Segurança

DHPP prende 33º alvo da Operação Sicário II em Vitória

Publicados

em


O Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prendeu, na manhã desta sexta-feira (14), o 33º alvo da Operação Sicário ll, deflagrada em dezembro do ano passado. O detido de 21 anos é considerado gerente do tráfico de drogas no bairro Resistência, em Vitória, onde foi preso em cumprimento ao mandado de prisão.

As diligências desta sexta-feira (14) foram realizadas nos bairros Resistência, Praia do Suá (Morro da Garrafa) e Tabuazeiro (Morro do Macaco), contando com policiais do DHPP, da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) e do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (Notaer). Além da prisão, as buscas também resultaram na apreensão de entorpecentes e uma pistola turca.

Em um dos alvos, foram encontrados 35 porções grandes de haxixe, outros 104 pinos de haxixe, maconha, cocaína, balanças de precisão e máquina para prensar haxixe. Não houve conduzidos, mas o proprietário foi identificado.

O haxixe estava embalado a vácuo, em porções de 200 gramas com rótulos que indicavam a procedência do entorpecente como sendo o Morro do Macaco. A qualidade da embalagem, bem como a quantidade de entorpecente, que é considerado de alto custo, chamou atenção dos policiais e do secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho, que acompanhou a operação. 

“Haxixe é droga de rico. Cada pininho custa 50 reais. A sociedade tem participação efetiva nos números de homicídios, no tráfico de entorpecentes, na circulação de arma de fogo, porque tudo isso gira em torno de entorpecentes como o haxixe apreendido hoje, que só quem tem dinheiro pode comprar”, afirmou Ramalho.

O entorpecente foi apreendido no bairro Resistência, mas trazia o emblema do Morro do Macaco, o que para o titular do departamento de homicídios, delegado Romualdo Gianordolli, indica a ligação criminosa entre os bairros. Da mesma forma, a pistola de fabricação turca apreendida nesta sexta-feira (14) e a outra, de mesma origem, apreendida dias antes, indicam as ramificações do mesmo grupo criminoso em bairros de Vitória.

“Uma [pistola] foi pega no Itararé, no sábado, e a outra foi pega aqui no Morro da Garrafa. Como eles são membros do mesmo grupo criminoso, isso nos leva a crer que pode ter chegado um carregamento aqui, de armas de fabricação turca, o que vai ter que ser investigado”, disse o delegado.  

Texto: Camila Ferreira

Assessoria de Comunicação Polícia Civil
Comunicação Interna – (27) 3137-9024
[email protected]

Atendimento à Imprensa:
Matheus Zardini / Camila Ferreira
(27) 3636-9928 / (27) 99297-8693 / (27) 99231-5157 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Departamento de Narcóticos prende suspeito de guardar drogas em Vila Velha
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Segurança

Operação Graúna cumpre mandados de busca e apreensão em Itapemirim

Publicados

em


A 9ª Delegacia Regional de Itapemirim deflagrou, na última sexta-feira (14), a Operação Graúna, que cumpriu seis mandados de busca e apreensão na localidade de Graúna, em Itapemirim, local de reiteradas ocorrências de trocas de tiros e tráfico de entorpecentes. Um homem de 24 anos foi preso e uma arma, drogas e munições foram apreendidas.

As diligências contaram com a participação de policiais civis das delegacias de Polícia de Rio Novo do Sul, Itapemirim, Marataízes e do Plantão da 9ª Delegacia Regional de Itapemirim, além de agentes das Guardas Civis de Marataízes e de Itapemirim.

“Os mandados de busca e apreensão são fruto da investigação em andamento na Delegacia Regional de Itapemirim, na qual apuramos os crimes de tentativa de homicídio, tráfico de entorpecentes e porte de arma de fogo”, relatou o titular, delegado Djalma Pereira Lemos.

Em um dos alvos, a equipe prendeu um homem de 24 anos em flagrante. Assim que entraram na residência, os policiais encontraram um revólver calibre 38, munições e dinheiro. Depois, com o apoio do cão Baruck, agentes da Guarda Municipal de Marataízes localizaram crack, maconha e cocaína em um matagal em frente à casa do suspeito. O homem foi autuado pelos crimes de posse de arma de fogo e tráfico de drogas e encaminhado para o Sistema Prisional.

Em outro alvo, a equipe localizou munições e entorpecentes, mas ninguém foi preso. As investigações seguem em andamento e a população pode contribuir com informações de forma anônima, por meio do Disque-Denúncia 181, ou pelo site disquedenuncia181.es.gov.br.

Texto: Camila Ferreira


Assessoria de Comunicação Polícia Civil
Comunicação Interna – (27) 3137-9024
[email protected]

Atendimento à Imprensa:
Matheus Zardini / Camila Ferreira
(27) 3636-9928 / (27) 99297-8693 / (27) 99231-5157
[email protected]

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Departamento de Narcóticos prende suspeito de guardar drogas em Vila Velha
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA