Economia

Deflação terá efeito eleitoral pequeno para Bolsonaro, diz economista

Publicado em

 

Redução dos preços de combustíveis pode não ter tempo suficiente para influenciar eleitor
FreePik

Redução dos preços de combustíveis pode não ter tempo suficiente para influenciar eleitor

Economista-chefe da MB Associados, Sergio Vale diz que  dois meses de deflação a pouco mais de dois meses das eleições, como estima o mercado, talvez não seja suficiente para reverter o quadro de inflação forte que o país, principalmente os mais pobres, estão enfrentando.

Essa deflação terá efeito eleitoral?

Tem um efeito importante ter dois meses como julho e agosto, muito próximos da eleição, com deflação, e uma inflação que estava em dois dígitos, e agora em julho provavelmente já vai para um patamar abaixo de 10%. Começamos a ver o preço de combustível cair não só por causa do ICMS, mas pelos preços de petróleo mais acomodados agora. Os preços de alimentos tendem a ter cenário mais positivo no segundo semestre.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG 

Mas fica a dúvida se, de fato, um efeito de deflação de dois meses vai reverter todo esse cenário muito negativo de inflação que tivemos ao longo de dois anos.

Leia Também:  Veja seis outras opções onde é possível encontrar 'dinheiro esquecido'

A população, apesar de a inflação estar menor, ainda tem perda real de renda muito grande. Ainda está sofrendo as consequências dessa inflação muito intensa nesses dois anos. Precisamos acompanhar especialmente a população mais pobre, que é sensível à questão de emprego e inflação, isso pode reverberar de alguma forma. Precisaria ter uma mudança econômica muito mais drástica e durante um tempo maior para conseguir ter um efeito prático de mudança de voto.

Por quê?

A taxa de desemprego, apesar de menor, ainda está elevada, a inflação vai desacelerar, mas ainda é alta. Ajuda um pouco, mas os números dos últimos dois anos são muito ruins para o governo.

E a queda da inflação está mais concentrada nos combustíveis…

A alimentação tende a desacelerar, mas só mais para frente, talvez depois da eleição. Tem o efeito de energia e algum de combustível que pode ajudar, mas isso é mais para a classe média. E a classe média tem um grau de formação para perceber que essa é uma jogada eleitoreira.

Leia Também:  Eduardo Leite afirma que pode concorrer a presidência pelo PSD

Como fica a inflação e o crescimento no ano que vem?

Você tira inflação esse ano, mas coloca no ano que vem. Esse ano, a inflação deve ficar em torno de 8%, um pouco menos, mas ano que vem a inflação subiu para 5,4%. Crescimento é a mesma coisa. Os juros elevados agora para conter a inflação, com cenário internacional complicado, farão o crescimento ser de 0,5%.

Fonte: IG ECONOMIA

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Economia

Eletrobras reduz lucro em 45% após investimento em Furnas

Published

on

Eletrobras
Agência Brasil

Eletrobras

A Eletrobras obteve lucro líquido de R$ 1,401 bilhão no segundo trimestre do ano , queda de 45% na comparação com o mesmo período de 2021. No acumulado do ano até junho, o lucro da companhia caiu 1%, para R$ 4,117 bilhões.

Segundo a estatal, o resultado foi impactado negativamente pela provisão para perdas em investimentos no montante de R$ 890 milhões, em função, principalmente, do  aporte de capital realizado por Furnas na SPE Santo Antônio Energia.

No trimestre também pesou o registro de R$ 694 milhões em Provisão para Crédito de Liquidações Duvidosas (PCLD) relativo à inadimplência da distribuidora Amazonas Energia.

A receita operacional líquida atingiu R$ 8,856 bilhões no período, 19,1% superior à observada no mesmo período do ano passado, influenciada pela melhor performance nos contratos bilaterais e pelo reajuste anual das receitas de transmissão cuja base de ativos foi ampliada no ciclo 2021/2022 pelo reperfilamento da Rede Básica Sistema Existente (RBSE).

Leia Também:  Confira as novas regras para funcionamento do comércio, agências bancárias e outras atividades em Presidente Kennedy

De janeiro a junho, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado somou R$ 4,861 bilhões, alta de 6% em comparação com igual intervalo do ano anterior. Considerando os seis primeiros meses de 2022, o Ebitda ajustado aumentou 5% para R$ 9,791 bilhões. A margem Ebitda ajustada do período alcançou 55%, queda de 7,08 pontos percentuais (p.p.) na base anual.

Ao final do trimestre, a dívida líquida recorrente da Eletrobras era de R$ 15,142 bilhões, 11% menor que no mesmo intervalo do ano anterior. A alavancagem, medida pela relação dívida líquida por Ebitda LTM ajustado, alcançou 0,7 vez no trimestre, queda de 24% na base anual.

Os investimentos da Eletrobras no trimestre totalizaram R$ 2,548 bilhões, crescimento de 159% em base anual de comparação. No semestre os investimentos avançaram 103%, para R$ 3,050 bilhões.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia . Siga também o  perfil geral do Portal iG .

Leia Também:  Espírito Santo atinge 100% de regularidade com a União

Fonte: IG ECONOMIA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA