Esporte

Covid-19: Liga Polo Aquático Brasil promove campanha solidária

Publicados

em


.

A Liga Brasil Polo Aquático (PAB) lançou uma campanha solidária entre os clubes filiados para ajudar famílias impactadas pela pandemia do novo coronavírus (covid-19). A ação se estenderá até o dia 15 de junho e foi planejada como se fosse uma gincana, em três etapas. Podem contribuir atletas, técnicos, diretores, familiares e entidades filiadas , como também simpatizantes do esporte. 

Em nota oficial publicada no site da Liga PAB, o presidente da entidade Moscal Checchinato reiterou a importância o engajamento do maior número de pessoas possível. “A participação de todos os membros do polo aquático é muito importante para o envolvimento de todos na campanha. Atletas, diretores, familiares são muito bem-vindos para nos ajudar a fazer o bem. Um ação como essa preza principalmente pelo altruísmo e apoio aos que mais necessitam”. 

Será uma gincana que vai acontecer em três semanas. Nesta primeira semana – abertura ocorreu ontem (25) –  o objetivo é arrecadar frascos de álcool em gel e a cada litro recebido, a equipe ganhará dez pontos. 

A segunda semana será reservada à doação de máscaras de proteção. Cada peça corresponderá a dois pontos ganhos.

Leia Também:  Furacão inicia preparação para mais um duelo decisivo na Copa do Brasil

Já na terceira e última semana de campanha, as doações serão de cestas básicas, cada uma valendo 60 pontos.

De acordo com Checcihinato, o intuito da campanha em forma de gincana é promover a mobilização de todos. “O foco da campanha não é a rivalidade entre os clubes e entidades da PAB, mas sim impulsionar as doações com uma disputa amigável como forma de alcançar o maior número de pessoas”

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Roger vira a chave para nova decisão: “Precisamos jogar com autoridade”

Publicados

em


Passada uma decisão, já é hora de outra. O Fluminense já virou a página após a conquista a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil e voltou suas atenções para a partida contra o Cerro Porteño, nesta terça-feira, às 19h15, pelas oitavas de final da Libertadores. Para o técnico Roger Machado, o time precisa ter inteligência para entender as nuances da partida, já que o Tricolor tem uma vantagem obtida na vitória por 2 a 0 no jogo de ida do confronto, em Assunção, no Paraguai.

“É buscar o fôlego de novo depois da decisão na Copa do Brasil, em que precisávamos reverter uma vantagem e conseguimos dentro da nossa casa. Agora é focar no jogo da Libertadores e saber que a gente tem a vantagem. É preciso saber jogar com a vantagem, mas não pela vantagem. Há uma diferença grande e isso é importante. Precisamos jogar com autoridade, pois estamos dentro de casa, para que as coisas corram bem para conseguirmos essa vaga”, opinou o treinador.

Prestes a entrar no terceiro jogo de mata-mata consecutivo, Roger falou também como tem trabalhado junto ao elenco a parte psicológica, já que jogos eliminatórios costumas exigir ainda mais mentalmente dos jogadores. Para o treinador, embora atletas profissionais estejam habituados a este tipo de situação, é preciso saber dosar as emoções.

  Fred alcança marca de 180 gols pelo Fluminense

Leia Também:  Avaí fica no 0 x 0 com o Vitória e soma mais um ponto na tabela

“O atleta de alto rendimento, no geral, está preparado para esses momentos. Tivemos um curto espaço de recuperação entre os jogos e isso faz com que a gente tenha uma atenção redobrada. Temos que ter aqueles minutos de satisfação depois de uma conquista, como foi a vaga na Copa do Brasil, mas tão logo no outro dia, a partir do início do treino, já devemos começar a projetar e encher novamente os tubos para o próximo jogo decisivo, para que a gente não dê margem para que o adversário ganhe campo no jogo”, comentou.

Após vencer o jogo de ida por 2 a 0, em Assunção, no Paraguai, o Fluminense poderá até perder por um gol de diferença que ainda assim garante a classificação para as quartas de final da Libertadores, para enfrentar o Barcelona de Guayaquil, do Equador.

Foto: Mailson Santana/FFC
Texto: Comunicação/FFC

Seja Sócio e receba conteúdos exclusivos, além de ter descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Leia Também:  Miranda: “O time sai fortalecido, fizemos um grande jogo”

Fonte: https://www.fluminense.com.br/noticia/roger-vira-a-chave-para-nova-decisao-precisamos-jogar-com-autoridade

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA