Política Nacional

Cônsul do Gabão, André Fonseca vai ser candidato a deputado federal

Publicados

em


source
Cônsul do Gabão, André Fonseca vai ser candidato a deputado federal
Reprodução

Cônsul do Gabão, André Fonseca vai ser candidato a deputado federal

O advogado pernambucano e cônsul do Gabão, André Fonseca, será candidato a deputado federal nas eleições deste ano pelo partido Brasil 35. Fonseca foi convidado pelo partido a tentar uma vaga no Congresso Nacional e afirmou ao iG que deve aceitar o convite. 

“Considerando o atual quadro político do país, em especial do estado de Pernambuco, que está abandonado pelos políticos que o representam, não há outra opção se não aceitar esse convite e esse desafio”, contou Fonseca.

E completou: “No momento, eu estou conversando com amigos, familiares e entidades da sociedade civil (…) até o momento todos foram unânimes na questão de apoiar e aprovar a minha candidatura (…) então é muito provável que seja candidato a deputado federal pelo estado de Pernambuco”.

André Fonseca é cônsul honorário do Gabão desde 2014, além de conselheiro mundial do LIKUD SERBIA, maior partido político de direita de Israel.

Na última terça-feira (11), o consul participou do podcast CTT Cast,  onde falou sobre política, diplomacia e a pauta armamentista em Pernambuco e no Brasil.  Confira.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política Nacional

Sociedade de Pediatria denuncia Bia Kicis ao MP por vazamento de dados

Publicados

em


source
Deputada Federal Bia Kicis
Ed Alves/CB/D.A Press

Deputada Federal Bia Kicis

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) pediu nesta segunda-feira (17) ao Ministério Público Federal (MPF) que investigue a deputada Bia Kicis (PSL-DF) pelo vazamento de dados de três médicos que defenderam vacinação infantil em audiência pública promovida pelo Ministério da Saúde . Em nota, a entidade diz que o gesto praticado pela parlamentar ” não pode ficar impune”.

Os médicos tiveram dados como CPF, e-mail e número de celular expostos na internet. Essas informações pessoais foram prestadas inicialmente ao Ministério da Saúde, antes da audiência.

Aliada do presidente Jair Bolsonaro, a deputada Bia Kicis, que contrária à vacinação obrigatória de crianças, admitiu à coluna de Malu Gaspar que compartilhou as declarações em um grupo de WhatsApp. No entanto, a deputada bolsonarisa negou ser responsável pelo vazamento.

“Pela imprensa, a Deputada Bia Kicis (presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados) assumiu a responsabilidade pela publicização de informações, o que deixou os médicos acima citados em situação de vulnerabilidade, sendo alvos de ameaças e intimidações pelo seu posicionamento em relação ao tema da vacinação de crianças contra a covid-19”, diz a nota.

Leia Também:  Caso passe no Congresso, Bolsonaro diz que vetará jogos de azar

Para a entidade, o Ministério Público deve dar uma resposta aos médicos pediatras do país “ mostrando que o MPF não compactua com atitudes ilegais no bojo de sua atuação”.

Leia Também

A SBP também pede ao Conselho de Ética da Câmara a instauração de inquérito para apurar a conduta da deputada. “Se for confirmada a violação do decoro parlamentar, ela deve ser processada e julgada conforme o Código de Ética da Câmara dos Deputados”, afirma a entidade.

No texto, a SBP também destaca que os procedimentos adotados “estão descolados de qualquer debate político, partidário, ideológico ou mesmo técnico-cientifico”.

A entidade informou também que a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) está sendo acionada para que tome as medidas cabíveis para apurar e punir os responsáveis pela prática ilegal de vazamento de dados sigilosos.

Leia Também:  Briga pelo poder abre crise na bancada evangélica no Congresso

Após o vazamento de dados pessoais dos médicos, a bancada do PSOL pediu ao MPF a instauração de um inquérito para investigar possíveis crimes cometidos pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e a deputada federal Bia Kicis.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA