considerados mais fracos, como a Itália, um dos países mais atingidos pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). 

Na avaliação de Soros, de acordo com a agência Reuters, os danos à economia da zona do euro decorrentes da pandemia podem durar “mais do que a maioria das pessoas pensa”, acrescentando que a rápida evolução do vírus significa que seria difícil desenvolver uma vacina confiável.

“O que restaria da Europa sem a Itália? O afrouxamento das regras de ajuda pública, que beneficiam a Alemanha, são particulamente duras para Itália, que já era uma espécie de ‘velhinho doente’ da Europa e é o país que mais sofreu com a Covid-19”, disse o investidor.

Covid-19 já mata mais que diabetes, câncer de mama e AVC por dia no Brasil

Leia Também:  BNDES cria programa de apoio às pequenas e médias empresas

Conhecido pela trajetórai no mercado financeiro, o bilionário disse que os bônus perpétuos, usados pelos britânicos para financiar guerras contra Napoleão Bonaparte, permitiriam que o bloco sobrevivesse.

“Se a UE não puder considerá-lo agora, talvez não consiga sobreviver aos desafios que enfrenta atualmente”, disse Soros em uma transcrição de sessão de perguntas e respostas enviada por e-mail a jornalistas.

Jovem de 17 anos cria monitor para Covid-19 e recusa oferta de R$ 46 milhões

Ele acrescentou que, com países importantes como a Alemanha vendendo títulos com rendimento negativo, os títulos perpétuos facilitariam uma crise orçamentária iminente em todo o bloco.

Soros disse que a UE teria que manter seu rating de crédito ‘AAA’ para emitir essa dívida — e, portanto, deve ter poderes de aumentar os impostos para cobrir o custo dos título. “Os impostos só precisam ser autorizados; eles não precisam ser implementados”, argumentou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Governo divulga lista de beneficiários do auxílio emergencial

Publicados

em


source
auxílio
Agência Senado / Divulgação

Governo tinha prometido divulgação como forma de transparência depois de casos de fraude

Anunciado na semana passada, o governo divulgou nesta sexta-feira (5) a lista de beneficiários do auxílio emergencial  no Portal da Transparência do Governo Federal, em que se pode verificar recebedores dos pagamentos e as parcelas.

Leia:
“Temos só 25% do esperado de fraudes”, diz presidente da Caixa
TCU vê risco de 8,1 milhões de pessoas de pessoas terem recebido auxílio indevidamente

Na página estão disponíveis os nomes de  53 milhões de pessoas beneficiadas, com filtros por estado, município e mês. O total de beneficiários, no entanto, passou de 59 milhões segundo dados da Caixa Econômica Federal.

É possível acessar um beneficiário específico por nome, CPF e Número de Identificação Social (NIS) – no caso do Bolsa Família. Também se pode consultar as informações a partir de dados de familiares.

Há uma divisão na forma de consulta, de acordo com as regras definidas na legislação. São três grupos: Bolsa Família, Inscritos no Cadastro Único e Não Inscritos no Cadastro Único.

Leia Também:  Após prorrogação da suspensão de corte, botijão de gás vai subir 10% em SP

Os dados sobre o auxílio emergencial serão atualizados mensalmente no Portal da Transparência. As informações já disponíveis detalham o valor de R$ 38,1 bilhões em recursos do governo federal. A ação visa dar transparência ao processo de recebimento do benefício, depois da divulgação sobre  fraudes no auxílio emergencial.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA