Estado

Corretores e imobiliárias podem se credenciar para vender bens e imóveis do Bandes

Publicados

em


.

O Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) abriu edital para credenciamento de corretores e imobiliárias interessadas em prestar serviços de intermediação na venda de bens móveis e imóveis de propriedade do banco. Para participar do processo de seleção e credenciamento, é necessário que a pessoa física ou jurídica interessada tenha registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI).

Tanto as imobiliárias quanto os corretores que tenham credenciamento aprovado estarão autorizados a ofertar os imóveis do Bandes disponíveis para venda direta. São propriedades residenciais e comerciais, além de propriedades rurais, que foram colocadas em disputa em leilão pelo banco, mas não foram arrematadas e, agora, estão liberadas para a venda direta ao público.

O objetivo do Bandes é dar maior agilidade ao processo de venda desses bens, recebidos como forma de pagamento de contratos firmados junto à instituição. Com o serviço de profissionais especializados, os interessados terão mais facilidade na visita e na compra dos imóveis, já que as propriedades estão em todo território capixaba e também em outros estados.

Leia Também:  BOLETIM SALA DE SITUAÇÃO - 03/07/2020

A intermediação da venda de imóveis do Bandes por corretores e/ou imobiliárias credenciadas não trará qualquer custo acrescido aos interessados na compra das propriedades. Os profissionais que participarem das negociações serão remunerados com comissão, arcada pelo Bandes, descontados os impostos devidos, conforme já ocorre tradicionalmente no mercado imobiliário brasileiro.

O edital de credenciamento está disponível no site do Bandes aos interessados. [https://www.bandes.com.br/Site/Dinamico/Show/854/licitacoes13303]

Informações à imprensa:
Gerência de Comunicação Institucional do Bandes
Bárbara Deps Bonato / Wilson Igreja Campos
(27) 3331-4352/ (27) 99774-4428 / (27) 3331-4424
[email protected]

Fonte: Governo ES

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Governo do Estado lança Edital de Chamamento Público para eventos culturais virtuais e semipresenciais

Publicados

em


.

O Governo do Estado lançou, nesta segunda-feira (06), o Edital de Chamamento para Eventos Culturais virtuais e semipresenciais. Podem concorrer organizações da sociedade civil com finalidade cultural e sem fins lucrativos em várias áreas, como música, cultura popular, circo, dança, ópera, audiovisual, artes plásticas, entre outras. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas on-line até o dia 03 de agosto. A ação faz parte do Plano Emergencial da Cultura.

Durante a solenidade virtual, transmitida ao vivo pelas redes sociais, o governador Renato Casagrande destacou que o edital chega em um momento de adaptação da sociedade diante da nova realidade imposta pela pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). “São necessárias novas práticas e novos meios de se fazer as coisas. Fizemos o edital pensando em ajudar as pessoas e para que a gente também possa levar cultura à sociedade capixaba”, afirmou.

Casagrande lembrou que as atividades culturais e de entretenimento foram bastante impactadas pela pandemia e deverão ser as últimas a voltar ao normal. “Por isso as lives [transmissões ao vivo pela Internet] têm dado certo. As lives solidárias têm sido um sucesso e gostaria de agradecer o envolvimento de todos. Precisamos usar os meios virtuais para dar sequência aos eventos”, reforçou o governador.

O secretário de Estado da Cultura, Fabricio Noronha, aproveitou a oportunidade para comentar as ações do Plano Emergencial da Cultura, além de detalhar o funcionamento do Edital. “Essa ação de hoje faz parte do nosso Plano Emergencial da Cultura. É muito importante que a gente siga essa política de apoio aos eventos. É uma política que a gente tem construído junto com os festivais para dar continuidade aos trabalhos. Para que a gente também consiga manter os empregos e toda essa força produtiva que constrói a cultura”, disse.

Leia Também:  Governo do Estado lança Edital de Chamamento Público para eventos culturais virtuais e semipresenciais

Já o diretor da Rádio e Televisão do Espírito Santo (RTV-ES), Igor Pontini, colocou as emissoras públicas à disposição dos eventos culturais. “O acesso da população à Internet ainda é restrito. Ao transmitir pelo sinal de TV aberta, conseguimos ampliar a difusão de nossa cultura. Temos uma produção cultural consistente no Espírito Santo. O setor se profissionalizou, cresceu, mas muitos desses produtos estavam fora da televisão pública”, avaliou Pontini.

A solenidade virtual teve a participação da vice-governadora do Estado, Jaqueline Moraes; de deputados estaduais; além de representantes de municípios capixabas e do setor cultural. Falaram pelo segmento, os produtores Tarcísio Santório e Geovan Silva e a atriz Beth Caser.

Santório lembrou que o investimento na cultura auxilia a geração de renda de vários outros profissionais, incluindo costureiras, passadeiras, montadores, carregadores, músicos e demais envolvidos na cadeia do setor. Geovan Silva e Beth Caser comentaram a importância da sensibilidade na gestão pública. Silva lembrou que o governador Renato Casagrande apoia os eventos da cultura popular desde sua última gestão, enquanto Beth destacou o quanto as lives Solidárias já realizadas ajudaram aos artistas circenses.

Leia Também:  Programação da 13ª semana do EscoLAR está disponível para estudantes e professores

Edital

Podem concorrer Organizações da Sociedade Civil (OSCs) com finalidade cultural e sem fins lucrativos, com eventos online e semipresenciais em todas as áreas culturais: música, cultura popular, circo, dança, ópera, audiovisual, artes plásticas, entre outras. O Edital tem como critério a relevância social dos projetos. O apoio institucional da Secretaria da Cultura (Secult) pode ser de até R$ 150 mil em eventos temáticos e até de R$ 80 mil na categoria de cultura popular.

O Chamamento Público para eventos teve início em 2019 e este ano está voltado para eventos virtuais e semipresenciais, levando em consideração o contexto da pandemia da Covid-19. A ideia do Governo do Estado é continuar apoiando a cultura capixaba e os eventos produzidos no Espírito Santo, cumprindo todos os protocolos de saúde. 

Leia o Edital na íntegra

Inscreva-se on-line

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843

Assessoria de Comunicação da Secult
Aline Dias / Danilo Ferraz / Erika Piskac
(27) 3636-7111 / 99753-7583 / 999021627
[email protected] / c[email protected]

 

Fonte: Governo ES

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA